Fuligem proveniente do tráfego rodoviário contribui para o aquecimento global

  Redução das emissões de transporte teria impactos positivos na saúde e no clima Leibniz Institute for Tropospheric Research*     A fuligem proveniente do tráfego rodoviário em países emergentes pode atingir grandes altitudes, onde pode ser transportada por longas distâncias e, assim, contribui para o aquecimento global. Esta é a conclusão de um estudo realizado por uma equipe internacional de pesquisadores nas cidades bolivianas de La Paz (sede do governo), El Alto e o vizinho

Pesticidas expostos pelo degelo do Alasca apresentam risco de câncer

  Crianças no Alasca, cuja dieta inclui muitos peixes de rios alimentados pela Cordilheira Oriental do Alasca, podem ter um elevado risco de câncer a longo prazo por causa de inseticidas, incluindo o DDT, expostos pelo degelo. Mesmo com níveis baixos de pesticidas organoclorados (OCPs) no degelo glacial, o risco de câncer para jovens e adultos que contam com o peixe como alimento básico em sua dieta está acima do limite máximo

Explicando eventos climáticos extremos da perspectiva das mudanças climáticas

  Bulletin of the American Meteorological Society (BAMS) apresenta avaliações de como as mudanças climáticas causadas pelo homem podem ter afetado a força e a probabilidade de eventos climáticos extremos individuais. Da Redação EcoDebate As secas das planícies do norte dos EUA e da África Oriental de 2017, as inundações na América do Sul, China e Bangladesh e as ondas de calor na China e no Mediterrâneo foram mais prováveis pelas mudanças climáticas

Emissões globais de dióxido de carbono (CO2) aumentam mesmo com a diminuição do carvão e o aumento das energias renováveis

  Emissões globais de dióxido de carbono aumentaram pelo segundo ano consecutivo, impulsionadas pelo crescente consumo de energia Escola de Ciências da Terra, Energia e Meio Ambiente de Stanford (Stanford Earth)* As emissões globais de dióxido de carbono se encaminham para aumentar pelo segundo ano consecutivo, principalmente devido ao crescente consumo de energia, de acordo com novas estimativas do Projeto Carbono Global, uma iniciativa liderada pelo cientista Rob Jackson, da Universidade Stanford. As novas

As emissões globais de combustíveis fósseis batem recorde em 2018, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  "O fato é que as emissões só cairão consistentemente com uma mudança completa no modelo de produção e consumo e o decrescimento demoeconômico".   [EcoDebate] O Acordo de Paris, assinado em 2015, em seu ponto principal, trata do esforço para reduzir as emissões de gases de efeito estufa (GEE). Entre 2014 e 2016 as emissões mundiais ficaram estagnadas e parecia que tinham alcançado um pico para, em seguida, começar um processo de

Degelo do permafrost coloca a infraestrutura do Ártico em risco

  Setenta por cento da infraestrutura atual no Ártico tem um alto potencial para ser afetada pelo derretimento do permafrost nos próximos 30 anos. Mesmo cumprir as metas de mudança climática do Acordo de Paris não reduzirá substancialmente os impactos projetados, de acordo com um novo estudo publicado na Nature Communications. University of Alaska Fairbanks*     "Muito mais precisa ser feito para preparar o Alasca para as conseqüências adversas das mudanças no permafrost e no

Setor transporte responde por 25% das emissões globais de gases de efeito estufa

  O setor de transporte contribui com um quarto das emissões globais de gases de efeito estufa e é a área em que as irradiações de carbono mais crescem desde 2000. A informação consta de relatório apresentado na terça-feira (11) na 24ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 24), em Katowice, Polônia. ABr     De acordo com o relatório Situação global do Transporte e Mudança Climática Global (tradução livre), elaborado por mais de

COP 24: Fórum Brasileiro de Mudanças do Clima (FBMC) apresenta estratégias para contenção das mudanças climáticas

  Mudanças Climáticas - Estudo conclui que desmatamento ilegal zero, reflorestamento de áreas de pasto degradadas e agricultura de baixo carbono são ações consideradas urgentes no País     Katowice, 10 de dezembro. Nesta segunda-feira (10/12), membros do Fórum Brasileiro de Mudanças do Clima (FBMC) lançaram o estudo ‘Brasil Carbono Zero em 2060’ no Espaço Brasil da COP24, na Polônia. Trata-se de um relatório preliminar das recomendações brasileiras de desenvolvimento de economia de baixo

Coextinção – Aquecimento global aumenta o risco de extinção com ‘efeito dominó’

  Coextinção - A complexa rede de interdependências entre plantas e animais multiplica as espécies em risco de extinção devido às mudanças ambientais, de acordo com um estudo do CCI. Centro Comum de Investigação (CCI)*     No caso do aquecimento global, predições que não levam em conta esse efeito cascata podem subestimar o número de extinções em até 10 vezes. Como consequência direta e óbvia da mudança climática, plantas e animais de um determinado local

Mudança climática e poluição atmosférica prejudicam a saúde e causam milhões de mortes prematuras

  Novo relatório na revista médica The Lancet examina os efeitos da mudança climática na saúde humana e suas implicações para a sociedade. Instituto Internacional de Análise de Sistemas Aplicados (IIASA)*     O Relatório de 2018 da pesquisa The Lancet Countdown: Monitorando o Avanço na Saúde e na Mudança Climática mostra que a temperatura crescente resultante da mudança climática já está nos expondo a riscos de saúde inaceitavelmente altos. Ele alerta, pela primeira vez,

Pesquisa revela que o gelo da Groenlândia está derretendo a taxas sem precedentes

  A camada de gelo da Groenlândia está derretendo , correndo para o oceano e contribuindo para o aumento do nível do mar global a taxas muito maiores do que o normal.   Liderando uma equipe internacional de pesquisadores, o dr. Luke Trusel, um glaciologista do Departamento de Geologia da Rowan (School of Earth & Environment), é o principal autor de um artigo publicado na revista Nature que demonstra que a camada de

Emissões globais de CO2 devem crescer quase 3% em 2018, segundo projeções de pesquisadores

  Cientistas projetam aumento das emissões globais de CO2 para 2018 ABr     As emissões globais de carbono devem crescer quase 3% em 2018, segundo projeções de pesquisadores do Global Carbon Project. O estudo aponta que as emissões de todas as atividades humanas podem atingir até o fim deste ano o volume de 41,5 bilhões de toneladas, sendo que 37,1 bilhões de toneladas são emitidas pela queima de combustíveis fósseis. No ano passado, o crescimento

Top