Instituições financeiras de 3 países europeus investem em empresas que contribuem com desmatamento no Brasil, revelam estudos

Instituições financeiras de 3 países europeus investem em empresas que contribuem com desmatamento no Brasil, revelam estudos Instituições financeiras da Holanda, Alemanha e Noruega têm grandes investimentos em companhias que atuam em setores que estão ligados a ações de desmatamento dos principais biomas brasileiros Idec A compilação de três estudos realizados pela rede Fair Finance International (FFI) divulgada na quinta-feira (15) revelou que instituições financeiras da Holanda, Alemanha e Noruega investiram mais

Pecuária é causa de desmatamento na Amazônia, diz relatório

  Pecuária é causa de desmatamento na Amazônia, diz relatório Relatório evidencia desmatamento causado pela pecuária na Amazônia Legal brasileira Levantamento da ONG Mercy For Animals aponta relação entre o aumento da área de pastagem e a perda da cobertura natural em região dominada comercialmente por grandes frigoríficos como JBS, Minerva e Marfrig Por Mauricio Sacramento Um relatório inédito produzido pela ONG Mercy For Animals evidencia a relação direta entre o desmatamento da Floresta Amazônica

Sob Bolsonaro, desmatamento dobra de patamar

  Sob Bolsonaro, desmatamento dobra de patamar Média mensal de alertas de desmatamento de maio a setembro, meses de seca, salta de 576 km2 para 1.189 km2 Por Solange A. Barreira O Inpe divulgou, na sexta-feira (9), o dado de alertas de desmatamento de setembro. É o segundo pior da série histórica do sistema de monitoramento Deter-B, com 964 km2, perdendo apenas para setembro do ano passado, que teve 1.543 km2 devastados. Os satélites indicam

Na Amazônia destruímos o que não entendemos

  Na Amazônia destruímos o que não entendemos Carta da Amazônia: destruímos o que não entendemos IHU "Provavelmente vocês não estejam acostumados que uma mulher indígena os chame de ignorantes, e menos ainda num cenário como este. Mas para os povos indígenas uma coisa é clara: quanto menos você sabe sobre algo, menos valor isso tem para você ― e, portanto, mais fácil será de destruir", escreve Nemonte Nenquimo, cofundadora da organização sem fins lucrativos dirigida pelos indígenas Ceibo Alliance,

Desmatamento e queimadas na Amazônia: causas e consequências

  Desmatamento e queimadas na Amazônia: causas e consequências A cada ano são registrados índices crescentes no desmatamento e nas queimadas na Amazônia, com graves consequências sociais, ambientais e econômicas. Desmatamento e queimadas na Amazônia - Já sentimos os impactos desta devastação atingindo todo o país, principalmente no clima e no regime de chuvas do sul e sudeste. O que, mantidos os níveis atuais, devem se agravar já nos próximos anos. Estudos já indicam

A perda da credibilidade do governo brasileiro na preservação ambiental

  A perda da credibilidade do governo brasileiro na preservação ambiental A perda da credibilidade do governo brasileiro frente aos dilemas internacionais na preservação ambiental e na degradação da Floresta Amazônica e do Pantanal Por Junio Cesar dos Santos Carmo e Gabriel Henrique Alves [EcoDebate] Com o pós Guerra Fria e a entrada no século XXI novas demandas tomaram espaço na agenda internacional, perdendo o caráter estrito voltado para segurança e armamento como definição

Biomas brasileiros perderam 8,34% das áreas naturais entre 2000 e 2018

  Biomas brasileiros perderam 8,34% das áreas naturais entre 2000 e 2018 Entre 2000 e 2018 todos os biomas brasileiros - Amazônia, Caatinga, Cerrado, Pantanal, Mata Atlântica e Pampa - tiveram saldo negativo em números absolutos (489.877 km²) das áreas naturais, o que representa menos 8,34%, mas a perda diminuiu de magnitude ao longo desses anos. A maior desaceleração ocorreu no Bioma Mata Atlântica que saiu de uma perda de 8.793 km², entre

Na Amazônia, a floresta perde espaço para pastagens

  Na Amazônia, a floresta perde espaço para pastagens IBGE Resumo Biomas terrestres brasileiros perderam cerca de 500 mil km² de sua cobertura natural entre 2000 e 2018. Em números absolutos, a maior perda neste período aconteceu no bioma Amazônia (269,8 mil km²), seguido pelo Cerrado (152,7 mil km²), mas, em termos percentuais, o Pampa foi o que mais perdeu área natural, -16,8%. A cobertura florestal representava 81,9% da área total da

Por desmatamento, França se opõe ao acordo com Mercosul

Por desmatamento, França se opõe ao acordo com Mercosul Desmatamento: Relatório encomendado pelo governo indica "oportunidade perdida" e custo ambiental superior a ganho econômico Por Cinthia Leone A França rejeita um acordo de livre comércio em sua forma atual entre União Europeia e Mercosul devido a "grandes preocupações" com o desmatamento na região. O pronunciamento do governo francês vem após a divulgação de um relatório encomendado pelo país sobre o tema. Os franceses

Reino Unido avalia ações para conter o desmatamento ilegal a nível global

Reino Unido avalia ações para conter o desmatamento ilegal a nível global Commodities e desmatamento ilegal: como o Reino Unido pretende virar esse jogo e os impactos para o Brasil? Artigo de Lucas Mastellaro Baruzzi*, Jeferson Manhae** e Thiago Munhoz Agostinho*** [EcoDebate] Na esteira das iniciativas do Pacto Ecológico Europeu lançadas pela União Europeia para conter as mudanças climáticas e conservar os recursos naturais, o Reino Unido anuncia uma força tarefa para implementar

Desmatamento no Cerrado reduz quase 30 milhões de hectares em 35 anos

Desmatamento no Cerrado reduz quase 30 milhões de hectares em vegetação nativa em 35 anos O Cerrado perdeu 28 milhões de hectares de vegetação nativa, uma área equivalente ao estado do Rio Grande do Sul, entre 1985 e 2019. Foi um terço de toda a vegetação nativa que o Brasil perdeu no período. Essa área representa, em 35 anos, uma redução líquida de 21%, que é a diferença entre perda da

Agosto registra o pior índice de desmatamento na Amazônia dos últimos dez anos

  Agosto registra o pior índice de desmatamento na Amazônia dos últimos dez anos Em agosto de 2020, foram derrubados 1.499 km² de floresta nativa em apenas um mês. O Pará lidera, pela quinta vez consecutiva, o ranking dos estados que mais destruíram a região. Por Stefânia Costa De acordo com o Sistema de Alerta de Desmatamento do Imazon, apenas em agosto deste ano, a Amazônia perdeu 1.499 km² de área de floresta. O número

Coalizão apresenta seis medidas para a queda rápida do desmatamento

Coalizão apresenta seis medidas para a queda rápida do desmatamento Documento foi enviado às principais autoridades, como o Presidente Jair Bolsonaro, vice-presidente Hamilton Mourão, os ministros da Agricultura, Meio Ambiente, Economia, líderes e parlamentares da Câmara e do Senado Federal e também as embaixadas e o Parlamento Europeu. Por Fernanda Macedo O desmatamento está colocando em xeque o desenvolvimento do Brasil – e não só por conta das repetidas ressalvas que vêm de

Desmatamento na Amazônia tem segundo pior agosto da série histórica

  Desmatamento na Amazônia tem segundo pior agosto da série histórica O Inpe divulgou na sexta-feira (11) o dado final de alertas de desmatamento no bioma Amazônia no mês passado. Foram 1.358 km2, o segundo pior agosto da série histórica do sistema Deter-B, iniciada em 2015. Por Solange A. Barreira Perde apenas para agosto de 2019, quando 1.714 km2 de floresta viraram fumaça, segundo o sistema de alertas por satélite. É o quinto mês

Consequências do desmatamento na Amazônia: 75% dos europeus querem barrar acordo com o Mercosul

Consequências do desmatamento na Amazônia: 75% dos europeus querem barrar acordo com o Mercosul Levantamento mostra que cidadãos da União Europeia querem acordos comerciais alinhados ao combate às mudanças climáticas Por Cinthia Leone Três a cada quatro europeus querem que o acordo comercial UE-Mercosul seja interrompido se ele contribuir para o desmatamento da Amazônia e outros danos ambientais, de acordo com uma pesquisa do Instituto YouGov divulgada agora. A pesquisa, realizada na França, Alemanha,

Amazônia – Como o desmatamento da maior floresta tropical do mundo interfere na saúde da população?

  Amazônia - Como o desmatamento da maior floresta tropical do mundo interfere na saúde da população? Covid-19 e outras doenças chegam até nós como consequência da degradação ambiental Por Yasmim Godinho O Dia da Amazônia é celebrado em 5 de setembro por ser a data de criação da província do Amazonas, por Dom Pedro II em 1850. A data busca chamar atenção para o bioma que é a maior floresta tropical do mundo,

Lobo-guará sofre com o avanço do desmatamento no Cerrado

  Lobo-guará sofre com o avanço do desmatamento no Cerrado As cédulas são uma das maiores divulgadoras da fauna brasileira. Desde 1994, com o surgimento do real, elas trazem estampados os animais que povoam a biodiversidade do país. Por Claudia Leone Agora, para a nota de R$ 200, que o Banco Central coloca em circulação nesta quarta-feira (2), a imagem escolhida é a do Lobo-Guará, o maior canídeo sul-americano e típico do Cerrado. “O lobo-guará

Amazon Forest – Fires and deforestation are the main problems facing the forest in the opinion of 44% of Brazilians

  Amazon Forest - Fires and deforestation are the main problems facing the forest in the opinion of 44% of Brazilians A survey published last week by the Brazilian Federation of Banks (Febraban) shows that 82 percent of Brazilians are unhappy with the preservation of the Amazon Forest. Prevalent among the sentiments elicited by the current situation are sadness (24%), followed by indignation (17%), hope (17%), and fear (11%). By Daniel Mello, Agência Brasil The

Fridays For Future organiza ações globais pela Amazônia entre esta sexta-feira, 28 e domingo, 30

  Fridays For Future organiza ações globais pela Amazônia entre esta sexta-feira, 28 e domingo, 30 Nos dias 28-30 de agosto, o Fridays For Future mobilizará ações globais pela Amazônia para que possamos exercer pressão nas responsabilidades dos políticos. As ações estão planejadas: serão online e nas ruas (de acordo com as diretrizes locais da Covid-19). As greves e mobilizações serão organizadas em mais de 20 países tais como: Áustria, Bélgica, Brasil, Bolívia,

Devastação da Amazônia já afasta investimentos externos

  Devastação da Amazônia já afasta investimentos externos Engenheiro Ambiental enfatiza destruição da Floresta Amazônica, fragilidade da fiscalização, relaxamento em exigências de proteção, ameaças à população indígena a consequente redução de investimentos externos Por Ágata Marcelo Eugenio Singer, presidente da Ramboll Brasil, subsidiária de uma das maiores consultorias ambientais do mundo, e do Conselho de Administração do Instituto Pharos, organização dedicada à defesa dos recursos naturais, salienta que a agenda ambiental torna-se decisiva para

Top