Índice da edição nº 2.841, 2017 [de 29/09/17]

    O Chile está se tornando potência energética com base no sol, no vento e em vulcões, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Água: a pergunta não é 'E agora', mas 'E amanhã?' artigo de João Ricardo Raiser Carta das Mulheres das Águas rumo ao Fórum Alternativo Mundial da Água - FAMA 2018 Algas unicelulares do gênero Chlorella são usadas para despoluir esgoto e produzir adubo Convenção de Minamata: Brasil ainda não tem levantamento sobre

O Chile está se tornando potência energética com base no sol, no vento e em vulcões, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Chile caminha para ser uma potência energética na área renovável. Enquanto isto, o Brasil e a Venezuela atrelaram o desenvolvimento nacional ao poder poluidor dos combustíveis fósseis. O Chile está prestes a se tornar um exportador líquido de energia investindo em fontes mais limpas, especialmente o sol, o vento e a força geotérmica dos vulcões. Reportagem do jornal New York Times mostra que o Chile caminha para se tornar

Água: a pergunta não é ‘E agora’, mas ‘E amanhã?’ artigo de João Ricardo Raiser

    [EcoDebate] Falta água, no Meia Ponte (GO), e no Tocantins, Araguaia, São Francisco, Nordeste e outras regiões. Os motivos? É fácil citar 3: 1- Uso e ocupação do solo: a impermeabilização e ações que prejudicam a infiltração da água no solo, nosso principal reservatório, somado à poluição e degradação das bacias, em áreas urbanas quanto rurais; 2- Gestão e planejamento dos usos: a gestão, regulação e organização dos diversos usos é vital para

Carta das Mulheres das Águas rumo ao Fórum Alternativo Mundial da Água – FAMA 2018

  Carta das Mulheres das Águas rumo ao FAMA 2018 Água é Direito, Não Mercadoria Fórum Alternativo Mundial da Água – FAMA, Brasília (DF), Brasil - 17, 18 e 19 de março de 2018 https://pt-br.facebook.com/FAMA2018/ Nós, mulheres integrantes do Fórum Alternativo Mundial da Água - FAMA 2018 -, sujeitas e protagonistas da construção do feminismo popular, reafirmamos a necessidade de discutir que ÁGUA É DIREITO, NÃO MERCADORIA, agregando a este tema a visão da luta

Algas unicelulares do gênero Chlorella são usadas para despoluir esgoto e produzir adubo

  Por Reinaldo José Lopes | Agência FAPESP     Uma parceria entre pesquisadores brasileiros e holandeses está mostrando que é possível transformar a chamada água negra – fração mais “pesada” do esgoto doméstico, composta basicamente por uma mistura pouco diluída de fezes e urina que vem do vaso sanitário – em uma espécie de fazenda de algas. Ao crescer com a ajuda dos nutrientes desse efluente, as algas unicelulares do gênero Chlorella ajudam a

Convenção de Minamata: Brasil ainda não tem levantamento sobre fontes e emissões de mercúrio

    Até hoje (29), representantes dos países signatários participam da 1ª Conferência das Partes da Convenção de Minamata sobre Mercúrio (COP1), em Genebra, na Suíça. O tratado entrou em vigor em 16 de agosto e, apesar de ter participado da elaboração do texto da convenção, o Brasil ainda não tem um levantamento das fontes e emissões de mercúrio. A substância é extremamente tóxica e a Convenção de Minamata visa a reduzir as

Pesquisa revela o declínio catastrófico nas áreas selvagens globais nos últimos 20 anos

    Um décimo das regiões selvagens do mundo perdidas em 2 décadas Uma equipe de pesquisa, incluindo o professor William Laurance da James Cook University, descobriu que houve um declínio catastrófico nas áreas selvagens globais nos últimos 20 anos. A equipe mostrou que, desde a década de 1990, uma décima parte da região selvagem mundial desapareceu - uma área do dobro do tamanho do Alasca. A Amazônia e a África Central foram

AGENDA: SEMINÁRIO PACTO DE RESGATE AMBIENTAL LOCAL, RJ, 05/10/2019

  " Por um território Sustentável" O Movimento Evolutivo PACTO DE RESGATE AMBIENTAL/LAGOA VIVA em parceria com ACIBARRA, inserido na programação do BARRAWEEK 2017 promoção do Jornal O GLOBO, promove no dia 05 de outubro de 2017 no Centro de Convenções do BARRASHOPPING das 13h30 às 18h00. O Encontro PACTO DE RESGATE AMBIENTAL importante e concorrido seminário, reunindo lideranças e gestores locais, representantes governamentais, condominiais e empresariais, membros da Comissão de Direito Ambiental

STF determina volta à prisão de fazendeiros envolvidos em ataque a indígenas no Mato Grosso do Sul

  Prisão havia sido solicitada pela Força-Tarefa Avá-Guarani Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil A 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) manteve a prisão preventiva de cinco fazendeiros acusados de envolvimento em um ataque a indígenas no Mato Grosso do Sul, em junho do ano passado. O ataque à comunidade Tey Kuê, na Fazenda Yvu, localizada em Caarapó/MS deixou um morto e oito feridos. Na decisão desta terça-feira (26), os ministros

Índice da edição nº 2.840, 2017 [de 28/09/17]

    Inseticidas Domésticos, Parte 2/3, artigo de Roberto Naime Agressão a professores, artigo de Gilson Alberto Novaes Maioria dos professores da rede pública paulista já sofreu algum tipo de violência nas escolas Atlas Esgotos revela mais de 110 mil km de rios com comprometimento da qualidade da água por carga orgânica Projeto que altera Lei de Agrotóxicos e muda o processo de registro recebe críticas Em Audiência Pública na Câmara, especialistas

Inseticidas Domésticos, Parte 2/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] CASTRO e ROZEMBERG (2015) asseveram que o principal grupo químico utilizado como inseticida no ambiente doméstico é o piretróide sintético, amplamente utilizado também para o controle de agentes patogênicos, tanto na produção agrícola como na proteção da saúde humana. Porém, apesar de suas inúmeras vantagens em relação aos demais, pode causar intoxicações em indivíduos expostos às suas diversas apresentações, em espirais, “sprays” ou vaporizadores. Os inseticidas piretróides são absorvidos pela pele,

Agressão a professores, artigo de Gilson Alberto Novaes

    [EcoDebate] Sou professor há cinquenta anos e já vivi muitas experiências em todos os níveis de ensino, exceto na Pré-Escola. Nessa fase, treinei com os filhos e hoje com os netos! Uma delícia. Sempre tive pela figura do professor o maior respeito. Lembro-me dos meus primeiros professores e nós, os alunos, tínhamos verdadeira admiração por eles. Eram reverenciados e respeitados pela função educadora. Nos cursos primários antigamente, lembro-me bem, cantávamos o Hino

Top