O ônus da desigualdade no Brasil, artigo de Sucena Shkrada Resk

    Há uma máxima que deve ser respeitada: os fatos não mentem, quando se trata de analisar a desigualdade socioeconômica no Brasil, que inclui a injustiça ambiental. Os percentuais estatísticos se revelam diariamente, nos trazendo a uma realidade gritante: o país está entre os 15 mais desiguais no mundo e basta termos sensibilidade no nosso dia a dia para enxergarmos e nos sentirmos parte desta engrenagem.  Desemprego, déficit de acesso ao

Impactos aos ecossistemas aquáticos do Nordeste inviabilizam atividade de pescadores e pescadoras e geram insegurança alimentar

  Derramamento de óleo impede o acesso aos recursos marinhos e pescados; Relatório Luz diz que, nesses casos, ações de monitoramento e de redução de danos são urgentes Por Alex Cunha* Especialistas ainda não conseguem estimar os danos sofridos pelos ecossistemas, para os pescadores e pescadoras e para o turismo deste que já é considerado o maior crime ambiental em extensão da história do Brasil. O derramamento de petróleo em mais de 2.000

Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVCI): entenda os riscos e previna-se

  Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVCI) - A campanha de 2019 foca na prevenção e as possíveis sequelas causadas pela doença Por Lívia Davanzo O Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVCI) é a segunda maior causa de mortes e a primeira de incapacidade no Brasil. A cada 5 minutos um brasileiro morre em decorrência do AVCI, contabilizando mais de 100 mil mortes por ano. Por isso, ficar alerta aos sinais é fundamental para prevenir

O interesse em construir hidrelétricas em vez de investir em alternativas é a grande quantidade de dinheiro que pode ser ganho nas obras

  'O interesse em construir hidrelétricas em vez de investir em alternativas é a grande quantidade de dinheiro que pode ser ganho nas obras'. Entrevista especial com Philip Fearnside     Por Patricia Fachin e João Vitor Santos IHU O interesse do Estado brasileiro em investir na construção de hidrelétricas ao invés de incentivar fontes energéticas alternativas “se deve, principalmente, à grande quantidade de dinheiro que pode ser ganho nas obras”, diz Philip Fearnside à IHU On-Line. Os recursos envolvidos nesses empreendimentos, menciona,

EcoDebate: Índice da edição nº 3.309, de 24/10/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Saberes ecológicos indígenas, artigo de Roberto Naime Dieta plant-based: benefícios para a saúde e para o meio ambiente, artigo de Fabiano Lago Potencialidades volumétricas atuais do Rio São Francisco para o atendimento aos seus múltiplos e conflituosos usos, artigo de João Suassuna Plantas Alimentícias Não Convencionais (Pancs) são opção para quem deseja incrementar a alimentação de forma benéfica e natural Políticas existentes de precificação de carbono não garantem o cumprimento

Saberes ecológicos indígenas, artigo de Roberto Naime

  Saberes ecológicos indígenas [EcoDebate] Ricardo Cavalcanti-Schiel reflete sobre saberes ecológicos indígenas. Não se trata de opor um fantasioso “espiritualismo” a um materialismo ocidental. Mas de desafiar nosso regime de sociabilidade com outras concepções, disposições e possibilidades Houve um tempo em que falar de índios no Brasil era um exercício romântico. Tão romântico quanto fantasioso. No começo do século XX, alguns paulistas batizaram os lugares com nomes tupi, do Anhangabaú a Araçatuba. Quando a

Dieta plant-based: benefícios para a saúde e para o meio ambiente, artigo de Fabiano Lago

  [EcoDebate] Nem vegana, nem vegetariana. A dieta plant-based, ou seja, baseada em plantas, é realizada pela eliminação ou apenas redução do consumo de produtos de origem animal. Durante essa dieta, alimentos processados, industrializados e refinados também são retirados das refeições - o que não acontece, necessariamente, nos cardápios veganos e vegetarianos. Com alimentos em sua forma natural, a plant-based traz inúmeros benefícios para a saúde e é um caminho certo para prevenção

Potencialidades volumétricas atuais do Rio São Francisco para o atendimento aos seus múltiplos e conflituosos usos, artigo de João Suassuna

  O Rio São Francisco, também chamado de Velho Chico, o maior rio totalmente situado em território brasileiro, é considerado o rio da integração nacional. Escoa superficialmente por cerca de 2.820 km entre a nascente, na Serra da Canastra (MG), e sua foz, entre Sergipe (SE) e Alagoas (AL). O rio possui 158 afluentes, dos quais 90 são perenes (o Paracatu é um dos mais importantes deles em termos de contribuição volumétrica)

Plantas Alimentícias Não Convencionais (Pancs) são opção para quem deseja incrementar a alimentação de forma benéfica e natural

  As plantas alimentícias não convencionais apresentam alto teor de nutrientes e estimulam a agricultura agroecológica Por Lais Pontin Matos   Pancs. Foto: Tuane Eggers   Se você deseja incrementar seu cardápio de maneira saudável e sem gastar muito, deve considerar o consumo regular de plantas alimentícias não convencionais (Pancs). Apesar de relativamente nova no cenário nutricional, a opção torna-se uma ótima pedida para quem busca variar o consumo de produtos de origem natural e quer

Políticas existentes de precificação de carbono não garantem o cumprimento dos objetivos do Acordo de Paris

    Levantamento publicado pelo Banco Mundial aponta que apenas 20% das emissões no mundo são cobertas por uma política de precificação de carbono e menos de 5% desses atendem aos objetivos do Acordo de Paris Por Willians Ribeiro Cresce a utilização de instrumentos de precificação de carbono como maneira de lidar com o desafio de limitar as emissões de gases de efeito estufa (GEE). O objetivo dos instrumentos de precificação é incorporar na

EcoDebate: Índice da edição nº 3.308, de 23/10/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Os países pobres e de renda média lideram a emissão global de CO2 no século XXI, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Na ação policial, o perigo é a obrigação de atirar, artigo de Marco Antônio Barbosa Você sabe identificar um assédio sexual no ambiente de trabalho? artigo de Lu Magalhães Emergência Climática - Porque uma geleira da Groenlândia em crescimento não significa boas notícias para o aquecimento global Agricultura

Os países pobres e de renda média lideram a emissão global de CO2 no século XXI, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

[EcoDebate] O mundo vive uma emergência climática. A temperatura da Terra já subiu mais de 1º C desde o início da Revolução Industrial e o ritmo do aquecimento global tem se acelerado. Uma temperatura de 1,5º C acima do nível médio do século passado pode ser atingida na década de 2030 e a marca de 2º C (prevista como limite máximo do Acordo de Paris) pode ser atingida até meados

Top