Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.801, de 23/03/2013

    Não fale com pessoas estranhas... artigo de Montserrat Martins Toda guerra começa com uma mentira. A Invasão do Cabral, artigo de Norbert Suchanek A Alma de Hitchcock, artigo de Ana Echevenguá RJ: Seminário 'ÁGUA, MOBILIZAÇÃO E COMUNIDADE', 26/03/2013 Tratamento de esgoto ainda enfrenta rejeição da população e incapacidade técnica de prefeituras Mais da metade da população mundial ainda não têm água de qualidade em casa MPF quer que Justiça multe

Não fale com pessoas estranhas… artigo de Montserrat Martins

    [EcoDebate] Em meio a polêmica na rádio, sobre um golpista que pedia dinheiro a mulheres pela internet, a conclusão de um delegado foi: “não fale com pessoas estranhas na internet”. Se as pessoas seguissem seu conselho, o delegado acabava com a internet, pois a graça dela é justamente que ali se fala com várias pessoas estranhas, sobre todos tipos de assuntos. Achei que o conselho seria “não dê dinheiro a

Toda guerra começa com uma mentira. A Invasão do Cabral, artigo de Norbert Suchanek

  Rio de Janeiro, 22/03/2013 – Policiais do Batalhão de Choque cercam o prédio do antigo Museu do Índio, ao lado do Estádio Jornalista Mário Filho, o Maracanã. Foto: ABr   [EcoDebate] Rio de Janeiro, sexta feira, 22 de março de 2013, meio dia. Uma data que vai ficar na memória da cidade e na memória da luta pelos direitos dos povos originais do Brasil. Depois de 9 horas de cerco pela Polícia

A Alma de Hitchcock, artigo de Ana Echevenguá

  Cartaz do filme Hitchcock’, no site Cineclick   [EcoDebate] Adoro cinema. Bons filmes. Não gosto de assistir à premiação do Oscar porque não entendo a avaliação que eles fazem da produção cinematográfica. E ontem, assistindo ao filme ‘Hitchcock’, soube que este não faz parte da lista dos ganhadores desse troféu. O que só reforça meu ‘não gostar’. O roteiro ampare-se no livro "Alfred Hitchcock And The Making Of Psycho", de Stephen Rebello. A

RJ: Seminário ‘ÁGUA, MOBILIZAÇÃO E COMUNIDADE’, 26/03/2013

  PACTO DE RESGATE AMBIENTAL - "Por uma bacia hidrográfica sustentável" O ano de 2013 foi escolhido pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Ano Internacional de Cooperação pela Água. Apesar da Terra ser constituída por 70% de água, somente 2% deste recurso é disponível para o consumo. Aproximadamente 11% da população mundial não tem acesso à água potável. Nesse inicio do século XXI, os problemas ambientais surgem como uma ameaça concreta para

Tratamento de esgoto ainda enfrenta rejeição da população e incapacidade técnica de prefeituras

    No caminho para a universalização dos serviços de saneamento básico, o Brasil ainda está longe do ideal, especialmente no tratamento de esgoto, que enfrenta problemas como a rejeição da população e a incapacidade técnica das prefeituras, além do déficit gerado por anos de investimentos tímidos ou inexistentes desde o encerramento do Plano Nacional de Saneamento (Planasa) na década de 1980. A análise é do coordenador geral de engenharia e arquitetura

Mais da metade da população mundial ainda não têm água de qualidade em casa

    Ainda que quase 200 países tenham se comprometido a reduzir pela metade, até 2015, o número de pessoas sem acesso sustentável à água potável segura (Objetivo de Desenvolvimento do Milênio 7), o recurso ainda está limitado no mundo. No último Relatório Mundial das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento dos Recursos Hídricos, divulgado pela ONU-Água, os representantes de 28 organizações das Nações Unidas que integram o órgão alertaram que entre 3

MPF quer que Justiça multe a Norte Energia por descumprimento de acordo com índios

    O Ministério Público Federal no Pará (MPF/PA) pediu à Justiça Federal a aplicação imediata de multa de R$ 500 mil por dia contra a empresa Norte Energia. O órgão alega que a empresa responsável pela construção e operação da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu, descumpriu acordo assinado com a comunidade indígena, em outubro de 2012, para garantir a desocupação de um, dos três canteiros de obra. O pedido

Consumismo, o ‘aliciador’ de trabalho infantil nas cidades

  Por vontade própria e com o apoio dos pais, crianças e adolescentes realizam trabalhos degradantes para poder comprar bens como celulares e videogames Por Sabrina Duran, da Repórter Brasil A necessidade de um prato de comida já não é o único motivo a forçar crianças e adolescentes ao trabalho precoce e degradante. Na sociedade do consumo exacerbado e da publicidade ostensiva, outros itens pesam nas suas listas de urgências: celulares, tênis de

Caminhos para enfrentar o Frankenstein urbano, artigo de Washington Novaes

  Foto no Portal Educacional do Estado do Paraná   [O Estado de S.Paulo] Muitos leitores deste jornal devem ter tomado um susto na quinta-feira da semana passada ao lerem a mais do que contundente entrevista do respeitado arquiteto João Filgueiras Lima, o Lelé, dono de um currículo admirável, que inclui, entre muitas criações, a participação no projeto de construção de Brasília, a rede de hospitais Sarah e, com Darcy Ribeiro, a criação

No coração da indústria mundial do petróleo, Abu Dhabi aposta em energia solar

    Emirado inaugura maior usina de energia solar do planeta, em área equivalente a mais de 280 campos de futebol, num exemplo de busca pela sustentabilidade no coração da indústria mundial do petróleo. Os arranha-céus de Abu Dhabi desaparecem gradualmente no espelho retrovisor. A estrada passa por desertos, areia e poeira. Dos dois lados da pista, fios elétricos sustentados por postes altos mudam a paisagem e, ao mesmo tempo, abastecem de energia

Comissão de Agricultura da Câmara rejeita sistema de controle da produção e consumo de agrotóxicos

    Arquivo/ Gustavo Lima Marcos Montes: proposta cria burocracia adicional, desnecessária à agricultura brasileira.   A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural rejeitou, na quarta-feira (20), o Projeto de Lei 1950/11, do deputado Amauri Teixeira (PT-SP), que cria um sistema de controle da produção e do consumo de agrotóxicos por meio de vigilância eletrônica e sanitária. Relator na comissão, o deputado Marcos Montes (PSD-MG) apresentou parecer pela rejeição. Montes entende que a proposta

Top