Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.318, de 12/04/2011

O Princípio das Propriedades Emergentes, artigo de Roberto Naime Segurança e eficiência energética, artigo de Heitor Scalambrini Costa Ciência e Meio Ambiente, artigo de Aroldo Cangussu Tabagismo e Saúde Pública, artigo de Bruno Peron Loureiro MPF recomenda que prefeitura de BH restrinja despejos forçados no Projeto Vila Viva SC: MPF defende paralisação das obras no porto de S. Francisco do Sul para evitar danos ambientais irreparáveis 'Aedes aegypti': recomenda-se cautela

O Princípio das Propriedades Emergentes, artigo de Roberto Naime

[EcoDebate] A biologia contribui com alguns dos mais importantes conceitos para o conhecimento do ambiente e para a planificação de sua gestão, dentro de conceitos de preservação responsável. Talvez se possa afirmar que o próprio estabelecimento da ciência ecológica, suas relações com as outras ciências e sua relevância para a humanidade sejam suficientes para legitimar a importância da biologia dentro do contexto ambiental. A própria expressão ecossistema, que se refere à

Segurança e eficiência energética, artigo de Heitor Scalambrini Costa

[EcoDebate] A segurança energética é um fator prioritário para o país e somente aumentará com a diversificação da matriz energética com o uso de fontes energéticas renováveis. Do ponto de vista da produção de energia, segundo a Empresa de Planejamento Energético-EPE, o país tem folga no abastecimento, e pode suprir as necessidades de energia elétrica, com as atuais taxas previstas de crescimento, para os próximos anos. Portanto não existe relação

Ciência e Meio Ambiente, artigo de Aroldo Cangussu

[EcoDebate] Na concepção popular, a cor verde está relacionada com o meio ambiente, dando a entender que a preservação da Natureza refere-se somente às florestas. Muita gente, quando sabe que eu trabalho com projetos ambientais, pergunta se sou engenheiro florestal. O próprio partido político ligado às causas ambientais é denominado Partido Verde. Mas, o tema “meio ambiente” não pode ser intrinsecamente conectado aos problemas de desmatamento e manutenção das árvores e

Tabagismo e Saúde Pública, artigo de Bruno Peron Loureiro

[EcoDebate] Sociedades altamente dominadas pela cultura empresarial, como a brasileira e a estadunidense, são proclives a perder o sentido de "público" ou a vê-lo pulverizado. Os lucros encima de produtos supérfluos e a concentração de riquezas têm sido nelas prioridades sobre o bem-estar social e a saúde da população. O negócio do fumo e o tabagismo, que adoece e mata milhares anualmente, não se abala a despeito das advertências de instituições do

MPF recomenda que prefeitura de BH restrinja despejos forçados no Projeto Vila Viva

Para a Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, a remoção ou despejo forçado não pode ser a regra e só pode acontecer quando não houver outra alternativa Belo Horizonte. A Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC), órgão do Ministério Público Federal (MPF) em Minas Gerais, expediu recomendação a todos os envolvidos na implantação do Projeto Vila Viva, para que sejam respeitados os direitos das famílias que serão atingidas pelas obras

SC: MPF defende paralisação das obras no porto de S. Francisco do Sul para evitar danos ambientais irreparáveis

Para evitar danos irreparáveis ao meio ambiente, a Procuradoria Regional da República da 4ª Região (PRR4) interpôs recurso especial ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e recurso extraordinário ao Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo a revisão de decisão judicial que manteve as obras de ampliação e reforma do Porto de São Francisco do Sul (SC). O MPF entende que um acórdão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) violou

‘Aedes aegypti’: recomenda-se cautela para receitas caseiras

'Aedes aegypti': Especialistas reafirmam que o controle de criadouros pela população é a principal medida para combater o vetor da doença. Cravo da índia, álcool e borra de café. Estes são ingredientes de algumas das fórmulas que circulam na internet prometendo proteção contra o Aedes aegypti, o mosquito transmissor da dengue. Porém, especialistas do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) chamam atenção para o fato de que não há comprovação científica da

Experimento da USP mostra que modelo agroecológico preserva bioma e reduz gastos agrícolas

Experimento da USP reduz a incidência de pragas e o uso de agrotóxicos por meio da preservação ambiental Experiência realizada em plantações de tomate num assentamento rural de São Paulo mostra que a preservação de Mata Atlântica diminui os custos da produção e reduz a incidência de pragas na cultura. Nos experimentos, a porção de mata conservada agiu como um regulador de pragas e, segundo o engenheiro agrônomo Fábio Leonardo Tomas,

Convenção de Roterdã: Substâncias que compõem agrotóxicos e formicidas devem ter uso restringido

O Brasil pleiteia a restrição de substâncias usadas na fabricação de agrotóxicos e de formicidas, que serão analisadas na quinta Conferência das Partes (COP-5) da Convenção de Roterdã, que regulamenta o comércio internacional de produtos químicos perigosos. O encontro será em junho, em Genebra (Suíça). Entre as principais substâncias em pauta estão o Endosulfan e o Paraquat, que fazem parte da composição de agrotóxicos; e PFOS (Pentabromodifenil éter e Pentaclorobenzeno), que

Os danos dos agrotóxicos ao meio ambiente

Na última safra, as lavouras brasileiras bateram o recorde de uso de agrotóxicos. De acordo com informações do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para a Defesa Agrícola (Sindage), mais de um bilhão de litros de veneno foram usados na agricultura. Se confirmado o volume de vendas estimado em 2010 pela Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim), esse recorde pode ser superado. A entidade estima um crescimento de até 8%,

Complexo Termelétrico de Candiota: ‘Uma licença nula por natureza’. Entrevista com Paula Schirmer

Ainda que o debate seja atual, a história do complexo termelétrico de Candiota [1], na zona sul do Rio Grande do Sul, começa ainda na década de 1950. Dividida em fase A, que possui duas unidades que produzem 63 megawatts de energia; e fase B, que também possui duas unidades, porém cada uma delas com potencial para gerar 160 megawatts, o complexo sempre esteve cercado de polêmicas envolvendo o risco e

Top