nº 2.422, 2015 [20/11/2015]

    O Trilema da Sustentabilidade, artigo de José Eustáquio Diniz Alves O Rio Doce, agora, é apenas uma fotografia na parede, artigo de Márcia Brandão Carneiro Leão Sobre lama, bombas, tiros e o que tudo isso tem a ver com Amor, artigo de Malu Calixto Minas Gerais e o flagelo da mineração O preço da água Uso de termelétricas aumenta emissão de gases de efeito estufa (GEE) no Brasil Força do

O Trilema da Sustentabilidade, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  “É impossível que esse modelo, tal como o conhecemos, mantenha de pé as três bases do tripé da sustentabilidade, que na verdade se transformou em um trilema” (Martine e Alves, 2015)     [EcoDebate] Existe um mito que ronda o panorama internacional que é o conceito de desenvolvimento sustentável e o chamado tripé da sustentabilidade. Enquanto uma ideia um tanto quanto utópica, busca-se interpretar o desenvolvimento sustentável como sendo um processo de produção

O Rio Doce, agora, é apenas uma fotografia na parede, artigo de Márcia Brandão Carneiro Leão

    [EcoDebate] Difícil estabelecer um corte na linha do tempo para começar a falar dos absurdos, horrores e irresponsabilidades envolvidos no rompimento das barragens de rejeitos de mineração da Samarco (empresa controlada pela Vale e pela BHP Biliton). Mais difícil ainda mensurar a dimensão exata dos impactos do desastre. O ideal talvez seja começar pelo licenciamento: a Barragem de Santarém (a segunda que se rompeu em Bento Rodrigues, Mariana, em seguida à

Sobre lama, bombas, tiros e o que tudo isso tem a ver com Amor, artigo de Malu Calixto

    [EcoDebate] Conversando sobre os desdobramentos das tragedias dos últimos dias ouvi a seguinte frase: "...mas em Mariana foram menos de 10 mortes. Em Paris foram mais de 150, em Beirute uns 50, no Quênia forma mais uns 150." E isso me fez pensar sobre como as notícias chegam até nós e como, as vezes, refletimos com visões estreitas demais sobre temas e acontecimentos que gritam, sufocando, por debates mais amplos e

Minas Gerais e o flagelo da mineração

  “‘Ecologizar a economia’ significa subordinar as empresas e seu modo de trabalhar à sobrevivência dos ecossistemas, desenvolvendo uma política ambiental correta, em que a produção não comprometa a sobrevivência do ecossistema”, diz o pesquisador. Foto: www.folhavitoria.com.br A ruptura da barragem da mineradora Samarco, em Mariana, Minas Gerais, “é apenas um dado alarmante que chama a atenção para uma situação que estamos tentando alertar há bastante tempo”, diz Apolo Lisboa à IHU On-Line, na

O preço da água

No sudeste do Pará, a concessão do abastecimento para a Odebrecht Ambiental veio acompanhada de tarifas altas; moradores de baixa renda têm de decidir entre pagar a conta ou garantir a alimentação das crianças Por Sarah Fernandes, de A Pública A água, tão central na cultura amazônica, tem se transformado em um bem caro e até mesmo perigoso em São João do Araguaia, São Geraldo do Araguaia e Xinguara, no sudeste do

Uso de termelétricas aumenta emissão de gases de efeito estufa (GEE) no Brasil

    Setor de energia emitiu quase 480 milhões de toneladas de gás carbônico equivalente (CO2e), o que contribuiu para que as taxas do Brasil permanecessem estáveis. As emissões de gases de efeito estufa (GEE) do Brasil em 2014 permaneceram estáveis em relação ao ano anterior, apesar da queda de 18% na taxa de desmatamento da Amazônia. A informação vem da nova estimativa do Sistema de Estimativa de Emissões de Gases de Efeito

Força do El Niño deve agravar a seca que atinge o semiárido, diz Cemaden

  Relatório divulgado nesta quarta-feira (18) aponta para cenário de poucas chuvas no Nordeste entre fevereiro e maio de 2016. Seca atinge 910 municípios e um milhão de propriedades da agricultura familiar. Relatório divulgado nesta quarta-feira (18) pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden/MCTI) aponta para um cenário de poucas chuvas na região Nordeste entre fevereiro e maio de 2016, o que deve agravar os impactos da seca

Criação e consumo de animais ocupam 75% de todas as terras aráveis do planeta

  “Os 70 bilhões de animais terrestres criados e abatidos todos os anos também geram uma quantidade de resíduos sólidos, líquidos e gasosos imensa, responsável pela poluição das águas, do solo e da atmosfera”, diz a pesquisadora. Foto: www.uagro.com.br   O efeito devastador da pecuária sobre o meio ambiente está relacionado à “ineficiência energética associada à produção de alimentos de origem animal”, diz Cynthia Schuck, uma das autoras do dossiê “Comendo o Planeta: Impactos

Como alimentar uma população crescente em tempos de mudança climática?

  Agir no nível local e consumir de maneira consciente estão entre as principais formas de reduzir o impacto climático da indústria alimentar, responsável por cerca de 50% das emissões globais de gases de efeito estufa     Atualmente, 800 milhões de pessoas no mundo sofrem com a fome, o que representa 11% da população vivendo em situação de insegurança alimentar, segundo a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). Conforme

Top