Mais da metade dos oceanos do mundo já são afetados pelas mudanças climáticas

  Mais da metade dos oceanos do mundo já são afetados pelas mudanças climáticas Primeira estimativa do ponto em que áreas dos oceanos do mundo mostrarão evidências dos impactos das mudanças climáticas University of Reading* Mais de 50% dos oceanos do mundo já podem ser afetados pelas mudanças climáticas, com esse número chegando a 80% nas próximas décadas, mostrou um novo estudo. Os cientistas usaram modelos climáticos e observações em áreas mais profundas do oceano

More than half of world’s oceans already being affected by climate change

  More than half of world's oceans already being affected by climate change First estimate of the point at which areas of the world's oceans will show evidence of the impacts of climate change University of Reading More than 50% of the world's oceans could already be affected by climate change, with this figure rising as high as 80% over the coming decades, a new study has shown. Scientists used climate models and observations in

Aquecimento global ameaça o carbono ‘estocado’ em solos de florestas tropicais

  Aquecimento global ameaça o carbono 'estocado' em solos de florestas tropicais Bilhões de toneladas de dióxido de carbono podem ser perdidos na atmosfera devido aos solos das florestas tropicais serem significativamente mais sensíveis às mudanças climáticas do que se pensava anteriormente. University of Edinburgh* As emissões de carbono dos solos das florestas tropicais - que armazenam um quarto do carbono do solo mundial - podem aumentar dramaticamente se as temperaturas continuarem subindo de

Redução da camada de gelo da Groenlândia passa do ponto sem volta

  Redução da camada de gelo da Groenlândia passa do ponto sem volta Mesmo se o clima esfriar, constata o estudo, as geleiras da Groenlândia continuarão a encolher Por Laura Arenschield* Ohio State News Quase 40 anos de dados de satélite da Groenlândia mostram que as geleiras da ilha diminuíram tanto que, mesmo se o aquecimento global parasse hoje, o manto de gelo continuaria diminuindo. A descoberta, publicada hoje, 13 de agosto, na revista Nature Communications

Greenland ice sheet – Even if the climate cools, study finds, glaciers will continue to shrink

  Greenland ice sheet - Even if the climate cools, study finds, glaciers will continue to shrink Laura Arenschield Ohio State News Nearly 40 years of satellite data from Greenland shows that glaciers on the island have shrunk so much that even if global warming were to stop today, the ice sheet would continue shrinking. The finding, published today, Aug. 13, in the journal Nature Communications Earth and Environment, means that Greenland’s glaciers have passed a tipping

Os resultados da pandemia na redução de gases de efeito estufa na atmosfera

  Os resultados da pandemia na redução de gases de efeito estufa na atmosfera Artigo de Carlos Vinícius Marques dos Santos1 [EcoDebate] A saúde do ser humano tem sido, cada vez mais debatido em diversos contextos, em especial, no atual cenário pandêmico, causado pelo Covid-19. Em meios a tantos acontecimentos, que resultaram desde o isolamento social ao fechamento total ou parcial de comércios, inúmeros estabelecimentos foram acometidos no que diz respeito a diminuição

Novo estudo apoia as previsões de que o Ártico poderá ficar livre do gelo marinho em 2035

  Novo estudo apoia as previsões de que o Ártico poderá ficar livre do gelo marinho em 2035 British Antarctic Survey (BAS)* As altas temperaturas no Ártico durante o último período interglacial - o período quente de cerca de 127.000 anos atrás - intrigam os cientistas há décadas. Agora, o modelo climático Hadley Center do UK Met Office permitiu a uma equipe internacional de pesquisadores comparar as condições do gelo do mar Ártico durante

As mudanças climáticas estão impulsionando quantidades crescentes de água doce no Oceano Ártico

  Uma nova pesquisa mostra que a mudança climática está impulsionando quantidades crescentes de água doce no Oceano Ártico. Nas próximas décadas, isso levará ao aumento da água doce no Oceano Atlântico Norte, o que pode atrapalhar as correntes oceânicas e afetar as temperaturas no norte da Europa. • Por Kelsey Simpkins* University of Colorado Boulder O artigo, publicado em 27 de julho de 2020 na Geophysical Research Letters , examinou o aumento inexplicável

Climate change is driving increasing amounts of freshwater in the Arctic Ocean

  Increasing Arctic freshwater is driven by climate change • By Kelsey Simpkins University of Colorado Boulder New, first-of-its-kind research from CU Boulder shows that climate change is driving increasing amounts of freshwater in the Arctic Ocean. Within the next few decades, this will lead to increased freshwater moving into the North Atlantic Ocean, which could disrupt ocean currents and affect temperatures in northern Europe. The paper, published July 27, 2020 in Geophysical Research Letters,

Desmatamento na Amazônia e as mudanças climáticas estão secando o resto do Brasil

  IHU Nos últimos dois anos, a seca tem atingido gravemente boa parte do Brasil. As regiões Centro-Oeste, Sul e uma parte do Sudeste, incluindo o estado de São Paulo, apresentam chuvas abaixo da média histórica, aponta um boletim do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. A reportagem é de Sibélia Zanon, publicada por Mongabay, 28-07-2020. Sobradinho – No maior reservatório do Nordeste, nível da água atingiu o menor patamar dos quase 40 anos da barragem de

Emergência Climática: Sibéria – calor, fogo e derretimento do gelo

  O calor excepcional e prolongado na Sibéria alimentou incêndios devastadores no Ártico. Ao mesmo tempo, foi relatada uma cobertura de gelo marinho que diminuiu rapidamente ao longo da costa do Ártico russo. As temperaturas na Sibéria  estiveram acima de 5 ° C acima da média de janeiro a junho e em junho até 10 ° C acima da média . Uma temperatura de 38 ° C foi registrada na cidade russa de Verkhoyansk em 20

Rápida perda de carbono devido ao aquecimento das turfeiras

  Cientistas do Laboratório Nacional de Oak Ridge, do Departamento de Energia, demonstraram uma relação direta entre aquecimento climático e perda de carbono em um ecossistema de turfeiras. Seu estudo publicado na AGU Advances fornece um vislumbre de futuros em potencial, onde estoques significativos de carbono em turfeiras podem ser liberados na atmosfera como gases de efeito estufa. Atualmente, as turfeiras cobrem cerca de 3% da massa terrestre da Terra e retêm pelo menos um

Covid-19 e seu impacto nas emissões de carbono

  O surgimento de um novo coronavírus no final de 2019, que levou à principal pandemia em andamento, já afetou a vida das pessoas, os sistemas de saúde e o mundo comercial. Por David Bradley*, Inderscience Evidências anedóticas no início dos "bloqueios" impostos por muitos governos pareciam sugerir que os níveis de poluição caíam à medida que a densidade do tráfego rodoviário e aéreo caía consideravelmente e as pessoas começaram a trabalhar em

Eventos climáticos extremos e as mudanças climáticas – entenda

  Bulletin of the American Meteorological Society (BAMS) apresenta avaliações de como as mudanças climáticas causadas pelo homem podem ter afetado a força e a probabilidade de eventos climáticos extremos individuais. Da Redação EcoDebate As secas das planícies do norte dos EUA e da África Oriental de 2017, as inundações na América do Sul, China e Bangladesh e as ondas de calor na China e no Mediterrâneo foram mais prováveis pelas mudanças climáticas causadas

Ciclone Bomba no sul do Brasil: Pesquisas apontam influência do aquecimento global

  As chuvas torrenciais e os ventos que varreram o Sul do Brasil em 30/6 se devem à nova dinâmica climática provocada pelo aquecimento global. Essa é a principal conclusão das análises do climatologista Francisco Eliseu Aquino*, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Segundo ele, o aumento de 1 °C na temperatura média do Brasil de norte a sul tem fortalecido o contraste trópico-pólo, e agora toda

Aquecimento global aumenta hospitalizações cardiovasculares relacionadas ao calor

  Por Shanshan Li* O impacto das altas temperaturas nas hospitalizações por doenças cardiovasculares aumentou nas últimas duas décadas em Queensland, na Austrália, de acordo com um novo estudo publicado esta semana na PLOS Medicine por Shanshan Li e Yuming Guo da Monash University, Austrália, e colegas. Temperaturas extremas - tanto frias quanto quentes - são fatores de risco conhecidos para morbimortalidade cardiovascular. As mudanças climáticas globais estão aumentando a duração e a

Efeitos das mudanças no clima global e a ocorrência do novo coronavírus: teria uma coisa a ver com a outra?

  Efeitos das mudanças no clima global e a ocorrência do novo coronavírus: teria uma coisa a ver com a outra? Por Henrique Fernandes de Magalhães1, Regina Célia da Silva Oliveira2 e Alexandre Araújo Costa3 [EcoDebate] Os últimos 5 anos foram os mais quentes do registro histórico. O volume de gelo no Ártico no verão é, hoje em dia, 70% menor do que há apenas 4 décadas. Tempestades, como furacões e chuvas extremas,

Mudanças Climáticas: Pesquisadores alertam para a sobrevivência de ursos polares até o final do século

Prevê-se que a perda de gelo do mar, devido às mudanças climáticas ,ameace a sobrevivência de populações de ursos polares no Ártico até o final do século, mostram novas pesquisas. Por Rebecca Falconer* Por que importa: "Os ursos polares são considerados mensageiros dos sintomas da mudança climática, que afetarão toda a vida, inclusive os humanos", diz Steven Amstrup, cientista chefe da Polar Bears International. "Os impactos podem ocorrer mais cedo - e, de fato,

Eventos climáticos extremos – Calor prolongado na Sibéria seria ‘quase impossível sem mudanças climáticas’

  WMO O recente calor prolongado na Sibéria, de janeiro a junho de 2020, seria quase impossível sem a influência das mudanças climáticas causadas pelo homem, de acordo com uma rápida análise de atribuição feita por uma equipe dos principais cientistas climáticos . Pesquisadores de universidades internacionais e serviços meteorológicos da Federação Russa, França, Alemanha, Holanda, Suíça e Reino Unido também descobriram que as temperaturas eram mais de 2 ° C mais quentes do que

Emergência Climática: Emissões globais de metano atingiram os níveis mais altos já registrados

  Emissões globais de metano disparam em alta recorde - Carne e gás natural estão entre principais causas da elevação que pode gerar aquecimento de 3 a 4°C até final do século Por Cinthia Leone As emissões globais de metano atingiram os níveis mais altos já registrados. Os aumentos estão sendo impulsionados principalmente pelo crescimento das emissões da mineração de carvão, produção de petróleo e gás natural, criação de gado e ovelhas, além de

Top