Pecuária é causa de desmatamento na Amazônia, diz relatório

  Pecuária é causa de desmatamento na Amazônia, diz relatório Relatório evidencia desmatamento causado pela pecuária na Amazônia Legal brasileira Levantamento da ONG Mercy For Animals aponta relação entre o aumento da área de pastagem e a perda da cobertura natural em região dominada comercialmente por grandes frigoríficos como JBS, Minerva e Marfrig Por Mauricio Sacramento Um relatório inédito produzido pela ONG Mercy For Animals evidencia a relação direta entre o desmatamento da Floresta Amazônica

Na Amazônia destruímos o que não entendemos

  Na Amazônia destruímos o que não entendemos Carta da Amazônia: destruímos o que não entendemos IHU "Provavelmente vocês não estejam acostumados que uma mulher indígena os chame de ignorantes, e menos ainda num cenário como este. Mas para os povos indígenas uma coisa é clara: quanto menos você sabe sobre algo, menos valor isso tem para você ― e, portanto, mais fácil será de destruir", escreve Nemonte Nenquimo, cofundadora da organização sem fins lucrativos dirigida pelos indígenas Ceibo Alliance,

Aumento das emissões pode mudar parte da Amazônia para ecossistema do tipo savana

Aumento das emissões pode mudar parte da Amazônia para ecossistema do tipo savana Stockholm Resilience Centre À medida que as emissões aumentam, mais partes da Amazônia devem secar Uma parte maior da floresta amazônica pode cruzar um ponto crítico onde pode se tornar um ecossistema do tipo savana mais do que se pensava Destaques da matéria Se a precipitação cair abaixo de um certo limiar, as áreas podem mudar para um estado de savana

Agricultural commodities were largely responsible for fires in the Amazon

Research shows slaughterhouses and soy producers at higher risk of being associated with burning Agricultural commodities were largely responsible for fires in the Amazon, according to a study that crosses NASA data with companies' supply chains by Marcelo Coppola * In August of last year, images of the fires in the Amazon attracted the attention of the world. Heads of government, multilateral organizations, environmentalists and celebrities have expressed concern about the future of the largest rainforest

Desmatamento e queimadas na Amazônia: causas e consequências

  Desmatamento e queimadas na Amazônia: causas e consequências A cada ano são registrados índices crescentes no desmatamento e nas queimadas na Amazônia, com graves consequências sociais, ambientais e econômicas. Desmatamento e queimadas na Amazônia - Já sentimos os impactos desta devastação atingindo todo o país, principalmente no clima e no regime de chuvas do sul e sudeste. O que, mantidos os níveis atuais, devem se agravar já nos próximos anos. Estudos já indicam

Na Amazônia, a floresta perde espaço para pastagens

  Na Amazônia, a floresta perde espaço para pastagens IBGE Resumo Biomas terrestres brasileiros perderam cerca de 500 mil km² de sua cobertura natural entre 2000 e 2018. Em números absolutos, a maior perda neste período aconteceu no bioma Amazônia (269,8 mil km²), seguido pelo Cerrado (152,7 mil km²), mas, em termos percentuais, o Pampa foi o que mais perdeu área natural, -16,8%. A cobertura florestal representava 81,9% da área total da

Amazônia próxima do ponto de inflexão ecológica catastrófica

  Amazônia próxima do ponto de inflexão ecológica catastrófica A Amazônia está mais perto de um ponto de inflexão ecológica catastrófica do que em qualquer outro momento nos últimos 100.000 anos, e a atividade humana é a causa. Por Adam Lowenstein* Em um novo artigo publicado nos Annals of the Missouri Botanical Garden, o professor de biologia da Florida Tech, Mark Bush, descreve como a vasta floresta amazônica poderia ser substituída por savana, que

Manejo florestal por espécies na Amazônia é mais sustentável

  Manejo florestal por espécies na Amazônia é mais sustentável Estudos realizados por unidades de pesquisa da Embrapa em diferentes regiões brasileiras comprovam que o manejo florestal por espécie é uma inovação com potencial de agregar renda e sustentabilidade à região amazônica. Adequar a intensidade de exploração, diâmetros e os ciclos de corte às peculiaridades de cada espécie, e não ao volume total de árvores nas áreas manejadas, garante retorno econômico mais rápido

Atlas de Conflitos Socioterritoriais Pan-Amazônico

  Atlas de Conflitos Socioterritoriais Pan-Amazônico Países da Pan-Amazônia lançam atlas de conflitos socioterritoriais Iniciativa traz dados de Bolívia, Brasil, Colômbia e Peru. Além de mapear conflitos entre os anos de 2017 e 2018, publicação é composta também por textos analíticos sobre a conjuntura dos países, bem como casos emblemáticos de violação de direitos dos povos da região pan-amazônia. - ACESSE O ATLAS EM PORTUGUÊS (AQUI) E EM ESPANHOL (AQUI) Em reunião realizada na cidade

Agosto registra o pior índice de desmatamento na Amazônia dos últimos dez anos

  Agosto registra o pior índice de desmatamento na Amazônia dos últimos dez anos Em agosto de 2020, foram derrubados 1.499 km² de floresta nativa em apenas um mês. O Pará lidera, pela quinta vez consecutiva, o ranking dos estados que mais destruíram a região. Por Stefânia Costa De acordo com o Sistema de Alerta de Desmatamento do Imazon, apenas em agosto deste ano, a Amazônia perdeu 1.499 km² de área de floresta. O número

Coalizão apresenta seis medidas para a queda rápida do desmatamento

Coalizão apresenta seis medidas para a queda rápida do desmatamento Documento foi enviado às principais autoridades, como o Presidente Jair Bolsonaro, vice-presidente Hamilton Mourão, os ministros da Agricultura, Meio Ambiente, Economia, líderes e parlamentares da Câmara e do Senado Federal e também as embaixadas e o Parlamento Europeu. Por Fernanda Macedo O desmatamento está colocando em xeque o desenvolvimento do Brasil – e não só por conta das repetidas ressalvas que vêm de

Desmatamento na Amazônia tem segundo pior agosto da série histórica

  Desmatamento na Amazônia tem segundo pior agosto da série histórica O Inpe divulgou na sexta-feira (11) o dado final de alertas de desmatamento no bioma Amazônia no mês passado. Foram 1.358 km2, o segundo pior agosto da série histórica do sistema Deter-B, iniciada em 2015. Por Solange A. Barreira Perde apenas para agosto de 2019, quando 1.714 km2 de floresta viraram fumaça, segundo o sistema de alertas por satélite. É o quinto mês

Consequências do desmatamento na Amazônia: 75% dos europeus querem barrar acordo com o Mercosul

Consequências do desmatamento na Amazônia: 75% dos europeus querem barrar acordo com o Mercosul Levantamento mostra que cidadãos da União Europeia querem acordos comerciais alinhados ao combate às mudanças climáticas Por Cinthia Leone Três a cada quatro europeus querem que o acordo comercial UE-Mercosul seja interrompido se ele contribuir para o desmatamento da Amazônia e outros danos ambientais, de acordo com uma pesquisa do Instituto YouGov divulgada agora. A pesquisa, realizada na França, Alemanha,

Amazônia: Discurso ‘pró-garimpo’ aumenta desmatamento, ameaça indígenas e internacionaliza floresta

  Discurso ‘pró-garimpo’ aumenta desmatamento, ameaça indígenas e internacionaliza floresta. Entrevista especial com Dário Bossi, Bruno Milanez e Luiz Jardim Wanderley Segundo os ambientalistas, a abertura do atual governo para a atividade traz consigo mais desmatamento na Amazônia, expõe comunidades originárias e ‘entrega’ recursos naturais a capital estrangeiro Por: Patricia Fachin | Edição: João Vitor Santos / IHU Que o governo de Jair Bolsonaro não é afeito à atenção e cuidado com a região amazônica não é nenhuma

Agrofloresta é alternativa de desenvolvimento na Amazônia

  Agrofloresta é alternativa de desenvolvimento na Amazônia Enquanto a matéria orgânica desmatada queima na Amazônia para dar espaço para o gado, um novo estudo mostra que sistemas agroflorestais, também conhecidos como agrofloresta, podem gerar benefícios superiores nas dimensões social, ambiental e também econômica. Os bons resultados foram obtidos na Reserva Extrativista Chico Mendes, no município de Xapuri/AC, onde o WWF-Brasil, em parceria com a Universidade Federal do Acre, EMBRAPA Acre e Secretaria

A Amazônia e o regime de chuvas e clima no Sul do Brasil

  A Amazônia e o regime de chuvas e clima no Sul do Brasil Artigo de Eduardo Luís Ruppenthal Para não ser mais uma data vaga que preenche o calendário de dias comemorativos, esse 5 de setembro não está sendo diferente dos anos anteriores: a Amazônia está em chamas*. O que mudou é a intensidade dessas chamas e a sua dimensão, impulsionadas pelo discurso, pelo apoio e política ecocida e genocida do governo

Amazônia – Queimadas na floresta alcançam número assustador

  Amazônia - Queimadas na floresta alcançam número assustador Números alarmantes de novas queimadas foram detectadas na Amazônia brasileira, aponta a Anistia Internacional. As autoridades públicas seguem omissas na proteção da terra e dos direitos humanos dos povos da floresta amazônica. Por Thiago Camara Antes do Dia da Amazônia, celebrado neste 5 de setembro, cerca de 63 mil focos de incêndios foram identificados este ano, até 31 de agosto, segundo o Instituto

Amazônia – Como o desmatamento da maior floresta tropical do mundo interfere na saúde da população?

  Amazônia - Como o desmatamento da maior floresta tropical do mundo interfere na saúde da população? Covid-19 e outras doenças chegam até nós como consequência da degradação ambiental Por Yasmim Godinho O Dia da Amazônia é celebrado em 5 de setembro por ser a data de criação da província do Amazonas, por Dom Pedro II em 1850. A data busca chamar atenção para o bioma que é a maior floresta tropical do mundo,

Queimadas em agosto confirmam que Exército fracassou na Amazônia

  Queimadas em agosto confirmam que Exército fracassou na Amazônia Nota do Observatório do Clima O Inpe divulgou nesta terça-feira (1) os dados de queimadas da Amazônia em agosto de 2020. O mês teve o segundo número mais alto de focos de calor dos últimos dez anos: 29.307, ficando apenas 5% abaixo dos 30.900 de 2019, que escandalizaram o mundo, e acima da média histórica de 26 mil focos. Mesmo essa queda precisa

Amazon Forest – Fires and deforestation are the main problems facing the forest in the opinion of 44% of Brazilians

  Amazon Forest - Fires and deforestation are the main problems facing the forest in the opinion of 44% of Brazilians A survey published last week by the Brazilian Federation of Banks (Febraban) shows that 82 percent of Brazilians are unhappy with the preservation of the Amazon Forest. Prevalent among the sentiments elicited by the current situation are sadness (24%), followed by indignation (17%), hope (17%), and fear (11%). By Daniel Mello, Agência Brasil The

Top