Os riscos climáticos catastróficos já são visíveis

  Os riscos climáticos catastróficos já são visíveis As consequências de ter um planeta 1,2 grau mais quente do que há pouco mais de 100 anos já são visíveis e devastadoras “Os riscos climáticos catastróficos são plausíveis e pouco explorados”. Entrevista com Luke Kemp IHU “Nós nos baseamos no IPCC e nos dados científicos mais recentes para demonstrar que há uma grande incerteza sobre o futuro das emissões e do aquecimento, e que a possibilidade

Ondas de calor

  Ondas de calor O verão no hemisfério norte está marcado pelo clima extremo, ondas de calor letais e secas severas. E isto está cada vez mais frequente. Até agora, no Brasil, não há qualquer ação para que as cidades se preparem para as emergências climáticas. Avisos não faltam. Vejam a seguir o que já publicamos com exclusividade. Ondas de calor extremas são cada vez mais prováveis Ondas de calor extremo e alta umidade ameaçam a

Doenças patogênicas são agravadas por riscos climáticos

  Doenças patogênicas são agravadas por riscos climáticos Mais da metade das doenças patogênicas humanas conhecidas, como dengue, hepatite, pneumonia, malária, zika e outras, podem ser agravadas pelas mudanças climáticas. Essa descoberta surpreendente e reveladora é o tema de um artigo de pesquisa publicado em 8 de agosto na Nature Climate Change por uma equipe de pesquisadores da Universidade do Havaí em Manoa. University of Hawai'i at Manoa* Os pesquisadores realizaram uma busca sistêmica de

Como o alimento é produzido afeta nossa saúde e o meio ambiente

  Como o alimento é produzido afeta nossa saúde e o meio ambiente Reduzir as emissões do setor de alimentos exige mudanças em todas as etapas, dos produtores aos consumidores O que a comida tem a ver com as mudanças climáticas? O que comemos e como esse alimento é produzido afeta nossa saúde, mas também o meio ambiente. Os alimentos precisam ser cultivados e processados, transportados, distribuídos, preparados, consumidos e, às vezes, descartados. Cada uma dessas

Impactos das mudanças climáticas

  Impactos das mudanças climáticas Embora muitas vezes pensemos nas mudanças climáticas induzidas pelo homem como algo que acontecerá no futuro, é um processo contínuo Da NOAA As temperaturas globais subiram cerca de 1,98 ° F(1,1°C) de 1901 a 2020, mas as mudanças climáticas referem-se a mais do que um aumento na temperatura. Também inclui o aumento do nível do mar, mudanças nos padrões climáticos, como secas e inundações, e muito mais.  Coisas das quais dependemos e

Mudança climática aumenta os eventos extremos relacionados à água

  Mudança climática aumenta os eventos extremos relacionados à água Eventos diários de precipitação extrema provavelmente se intensificarão em cerca de 7% para cada 1 grau Celsius de aumento da temperatura global Poderosos sistemas de tempestades provocaram inundações nos Estados Unidos no final de julho, matando pelo menos 37 pessoas no leste de Kentucky, quando a água da enchente engoliu casas e desencadeou deslizamentos de terra. Chuvas recordes também inundaram os bairros de St. Louis , e outro dilúvio

Temperaturas de 40°C no Reino Unido seriam improváveis sem a mudança climática causada pelo homem

Temperaturas de 40°C no Reino Unido seriam improváveis sem a mudança climática causada pelo homem Enquanto a Europa experimenta ondas de calor com cada vez mais frequência nos últimos anos, o calor observado recentemente no Reino Unido tem sido tão extremo que também é um evento raro no clima de hoje   World Weather Attribution* Na terça-feira, 40,3°C foi atingido em Coningsby, em Lincolnshire, quebrando o recorde anterior de temperatura máxima de 38,7°C estabelecido

Ondas de calor aceleram o degelo do permafrost do Ártico

  Ondas de calor aceleram o degelo do permafrost do Ártico Na região mais setentrional da Terra, o permafrost ártico está derretendo em ritmo acelerado. Por mais de uma década, uma equipe internacional de pesquisadores da ETH Zurich, da Universidade do Alasca Fairbanks e do Centro Aeroespacial Alemão observaram marcas topográficas – grandes depressões conhecidas como “quedas de degelo retrogressivas”. As quedas ocorrem quando camadas de solo permanentemente congeladas (permafrost rico em gelo)

O alerta de Londres

  O alerta de Londres, artigo de Bernardo Egas Vamos experienciar eventos climáticos extremos cada vez mais frequentes, intensos e desastrosos. Se falharmos na ação climática, as consequências serão catastróficas Na semana passada participei, junto com os meus colegas de turma e professores do Mestrado em Cidades, na London School of Economics and Political Science, da última mega aula presencial, antes da cerimônia de formatura. Tivemos um rico debate sobre nossa jornada acadêmica

Quanto maior a mudança do clima, maior o evento de extinção

  Quanto maior a mudança do clima, maior o evento de extinção Evidências que apontam para uma forte relação entre a magnitude das extinções em massa e as mudanças de temperatura global em tempos geológicos. Pela Universidade de Tohoku* A pesquisa foi publicada na revista Biogeosciences em 22 de julho de 2022. Mudanças climáticas abruptas, acompanhadas pela destruição ambiental de grandes erupções vulcânicas e meteoritos, causaram grandes extinções em massa ao longo do Eon Fanerozóico

Ondas de calor na Ásia se intensificaram em duração e frequência

  Ondas de calor na Ásia se intensificaram em duração e frequência Descritas como períodos de temperaturas excessivamente altas, as ondas de calor têm um impacto devastador na vida humana, na agricultura e nos recursos hídricos. As condições climáticas e atmosféricas podem levar a dois tipos de ondas de calor: as ondas de calor secas ocorrem quando o céu está limpo, expondo a área a grandes quantidades de radiação solar, enquanto as ondas

Ondas de calor extremas são cada vez mais prováveis

  Ondas de calor extremas são cada vez mais prováveis “Se as medidas apropriadas não forem tomadas, a probabilidade de ocorrência de ondas de calor extremas aumentará e impactará ainda mais o equilíbrio ecológico, bem como o desenvolvimento social e econômico sustentável.” 19 de julho foi o dia mais quente já registrado no Reino Unido, com temperaturas superiores a 40 graus Celsius (cerca de 104 graus Fahrenheit). A onda de calor serve como

Ondas de calor na Europa estão ligadas às mudanças climáticas

  Ondas de calor na Europa estão ligadas às mudanças climáticas As temperaturas superiores a 40ºC registradas na Europa Ocidental no início desta semana estão sendo atribuídas às mudanças climáticas, segundo avaliaram instituições especializadas em meteorologia, incluindo a Organização Meteorológica Mundial (OMM), parte das Nações Unidas.  No Reino Unido, onde foi registrado um recorde climático nesta terça-feira (19), um estudo recente mostrou que as chances de ver temperaturas maiores do que 40ºC podem

O Ártico mostra como a Terra está aquecendo rápido

  O Ártico mostra como a Terra está aquecendo rápido Enquanto as mudanças climáticas estão surtindo efeito em todos os lugares da Terra, o Círculo Polar Ártico está sentindo esses efeitos acima de tudo, na forma de derretimento glacial, degelo do permafrost e declínio do gelo marinho. Colorado State University* Os principais atores da mudança climática incluem as nuvens que cobrem a superfície da Terra e os aerossóis microscópicos transportados pelo ar chamados partículas

Aquecimento global diminui a resiliência florestal

  Aquecimento global diminui a resiliência florestal A maioria das florestas ao redor do mundo está se tornando menos resiliente às mudanças ambientais devido ao aquecimento global Uma pequena equipe de pesquisadores com membros de instituições na Itália, França e Estados Unidos descobriu que a maioria das florestas ao redor do mundo está se tornando menos resiliente às mudanças ambientais devido ao aquecimento global. Em seu artigo publicado na revista Nature* , o

Compreenda a relação entre o aquecimento global e o aumento do nível do mar

  Compreenda a relação entre o aquecimento global e o aumento do nível do mar A velocidade com que o gelo está desaparecendo em todo o planeta está se acelerando, de acordo com novas pesquisas. E as descobertas também revelam que a Terra perdeu 28 trilhões de toneladas de gelo entre 1994 e 2017 – o equivalente a uma camada de gelo de 100 metros de espessura cobrindo todo o Reino Unido O

Ondas de calor extremo e alta umidade ameaçam a saúde humana

  Ondas de calor extremo e alta umidade ameaçam a saúde humana As ondas de calor estão se tornando intensas à medida que o clima muda – durando mais, tornando-se mais frequentes e ficando simplesmente mais quentes. Por W. Larry Kenney Professor of Physiology, Kinesiology and Human Performance, Penn State Daniel Vecellio Geographer-climatologist and Postdoctoral Fellow, Penn State Rachel Cottle Ph.D. Student in Exercise Physiology, Penn State S. Tony Wolf Postdoctoral Researcher in Kinesiology, Penn State Uma pergunta que muitas pessoas

Mudança climática reduz germinação e distribuição geográfica de plantas no Cerrado

  Mudança climática reduz germinação e distribuição geográfica de plantas no Cerrado Estudo mostra que, com aumento da temperatura, espécies do Cerrado terão capacidade de sobrevivência prejudicada no bioma e tenderão a se deslocar de sua área de habitat natural Garapa, garapeira, grapiá e amarelinho são nomes populares da Apuleia leiocarpa, árvore estudada por pesquisadores brasileiros para descobrir como a mudança climática reduzirá a capacidade de sobrevivência de espécies no Cerrado. Com o

Temperaturas do Ártico estão aumentando quatro vezes mais rápido que a média global

  Temperaturas do Ártico estão aumentando quatro vezes mais rápido que a média global O Ártico influencia o clima e o clima do mundo, e o derretimento da camada de gelo da Groenlândia causa o aumento do nível do mar que ameaça muitas comunidades costeiras. Uma nova análise das temperaturas observadas mostra que o Ártico está aquecendo mais de quatro vezes mais rápido do que a taxa de aquecimento global. A tendência aumentou acentuadamente

Telhados brancos e áreas verdes atenuam os efeitos das ondas de calor nas cidades

  Telhados brancos e áreas verdes atenuam os efeitos das ondas de calor nas cidades A frequência e intensidade das ondas de calor nas cidades vem aumentando devido às mudanças climáticas, com grande impacto negativo na saúde e nas taxas de mortalidade da população. Pela Universitat Autònoma de Barcelona (ICTA-UAB)* As atividades antrópicas e os materiais urbanos afetam o acúmulo de calor nas cidades, e a radiação solar armazenada ao longo do dia no

Top