Materiais de plástico e restos de cigarro representam mais de 90% dos resíduos encontrados no ambiente marinho brasileiro

  Plástico e resto de cigarro são mais de 90% dos resíduos vistos no mar ABr   Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil   Materiais de plástico e restos de cigarro representam mais de 90% dos resíduos encontrados no ambiente marinho brasileiro, segundo diagnóstico divulgado pela Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe). Ambos correspondem a 52,4% e 40,4%, respectivamente, do número de objetos coletados. Dados internacionais mostram que, no exterior, os materiais plásticos também

Rio ganha duas usinas que transformam lixo em biogás

  Transformar lixo em energia e combustível. Essa será a função das duas usinas da Gás Verde S.A inauguradas ontem (4), no estado do Rio de Janeiro. As unidades estão situadas nos aterros sanitários de Seropédica, na região metropolitana, e em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense.     Segundo a Gás Verde S.A, o biogás é mais puro do que o gás natural proveniente do petróleo. Depois de refinado, ele é comercializado como combustível para

As sacolas plásticas e o início de um novo tempo, artigo de Mariana Schuchovski

    [EcoDebate] Desde o último dia 26 de junho, partir desta quarta-feira (26), os estabelecimentos do Estado do Rio de Janeiro estão proibidos de oferecer sacos ou sacolas plásticas descartáveis aos seus clientes, devido a aprovação da Lei 8.006/2018. Na mesma semana, a cidade de São Paulo (SP) sancionou um projeto de lei municipal para a proibição do fornecimento de canudos plásticos na cidade. Seguindo esse ritmo, logo medidas semelhantes estarão

A logística reversa e suas interdependências, artigo de Élcio Herbst

  Logística Reversa [EcoDebate] A temática dos “resíduos sólidos” é complexa e exige uma visão sistêmica, abrangendo diferentes atores. A ausência de apenas um deles acaba por trazer prejuízos para toda a cadeia. Por esse prisma, a logística reversa também se apresenta com maior necessidade de interação de todos os envolvidos, seja o governo, indústria, comércio, fornecedor ou o consumidor final. E de pouco vale a implementação de um programa de logística reversa

Lixões e queima irregular de resíduos liberam 6 milhões de toneladas de gás de efeito estufa ao ano

  Foto: Maira Heinen ABr A permanência de lixões para descarte de lixo no Brasil e a queima irregular de resíduos respondem por cerca de 6 milhões de toneladas de gás de efeito estufa ao ano (CO2eq), aponta levantamento do Departamento de Economia do Sindicato Nacional das Empresas de Limpeza Urbana (Selurb). O montante é o equivale ao gás gerado por 3 milhões de carros movidos a gasolina anualmente. O estudo foi divulgado

Qual o impacto do seu cafezinho no meio ambiente? Pesquisadoras do IPT comparam lixo gerado por cápsulas de café e filtros de papel

  Que o brasileiro gosta de um cafezinho pela manhã, nas pausas do trabalho, depois do almoço e para receber um amigo em casa, todo mundo já sabe: segundo estudo da Euromonitor International, só em 2017 cada brasileiro consumiu em média 817 xícaras de café, o que corresponde a seis vezes a média mundial e 15% do volume global consumido. É o país que mais bebe café no mundo. Mas será que

A problemática da destinação final e coleta seletiva dos resíduos sólidos na cidade de Teresina – PI, por Jonathas Macedo, Samya Neves e Djailson Malheiros

A PROBLEMÁTICA DA DESTINAÇÃO FINAL E COLETA SELETIVA DOS RESÍDUOS SÓLIDOS NA CIDADE DE TERESINA – PI Macedo, Jonathas H.1; Neves, Samya de A.2; Malheiros, Djailson R.3. 1 Aluno do Curso de Medicina da Faculdade de Medicina Estácio - FMJ Juazeiro do Norte; 2 graduação em Farmácia pela Universidade Federal do Ceará(1995), mestrado em Bioquímica pela Universidade Federal do Ceará(1999) e doutorado em Bioquímica pela Universidade Federal do Ceará(2005). Atualmente é Professor

Quando o plástico biodegradável não degrada mais rápido que o polietileno convencional

    O onipresente saco de plástico é útil para transportar mantimentos e outros itens para casa da loja. No entanto, essa conveniência prejudica o meio ambiente, com detritos plásticos cobrindo a terra e os cursos de água. Os fabricantes oferecem sacolas plásticas biodegradáveis ou compostáveis, mas em muitos casos, essas alegações não foram testadas em ambientes naturais. Agora, os pesquisadores relatam na Environmental Science & Technology da ACS que os sacos não

A retaliação do lixo, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó)

    [EcoDebate] São 332 barragens nas cabeceiras do Rio São Francisco. Cerca de 70% cheias de rejeitos da mineração. Basta estourar a de Congonhas do Campo, com rejeitos de metais pesados para minerar o ouro, que o Velho Chico estará morto por 100 anos, calculam especialistas da área. Então, Brumadinho e Mariana, que não mandaram aviso, avisaram que estamos com uma barragem de rejeito amarrada em cada pescoço. Nós somos 18 milhões

União Europeia proíbe uso de plásticos em cotonetes, pratos, canudos, copos e recipientes para alimentos e bebidas

  A proibição do consumo de uma série produtos passa a valer a partir de 2021 e busca reduzir a poluição por plásticos No esforço de combater o lixo nos oceanos, rios e lagos, assim como a poluição como um todo, o Parlamento Europeu aprovou ontem (27) a proibição do consumo de uma série produtos plásticos nos países que formam o bloco. A lista tem dez itens e inclui cotonetes, pratos, canudos,

Produção de lixo eletrônico global deverá alcançar 120 milhões de toneladas ao ano em 2050, diz relatório

  O nível de produção de lixo eletrônico global deverá alcançar 120 milhões de toneladas ao ano em 2050 se as tendências atuais permanecerem, de acordo com relatório da Plataforma para Aceleração da Economia Circular (PACE) e da Coalizão das Nações Unidas sobre Lixo Eletrônico, divulgado em Davos, Suíça, na quinta-feira (24). No relatório, membros da PACE e da Coalizão da ONU sobre Lixo Eletrônico, incluindo a ONU Meio Ambiente, pedem uma

Coleta seletiva só recolhe 2% do lixo em SP

  Dados estão em estudo da Faculdade de Saúde Pública; pesquisadora também defende que a coleta seletiva deve se somar a outras ações Jornal da USP Um estudo da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP analisa a eficácia social da Política Nacional de Resíduos Sólidos no sistema de coleta seletiva implantado no município de São Paulo. A tese de doutorado de Marli Aparecida Sampaio foi centrada nos anos de 2013 a 2016

Top