Impactos do óleo nos corais brasileiros são estudados pela Rede de Pesquisas Coral Vivo

Resiliência de corais é observada em diferentes casos no laboratório do Projeto no extremo Sul da Bahia, área de maior biodiversidade marinha do Atlântico Sul Quais são os efeitos desse óleo que vem chegando à costa brasileira nos corais que ocorrem somente no Brasil? A Rede de Pesquisas Coral Vivo está realizando experimentos científicos em parceria com diferentes instituições, expondo espécies de corais em laboratório ao material coletado em praias, observando

O que já é possível aprender com a tragédia que manchou o litoral brasileiro de óleo?

    Assessoramento técnico multidisciplinar para atuar rapidamente em problemas como esse aliado a uma comunicação efetiva podem fazer a diferença e minimizar o impacto ao meio ambiente O óleo que tem manchado as praias do Nordeste e provocado danos imensuráveis à biodiversidade nos últimos meses continua afetando o litoral brasileiro, chegou também ao Espírito Santo. De acordo com o Ibama, mais de 490 localidades foram atingidas. Desde que a Paraíba notificou as

Desastre costeiro e o aprendizado forçado, artigo de Bernardo Egas

    O derramamento de petróleo que atingiu as praias do Nordeste e agora do Sudeste é, certamente, o maior desastre ambiental na costa brasileira. Um crime que afetou 409 localidades em 10 estados (Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe), contaminando e ameaçando nossos ecossistemas costeiros, em dimensões ainda desconhecidas. Já são mais de dois meses de um desastre contínuo, com consequências de

Tragédia de Mariana: Quatro anos de crime e impunidade, artigo de Gilvander Moreira

  Paixão na bacia do ex-rio Doce: crime e impunidade crescem Por Gilvander Moreira1 O dia 05 de novembro de 2015 entrou para a história como o dia do maior crime/tragédia socioambiental da história do Brasil e um dos maiores do mundo: o crime das mineradoras VALE/Samarco/BHP e do Estado acontecido a partir de Bento Rodrigues, no município de Mariana, MG, com o rompimento da barragem de Fundão, que despejou abruptamente 55 milhões

A Fiocruz vai monitorar o impacto na saúde da população atingida pelo derrame de petróleo no litoral do Nordeste

    Para rastrear o risco para pescadores, marisqueiras e grávidas, a Fiocruz apresentará ao Ministério da Saúde um plano de ação que incluirá, entre outros pontos, um planejamento de capacitação de curto prazo para profissionais de saúde do SUS A Fiocruz vai monitorar o impacto na saúde da população atingida pelo derrame de petróleo no litoral do Nordeste. Um dos principais objetivos da ação é rastrear o risco para pescadores, marisqueiras e

Tragédia de Brumadinho poderia ter sido evitada, segundo ANM, que emitiu 24 autuações à Vale

  Parecer diz que Vale prestou informação errada sobre dreno da barragem da Mina do Córrego do Feijão em Brumadinho     O rompimento da barragem da Mina do Córrego do Feijão em Brumadinho (MG), ocorrido em 25 de janeiro, poderia ter tido outro desfecho caso a mineradora Vale tivesse prestado informações corretas sobre a situação da barragem à Agência Nacional de Mineração (ANM). ABr O rompimento da barragem causou inundação de lama e rejeitos de

Pedido de socorro que vem dos mares, artigo de Janaína Bumbeer

    [EcoDebate] Um novo desastre ambiental coloca o Brasil mais uma vez em sinal de alerta. As manchas de óleo que chegam às praias mostram que a vítima da vez é uma das principais fontes de renda e de alimento dos brasileiros: o oceano. São inegáveis os prejuízos ambientais, sociais e econômicos inestimáveis para toda a população. Diante do problema sem precedentes, sem exitar, brasileiros deixaram suas atividades cotidianas para depois.

Sociedade de Dermatologia divulga orientações sobre o contato com manchas de óleo

    A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) divulgou hoje (31) um conjunto de orientações sobre os riscos do contato com as manchas de óleo que chegaram às praias do Nordeste e formas de lidar com elas para quem entrou em contato com a substância. ABr As recomendações visam contribuir para evitar problemas de saúde relacionados à pele, uma vez que milhares de voluntários estão atuando nas praias no apoio às ações de retirada

Brasil é gigante por natureza? Ou precisa cuidar dela? artigo de Pedro Gorki

    [EcoDebate] O Brasil vive um momento singular de sua história, com retrocessos que atingem todas as áreas e dimensões da nossa vivência. Desde a retirada de direitos, democráticos e trabalhistas; retrocesso nas relações internacionais e econômicas com outros países; ataques à educação, à ciência e ao conhecimento em geral. Em outros momentos como esse, ao menos podíamos dizer que nosso país era “bonito por natureza”, com paisagens deslumbrantes, quilômetros de praias

Óleo no mar, artigo de Montserrat Martins

    [EcoDebate] os nossos 8.000 km de costa marítima, o Brasil tem um mar territorial (as 200 milhas a partir da costa) tão vasto e rico em biodiversidade que é chamado de “Amazônia Azul” pela Marinha. Se bem exploradas, suas riquezas são incalculáveis, mas hoje enfrenta problemas, como a sobrepesca e o sub-aparelhamento da Marinha. As manchas de óleo que invadem agora nosso litoral, do Maranhão até a Bahia, expõe a fragilidade

Impactos aos ecossistemas aquáticos do Nordeste inviabilizam atividade de pescadores e pescadoras e geram insegurança alimentar

  Derramamento de óleo impede o acesso aos recursos marinhos e pescados; Relatório Luz diz que, nesses casos, ações de monitoramento e de redução de danos são urgentes Por Alex Cunha* Especialistas ainda não conseguem estimar os danos sofridos pelos ecossistemas, para os pescadores e pescadoras e para o turismo deste que já é considerado o maior crime ambiental em extensão da história do Brasil. O derramamento de petróleo em mais de 2.000

Usinas nucleares, taxação da energia solar, derrame de petróleo: mentiras sem fim de um governo que não gosta dos nordestinos, artigo de Heitor Scalambrini Costa

    [EcoDebate] Neste segundo semestre de 2019, como foi o primeiro, o atual governo de extrema direita tem mostrado a que veio. E não foi por falta de aviso. Tem se caracterizado com grande número de absurdos, polêmicas, eventos desgastantes a nível nacional e internacional, e decisões no sentido de desconstrução de politicas públicas, principalmente as sociais. Na área de energia-meio ambiente (entrelaçadas) o que está acontecendo de trágico, não é diferente

Top