Protocolo de Nagoya – O que significa a ratificação?

  Pauta se encontra sob apreciação do Senado, após decreto legislativo ser aprovado na Câmara dos Deputados em 08/7/2020; um acordo internacional na área da diversidade biológica, iniciado em 2010 Por Sucena Shkrada Resk* O ano era 2010. A 10ª Conferência das Partes da Convenção sobre Diversidade Biológica estabeleceu, no Japão, o Protocolo de Nagoya, que regulamenta o Acesso a Recursos Genéticos e a Repartição Justa e Equitativa dos Benefícios Advindos de sua Utilização. Mas somente em 12 de outubro de 2014,

Por quê a Ásia se tornou o epicentro de diferentes doenças?

  Por Rodrigo Silva [EcoDebate] Há um alerta por parte das autoridades de saúde e meio ambiente do mundo inteiro de que a pandemia da COVID-19 não será a última e que, a sociedade deve se preparar para as próximas doenças infecciosas emergentes que estão por aparecer nos próximos anos. Mas, nesse momento, surge o seguinte questionamento: por que boa parte das doenças pandêmicas dos últimos anos tiveram sua origem na Ásia? Há muitas

Webconferência aborda a importância da conservação da agrobiodiversidade para a soberania alimentar

  José Nestor Lourenço, pesquisador da Embrapa Amazônia Ocidental, profere palestra, por meio de webconferência, sobre "Agrobiodiversidade e Soberania Alimentar nas Comunidades", no dia 10 de julho, das 16h às 17h30, horário de Brasília (15h às 16h30 no horário de Manaus). A palestra é promovida pelo Centro Regional de C&T em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional na Região Norte (CTSSAN Norte), coordenado pelo Instituto de Pesquisas da Amazônia (Inpa), e

Biodiversidade: a peça mais importante para um futuro sustentável, artigo de Malu Nunes

  [EcoDebate] Por sua capacidade de mover-se por todas as direções do tabuleiro, a rainha (também conhecida como dama) é considerada a peça mais importante do xadrez, capaz de determinar a vitória ou a derrota de um jogador. Quanto maior a aptidão de um indivíduo às mudanças de cenário, maiores suas chances de êxito. No planeta Terra, também podemos identificar um fator capaz de definir nosso sucesso enquanto espécie: fora do

Exploração predatória do patrimônio natural e o ‘melhor’ negócio do mundo, artigo de Clóvis Borges

  [EcoDebate] A cada ano o mês do Meio Ambiente toma vulto e chama mais a atenção da sociedade, além do Dia Mundial do Meio Ambiente, em junho também se comemora o Dia da Ecologia e o Dia Mundial dos Oceanos. No entanto, o fenômeno que traz maior notoriedade ao tema ambiental não ocorre em decorrência apenas de agendas comemorativas. Esta fama crescente se dá, a bem da verdade, pela apreensão

Dia Internacional da Tartaruga Marinha e a Natureza Vulnerável

Em 16 de junho comemora-se o Dia Internacional da Tartaruga Marinha, data de nascimento de Archie Carr, pioneiro americano que dedicou toda a sua carreira à pesquisa e conservação das tartarugas marinhas. A trajetória de vida da tartaruga marinha não é fácil. A cada 1000 ovos colocados por uma tartaruga em fase de reprodução, 800 chocam. Das 800 tartaruguinhas que nascem, apenas 400 chegam ao mar, já que encontram obstáculos diversos

Meio Ambiente e Biodiversidade, artigo de Juacy da Silva

  “Defender e melhorar o meio ambiente para as atuais e futuras gerações se tornou uma meta fundamental para a humanidade”. (Declaração da Conferência da ONU sobre o Meio Ambiente, Estocolmo 1972) [EcoDebate] A saúde humana está diretamente ligada e extremamente dependente da “saúde” do planeta terra, da mãe natureza. Enquanto as relações entre o ser humano/a humanidade e a natureza continuarem sendo de dominação, de exploração irracional, de degradação ambiental, cada

Reserva Legado das Águas abriga 13% de toda fauna ameaçada de extinção na Mata Atlântica

  Balanço de espécies catalogadas na área reforça a importância da Reserva para conservação de espécies que só podem ser encontradas nesse bioma Por Gabriel Santos Um levantamento realizado pelo Legado das Águas, maior reserva privada de Mata Atlântica do país, mostrou que em seus oito anos de existência, as pesquisas científicas e monitoramento de fauna e flora já registraram 1.765 espécies na área, localizada no Vale do Ribeira paulista. Deste total, 809

Especialistas alertam para a relação entre ação humana no planeta e surgimento de pandemias

Cinco medidas para evitar que o planeta entre em colapso Os impactos das ações humanas no surgimento de pandemias como a do novo coronavírus é um tema recorrente no meio acadêmico e científico. A renomada primatologista britânica Jane Goodall, de 86 anos, que dedicou sua vida à defesa dos animais e do meio ambiente, defende a ideia que o “desprezo” pelo meio ambiente causou a crise do novo coronavírus. De acordo com

Com 10 milhões de hectares perdidos todos os anos, proteção de florestas é fundamental para salvar biodiversidade

  ONU News Novo relatório destaca importância desses ecossistemas para proteger espécies do planeta; mico-leão-de-cara-dourada, no Brasil, é um dos exemplos do risco de extinção; cerca de 420 milhões de hectares foram destruídos desde 1990, mas taxa de desmatamento anual diminuiu. É preciso tomar ação urgente para se proteger a biodiversidade das florestas devido a taxas alarmantes de desmatamento e degradação, segundo a última edição do relatório Estado das Florestas do Mundo. Publicada no Dia

Coronavírus está ligado a crises climáticas e de biodiversidade

Por Ina Fried*, Axios Lidar com o coronavírus sem prestar atenção às mudanças climáticas e às crises de biodiversidade seria um erro, dadas as maneiras pelas quais os três estão inter-relacionados, disse um especialista em conservação da vida selvagem ao "Axios on HBO". Por que é importante: se não reconhecermos a conexão, provavelmente veremos mais doenças de difícil tratamento saltarem de animais para seres humanos, disse Joe Walston, da Wildlife Conservation Society, em

Mudanças climáticas podem causar perdas potencialmente catastróficas de biodiversidade em todo o mundo

  Um clima global em aquecimento pode causar súbitas e potencialmente catastróficas perdas de biodiversidade em regiões do mundo todo ao longo do século XXI, revela um novo estudo liderado pela UCL. University College London* As descobertas, publicadas na Nature , preveem quando e onde poderá haver graves perturbações ecológicas nas próximas décadas e sugerem que as primeiras ondas já podem estar acontecendo. O autor principal do estudo, Dr. Alex Pigot (Centro de Pesquisa

Terras protegidas reduzem a perda de habitat e protegem espécies ameaçadas, diz estudo

  Perda de habitat significativamente maior ocorre em terras privadas, indicando a necessidade de esforços de conservação mais uniformes Tufts University* Usando mais de 30 anos de imagens de satélite terrestre, cientistas da Universidade Tufts e da organização de conservação sem fins lucrativos Defenders of Wildlife descobriram que a perda de habitat para espécies ameaçadas nos EUA esse período foi duas vezes maior em terras privadas não protegidas do que em terras protegidas

Pesquisa revela que o herbicida Roundup contamina ecossistemas de água doce e prejudica a biodiversidade

  Estudo examina a resiliência de ecossistemas de água doce contaminados pelo herbicida Roundup McGill University* Um dos herbicidas mais utilizados no mundo, à base de glifosato, o Roundup, pode desencadear a perda de biodiversidade, tornando os ecossistemas mais vulneráveis à poluição e às mudanças climáticas, afirmam pesquisadores da Universidade McGill. O uso generalizado do Roundup em fazendas despertou preocupações sobre possíveis efeitos ambientais e à saúde em todo o mundo. Desde os anos

Estudo global avalia o impacto da poluição na diversidade das plantas aquáticas e nos ambientes de água doce

  Estudo traz novas descobertas sobre impacto da ação humana nos ambientes de água doce ONU A fotossíntese em muitas plantas aquáticas depende de bicarbonato (HCO3?) além de dióxido de carbono (CO2). O estudo investiga a ligação entre os dois e seu impacto na distribuição das plantas. “As mudanças antropogênicas estão afetando as concentrações de bicarbonato e de CO2, e isso pode alterar a composição das espécies das comunidades de plantas de água doce”,

Pesquisa mostra que El Niño 2015 e incêndios contribuíram para o colapso de insetos na Amazônia

A seca e o fogo que atingiram as florestas durante o El Niño 2015 causaram uma perda de mais de 50% nas populações dos besouros chamados rola-bosta. Esses insetos são essenciais para a recuperação dos ecossistemas através da dispersão de sementes e nutrientes. Universidade Federal de Lavras Uma equipe internacional de pesquisadores, entre os quais estão representantes da Universidade Federal de Lavras (UFLA), foi até a Amazônia para investigar como a seca

Metade do PIB mundial é mais depende da natureza e da biodiversidade do que o estimado, afirma novo relatório

• A ciência mais recente nos diz que cerca de 25% de nossas espécies vegetais e animais catalogados estão ameaçadas por ações humanas, com um milhão de espécies em extinção, muitas em décadas • As empresas são mais dependentes da natureza do que se pensava anteriormente, com aproximadamente US $ 44 trilhões em geração de valor econômico moderada ou altamente dependente da natureza • Construção, agricultura, alimentos e bebidas são

Emergência climática: incêndios, ondas de calor marinhas e perda de biodiversidade

  2020 é um ano decisivo para lideranças com poder de decisão sobre questões da biodiversidade e das mudanças climáticas, e também para a humanidade como um todo começar a prestar atenção no colapso dos nossos sistemas planetários. O ano sediará dois grandes eventos, conhecidos como "conferências das partes", sobre a biodiversidade e o clima. Na conferência sobre biodiversidade, as partes chegarão a um acordo e apresentarão o novo conjunto de metas para a natureza na próxima

Espécies exóticas invadem áreas degradadas da Amazônia

    Caros(as) colegas, Uma surpresa comum é que ecossistemas perturbados frequentemente sustentam tantas (ou até mais) espécies quanto aquelas que são intocados. Por quê? A resposta é que ambientes perturbados, como os afetados pela exploração madeireira, mineração ou poluição, geralmente contêm muitas espécies exóticas ou não nativas que invadiram o ecossistema. O estudo Avian ecological succession in the Amazon: A long-term case study following experimental deforestation, que é bastante singular, mostra esse processo de

Incêndios florestais na Austrália: Estima-se que mais de 1 bilhão de animais já foram mortos

  Acredita-se que mais de 1 bilhão de animais tenham sido mortos em incêndios que assolaram a Austrália desde setembro, disse Chris Dickman, professor da Universidade de Sydney, ao Huffington Post, em uma atualização de sua estimativa anterior de 480 milhões na semana passada. Por que é importante: os incêndios ameaçaram a vida selvagem da Austrália, conhecida por seus animais raros e ecossistemas distintos. O meio ambiente já estava ameaçado pelo desmatamento

Top