A crise ambiental global colocará 5 bilhões de pessoas em risco até 2050, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

“É triste pensar que a natureza fala e que a humanidade não a ouve” Victor Hugo   [EcoDebate] Cinco bilhões de pessoas em todo o mundo – especialmente aquelas de comunidades mais pobres - deverão enfrentar, até 2050, um risco crescente de suportar tempestades costeiras, poluição da água e perdas de colheitas ligadas à crise climática causada pelo crescimento das atividades antrópicas. Artigo de Rebecca CHAPLIN-KRAMER, publicado na revista Science (10/2019), buscou entender e

Mudanças climáticas já prejudicam saúde das crianças em todo o mundo

    O estudo Lancet Countdown on Health and Climate Change reúne pesquisas de 35 instituições de abrangência global, incluindo a Fiocruz As mudanças climáticas que o mundo inteiro tem enfrentado já estão prejudicando a saúde de crianças e apontam consequências para toda a vida de uma geração inteira, de acordo com a contagem regressiva da Lancet para a Saúde e Mudanças Climáticas (Lancet Countdown on Health and Climate Change). O estudo –

Emergência Climática – O aumento do nível do mar ameaçará mais 40 milhões de pessoas – três vezes o que as estimativas anteriores

  Por Amy Harder*, AXIOS   Data: Kulp et al., 2019, “New elevation data triple estimates of global vulnerability to sea-level rise and coastal flooding”; Chart: Naema Ahmed/Axios Enquanto o debate continua sobre como combater as mudanças climáticas, os impactos que a elevação da temperatura já alcançou estão piorando. Por que é importante : estamos aprendendo mais sobre quanto do dano é irreversível, como com o aumento do nível do mar - o que significa que precisamos pensar

Emergência Climática: As chuvas futuras podem superar em muito as previsões climáticas atuais

    Chuvas: Os cientistas analisaram registros da década de 1870 até os dias atuais e os compararam com os apresentados em projeções nacionais Por Alan Williams* Casas e comunidades em todo o país sentiram toda a força das chuvas torrenciais nas últimas semanas. E as terras altas do Reino Unido poderão, no futuro, ver significativamente mais chuvas anuais do que o atualmente previsto nos modelos climáticos nacionais, de acordo com uma nova pesquisa

Emergência Climática: Mudanças climáticas já afetam a saúde das novas gerações

  Doenças infecciosas, enchentes, incêndios florestais e escassez de alimentos pintam futuro sombrio para uma criança nascida hoje caso o ritmo de emissão de carbono continue nos níveis atuais Por Matheus Souza, Jornal da USP Ninguém mais duvida que as mudanças climáticas trazem consequências catastróficas para o meio ambiente. Agora, um estudo elaborado por 120 especialistas de diferentes países estima quais são os efeitos dessas mudanças para a saúde dos seres humanos, e

Cientistas alertam para a emergência climática e o crescimento populacional, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

“Ainda crescendo em torno de 80 milhões pessoas por ano, ou mais de 200.000 por dia, a população mundial precisa ser estabilizada e, idealmente, reduzida gradualmente” Alerta dos cientistas mundiais sobre a emergência climática (05/11/2019) [EcoDebate] Mais de 11 mil cientistas de todo o mundo, de maneira reiterada, alertam a humanidade sobre a ameaça de uma iminente catástrofe ambiental e declararam que o Planeta está enfrentando uma emergência climática. O manifesto diz

Emergência Climática: Mudanças climáticas podem causar profundas mudanças no clima subtropical

  Mais de um bilhão de pessoas dependem de monções sazonais para suas necessidades de água. A monção asiática está intimamente ligada a um fluxo de ar tropical em escala planetária que, de acordo com um novo estudo do Lawrence Berkeley National Laboratory (Berkeley Lab), provavelmente mudará geograficamente à medida que o clima continuar quente, resultando em menos chuvas em determinadas regiões . Lawrence Berkeley National Laboratory* Os pesquisadores do Berkeley Lab, Wenyu

Emergência Climática – Os furacões estão se tornando maiores, mais fortes e mais perigosos

    Furacões estão se tornando maiores, mais fortes e mais perigosos Um novo estudo de pesquisadores do Instituto Niels Bohr, Universidade de Copenhague, Aslak Grinsted, Peter Ditlevsen e Jens Hesselbjerg mostra que os furacões se tornaram mais destrutivos desde 1900, e os piores deles são mais de três vezes mais freqüentes do que há 100 anos. Niels Bohr Institute*, University of Copenhagen Uma nova maneira de calcular a destruição, compensando a mudança social da

Impacto climático da energia hidrelétrica varia muito em todo o mundo

    A energia hidrelétrica é amplamente considerada muito mais ecológica do que a eletricidade gerada a partir de combustíveis fósseis, e em muitos casos isso é verdade. No entanto, um novo estudo revela que o impacto climático das instalações hidrelétricas varia muito em todo o mundo e ao longo do tempo, com algumas instalações emitindo mais gases de efeito estufa do que as que queimam combustíveis fósseis. Os pesquisadores relatam seus resultados

A crise climática é mais grave e urgente do que dizem os meios de comunicação e os cientistas

  IHU “Para evitar ser rotulados como alarmistas ou partidaristas, os cientistas tendem a endossar posições de consenso que são inevitavelmente o denominador comum entre diagnósticos distintos da crise. Esse consenso acaba subestimando a gravidade da situação”, escreve César Rodríguez Garavito, advogado e sociólogo colombiano, defensor dos direitos humanos, em artigo publicado por El Espectador, 08-11-2019. A tradução é do Cepat. Eis o artigo. Alguns leitores me perguntaram por que estou insistindo na crise climática nesta coluna. Agradeço a observação e, no

Emergência Climática – Em todo o mundo, outubro foi 0,69°C mais quente que o outubro médio de 1981-2010

  Anomalia na temperatura do ar da superfície em outubro de 2019 em relação à média de outubro para o período 1981-2010. Fonte de dados: ERA5. Crédito: Copernicus Climate Change Service / ECMWF. As temperaturas de outubro em 2019 ficaram acima da média 1981-2010 na maior parte da Europa, principalmente no leste e sudeste. Temperaturas abaixo da média ocorreram na maior parte do norte e noroeste do continente. Em outros lugares, as temperaturas nas

Cientistas alertam para a urgência em declarar emergência climática

  O consenso científico sobre a ameaça da mudança climática está bem estabelecido, remontando a 40 anos da Primeira Conferência Mundial do Clima, realizada em Genebra em 1979. Nas décadas seguintes, participantes de assembleias semelhantes mencionaram a crescente ameaça de uma mudança climática e governos advertidos e outros órgãos de formulação de políticas para agir. American Institute of Biological Sciences* Escrevendo em BioScience , membros de uma coalizão mundial de cientistas argumentam que

Top