Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.219, de 15/11/2010

Lixão é que nem boca de fumo... artigo de Ana Echevenguá Um grande desafio: Conciliar o troca-troca das cadeiras com a capacidade técnica e a igualdade de gênero, artigo de Lélia Barbosa de Sousa Sá Assessoria de Imprensa ou do Cliente? artigo de Vera Lucia Rodrigues Operação do Ibama fecha garimpo ilegal em terra indígena no Pará PA: Justiça determina obediência às regras da pecuária sustentável. Fazendas poderão sofrer embargo Comissão da Câmara aprova compensação

Lixão é que nem boca de fumo… artigo de Ana Echevenguá

[EcoDebate] Lixão clandestino, a céu aberto, com aval das prefeituras é prática corriqueira em Santa Catarina. Lixão com o nome bonito de aterro sanitário e com licença da FATMA[i], idem. Por quê? Porque vivemos sob a ‘fiscalização zero’. E, muitas vezes, quem fiscaliza não tem capacidade técnica pra isso. Ou recebe um agradinho pra dizer que ‘tá tudo regular’. Não é piada! Isso é Santa Catarina e seus falaciosos índices de qualidade

Um grande desafio: Conciliar o troca-troca das cadeiras com a capacidade técnica e a igualdade de gênero, artigo de Lélia Barbosa de Sousa Sá

[EcoDebate] De quatro em quatro anos é muito normal (anormal para alguns) e perceptível o frenesi ocasionado pela troca de governo no Brasil. No Distrito Federal as mudanças são maiores e mais intensas. Mudanças essas que mexem com a vida da população de Brasília. Afinal, ocorrem em três níveis, Governo Distrital, Governo Federal e Congresso Nacional. São novas pessoas, com costumes diferentes e diversos, que chegam para fazer parte da

Assessoria de Imprensa ou do Cliente? artigo de Vera Lucia Rodrigues

[EcoDebate] Muito se tem falado nos últimos tempos sobre o crescimento de uma atividade empresarial denominada assessoria de imprensa. Fala-se muito sobre números, mercado, clientes, mas na prática, pouco se tem falado sobre profissionalização, senso de responsabilidade e ética. Didaticamente, se nos reportarmos à origem da expressão encontraremos o primeiro conflito de interesses. O termo usado é assessoria de imprensa. Semanticamente, devemos entender que a atividade teria como pressuposto básico um

Operação do Ibama fecha garimpo ilegal em terra indígena no Pará

Uma operação envolvendo Ibama, Polícia Federal e Fundação Nacional do Índio (Funai), com apoio do Exército e da Força Nacional, desmontou um garimpo de ouro dentro da Terra Indígena Kayapó, a 160 km de Redenção, no sul do Pará. Durante a ação, batizada de Operação Bateia, entre os dias 19 e 21/10, cerca de 300 pessoas – entre elas mulheres e crianças –  foram retiradas

PA: Justiça determina obediência às regras da pecuária sustentável. Fazendas poderão sofrer embargo

Fazendas que haviam sido embargadas administrativamente pelo Ibama, mas que foram autorizadas a continuar a atividade pecuária poderão agora sofrer embargo judicial no sul e sudeste do Pará. Elas deveriam obedecer as regras da pecuária sustentável, previstas em acordos entre o MPF e os frigoríficos. Não poderiam, por exemplo, fazer novos desmatamentos sem autorização. Mas a Procuradoria da República em Marabá recebeu denúncias, em setembro passado, de que pelo menos uma

Comissão da Câmara aprova compensação por gases estufa na Copa 2014

A Comissão de Turismo e Desporto aprovou, nesta quarta-feira, a neutralização - por meio de ações efetivas de compensação ambiental - das emissões de gases de efeito estufa geradas pelas atividades da Copa do Mundo de Futebol de 2014 no Brasil. A medida está prevista no Projeto de Lei 7421/10, do Senado. O relator, deputado Paulo Henrique Lustosa (PMDB-CE), argumentou pela sua aprovação com dados divulgados

Conselho Nacional de Segurança Alimentar (Consea) entregará documento sobre adaptações a mudanças climáticas para a presidenta eleita, Dilma Rousseff

O Conselho Nacional de Segurança Alimentar (Consea), formado por membros da sociedade civil e do governo, deverá formular, até março do próximo ano, uma minuta com diagnósticos e sugestões sobre como enfrentar os efeitos das mudanças climáticas nas populações mais vulneráveis. O documento será entregue ao governo da presidenta eleita, Dilma Rousseff, e terá como base as discussões do seminário Mudanças Climáticas: Adaptações e Vulnerabilidades, encerrada no dia 12/11, na sede

Aprovação do PL 7.376/2010 que cria a Comissão Nacional da Verdade deve ficar para o governo Dilma

A aprovação do Projeto de Lei (PL) 7.376/2010 que cria a Comissão Nacional da Verdade ficará para a próxima legislatura, durante o governo da presidenta eleita, Dilma Rousseff. O intuito da comissão é examinar e esclarecer as “graves violações de direitos humanos” praticadas entre a promulgação da Constituição de 1946 (18/9/1946) e a promulgação da atual Constituição (5/10/1988) – período que abrange a ditadura militar (1964-1985), quando houve perseguições a

Vinte capitais podem assistir à 5ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul

A Secretaria de Direitos Humanos (SDH) da Presidência da República promove a 5ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul. O programa inclui a apresentação de 41 filmes do continente. Em todas as capitais haverá sessões com o recurso de audiodescrição (que permite a pessoas cegas acompanharem os filmes) e closed caption (legendas). Todas as exibições são gratuitas. Esse é o quinta ano consecutivo que a SDH realiza a

O equilíbrio da Terra em Nagoya, artigo de José Pedro de Oliveira Costa

[O Estado de S.Paulo] A Conferência de Nagoya, dos Estados parte signatários da Convenção da Biodiversidade, encerrada há dias, constituiu-se num marco histórico. Nela foi aprovado um "protocolo" que, entre outras disposições, propugna por pelo menos 17% da superfície terrestre dos continentes e 10% dos ecossistemas marinhos como áreas protegidas. É um salto e tanto, mas não é tudo. A meta anterior, indicada genericamente, referia-se a 10% da superfície terrestre

Um bilhão de famintos, artigo de Dom Odilo P. Scherer

[O Estado de S.Paulo] A Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento e a Agricultura (FAO) lançou recentemente uma campanha de ajuda aos cerca de 1 bilhão de famintos ou subalimentados no mundo, sobretudo na África e na Ásia, mas também na América Latina. É muita gente! Será pela falta de alimentos, ou porque a terra é incapaz de produzi-los em quantidade suficiente? Em áreas desérticas ou semiáridas, é provável que

Top