‘Coquetel’ de agrotóxicos ingerido no consumo de frutas e verduras pode causar Alzheimer e Parkinson

    Comer cinco frutas e legumes por dia é bom para a saúde. Não tão bom é o “coquetel” de pesticidas ingerido no processo: a mistura dessas substâncias químicas pode multiplicar seus efeitos tóxicos em proporções tão surpreendentes quanto preocupantes, segundo os resultados de um estudo preliminar [A Preliminary Investigation into the Impact of a Pesticide Combination on Human Neuronal and Glial Cell Lines In Vitro] publicado na revista científica “PloS

Pesquisa avalia o impacto ambiental de excesso de barragens na Amazônia

  Hidrelétricas projetadas na Amazônia Andina. Imagem PlosOne doi:10.1371/journal.pone.0035126.g001 Estão previstos 150 novos barramentos de rio, sendo que 50% serão de alto impacto ambiental e 80% causarão perdas de florestas. Uma das regiões de maior biodiversidade do planeta, a Amazônia está sofrendo grande pressão por conta da construção de hidrelétricas. Estudo [ Proliferation of Hydroelectric Dams in the Andean Amazon and Implications for Andes-Amazon Connectivity ] publicado nesta quarta-feira (18) na revista "PLoS

PLoS ONE: Effects of environmental toxicants reach down through generations

  Epigenetic researcher finds several disease-causing compounds [By Michael Skinner, Washington State University] A Washington State University researcher has demonstrated that a variety of environmental toxicants can have negative effects on not just an exposed animal but the next three generations of its offspring. The animal's DNA sequence remains unchanged, but the compounds change the way genes turn on and off—the epigenetic effect studied at length by WSU molecular biologist Michael Skinner and

Crescimento das cidades coloca em risco o meio ambiente global

[Por David DeFusco, em EcoDebate] O crescimento explosivo das cidades em todo o mundo ao longo das próximas duas décadas apresenta sérios riscos às pessoas e ao meio ambiente global, de acordo com uma metanálise publicada hoje no PlosOne. Pesquisadores de Yale, Estado do Arizona, Texas A&M e Stanford prevêem que até 2030 as áreas urbanas se expandirão por 590.000 milhas quadradas —quase o tamanho da Mongólia — para servir às

Global Change Could Amplify Fire Effects on Soil Greenhouse Gas Emissions

Audrey Niboyet1¤a*, Jamie R. Brown2, Paul Dijkstra2, Joseph C. Blankinship2, Paul W. Leadley1, Xavier Le Roux3¤b, Laure Barthes1, Romain L. Barnard4, Christopher B. Field5, Bruce A. Hungate2 1 Laboratoire Ecologie, Systématique et Evolution, UMR 8079 Université Paris-Sud 11/CNRS/AgroParisTech, Université Paris-Sud 11, Orsay, France, 2 Department of Biological Sciences and Merriam-Powell Center for Environmental Research, Northern Arizona University, Flagstaff, Arizona, United States of America, 3 Laboratoire d'Ecologie

Estudo sugere que ‘efeito placebo’ pode funcionar mesmo quando informado ao paciente

Para a maioria das pessoas, o "efeito placebo" é associado ao poder do pensamento positivo. Ele funciona pois o indivíduo acredita que está tomando uma droga real. Mas um novo estudo coloca em xeque a suposição. Pesquisadores do Centro de Pesquisa Osher da Escola de Medicina de Harvard e do Centro Médico Beth Israel Deaconess (BIDMC) descobriram que os placebos funcionam, mesmo quando administrados sem o engodo aparentemente necessário. O estudo

Pesquisa conclui que morangos orgânicos são mais nutritivos que os convencionais

Foto: Divulgação / Embrapa Clima Temperado / Página Rural [Por Henrique Cortez, para o EcoDebate] Os consumidores compram frutas e vegetais orgânicos porque eles pensam que são mais saborosos, mais nutritivos e, ao mesmo tempo, são ambientalmente mais 'amigáveis', muitas vezes pagando bem mais por estas qualidades adicionais dos produtos orgânicos. E, de acordo com uma nova pesquisa [Fruit and Soil Quality of Organic and Conventional Strawberry Agroecosystems] os morangos orgânicos são,

Poluição do ar aumenta o risco de doenças cardiovasculares

[Por Henrique Cortez, do EcoDebate] A exposição à poluição do ar acelera o espessamento das paredes das artérias, que leva a doenças cardiovasculares, dizem os pesquisadores. O estudo [Ambient Air Pollution and the Progression of Atherosclerosis in Adults] de pesquisadores da Keck School of Medicine da University of Southern Califórnia (USC), em colaboração com parceiros internacionais da Espanha e Suíça, e colegas, na Califórnia, foi publicado na revista PloS ONE. 26030

Estudo confirma ligação do bisfenol-A(BPA) a doenças cardiovasculares em adultos, por Henrique Cortez

A exposição ao BPA pode ter efeitos nocivos para a saúde. O BPA é usado em embalagens de plástico, como garrafas plásticas, copos e potes. Imagem iStockphoto [Ecodebate] Pesquisadores da Universidade de Exeter e Peninsula Medical School descobriram mais evidências de uma ligação entre a exposição ao bisfenol-A(BPA) e doença cardiovascular. A pesquisa [Association of Urinary Bisphenol A Concentration with Heart Disease: Evidence from NHANES 2003/06] avaliou dados do estudo populacional NHANES

Estudo sugere que recifes de coral podem se recuperar dos danos das mudanças climáticas, por Henrique Cortez

Foto: WWF [EcoDebate] Um estudo realizado pela Universidade de Exeter fornece a primeira evidência de que os recifes de coral podem se recuperar dos efeitos devastadores das mudanças climáticas. O estudo [Marine Reserves Enhance the Recovery of Corals on Caribbean Reefs], publicado na revista PLoS ONE, mostra, pela primeira vez, que os recifes de coral localizados em reservas marinhas podem se recuperar dos impactos do aquecimento global. Cientistas e ambientalistas têm alertado

Os norte-americanos estão consumindo e desperdiçando mais comida do que há três décadas, por Henrique Cortez

[EcoDebate] Esta é a conclusão de um novo estudo [The Progressive Increase of Food Waste in America and Its Environmental Impact], publicado pela PLoS ONE, destacando que os efeitos deste desperdício sobre o meio ambiente são graves. Os americanos estão desperdiçando comida a uma taxa de 1.400 calorias por dia por pessoa, com impactos que tem implicações para a obesidade e as mudanças climáticas. 21888

Aquecimento global ameaça a produção agrícola da Califórnia

[Por Henrique Cortez, do EcoDebate] Já se sabe que as mudanças climáticas e o aquecimento global terão severos impactos na produção agrícola das áreas tropicais e temperadas, mas, embora sabido, ainda não havia sido adequadamente dimensionado. Um recente estudo [Climatic Changes Lead to Declining Winter Chill for Fruit and Nut Trees in California during 1950–2099] da University of California, Davis e da University of Washington avaliou os impactos potenciais na

Leitura científica recomendada: artigos sobre recifes de coral publicados na PLos ONE

22 Apr 2009 Doom and Boom on a Resilient Reef: Climate Change, Algal Overgrowth and Coral Recovery Guillermo Diaz-Pulido, Laurence J. McCook, Sophie Dove, Ray Berkelmans, George Roff, David I. Kline, Scarla Weeks, Richard D. Evans, David H. Williamson, Ove Hoegh-Guldberg * 20 Aug 2008 Phase Shift from a Coral to a Corallimorph-Dominated Reef Associated with a Shipwreck on Palmyra Atoll Thierry M. Work, Greta S. Aeby, James E. Maragos * 16992

Estudo relata que cientistas admitem omissão ou descuido em artigos

Revisão de trabalhos estrangeiros aponta decisão subjetiva e silêncio sobre dados contrários Até 34% de cientistas estrangeiros admitem ter realizado práticas de pesquisa questionáveis, como omitir novos resultados que colocariam em xeque trabalhos anteriores ou descartar certas informações obtidas em experimentos por uma percepção subjetiva de que estão incorretas. Foi o que mostrou uma revisão sistemática de artigos sobre má conduta científica realizada por Daniele Fanelli, do Instituto para o Estudo

Pesquisa relaciona aumento do risco de obesidade à contaminação pelo agrotóxico atrazina

Estrutura molecular do herbicida atrazina. Fonte: Instituto Superior Técnico [Por Henrique Cortez, do EcoDebate] Um novo estudo [Chronic Exposure to the Herbicide, Atrazine, Causes Mitochondrial Dysfunction and Insulin Resistance], publicado na PLos One, mostra que ratos submetidos à exposição prolongada ao agrotóxico atrazina tiveram sobrepeso quando alimentados com dieta normal e obesidade quando alimentados com dietas de alto teor de gordura. Estas condições de saúde podem levar à diabetes e

Sequenciamento do genoma do camundongo demonstra mais diferenças com o genoma humano do que se estimava

Mais distantes – O camundongo (Mus musculus) é o principal modelo animal usado como base para a pesquisa de doenças que atingem o homem, mas até onde vão as semelhanças entre os dois organismos? Para um grupo internacional de pesquisadores, o melhor entendimento da biologia do camundongo somente seria possível a partir da disponibilidade do genoma completo do roedor. E é justamente isso que acaba de ser concluído. Em artigo publicado na

Fóssil de 47 milhões de anos, encontrado na Alemanha, seria elo perdido na evolução dos primatas superiores

O fóssil de 47 milhões de anos estava em uma coleção particular Cientistas revelaram em Nova York nesta terça-feira o fóssil de uma criatura de 47 milhões de anos que pode ser um elo perdido na evolução dos primatas superiores - entre eles, os seres humanos. O fóssil, batizado de Ida, está em estado tão bom de conservação que é possível ver sua pele e traços de sua última refeição. 13705

Poluição provoca alterações genéticas que predispõem à asma

[Por Henrique Cortez, do EcoDebate] Exposição pré-natal à poluição do ar parece causar alterações genéticas que predispõem bebês nascituros à asma ao longo de sua vida, de acordo com um novo estudo conduzido por pesquisadores do Centro de Genética Ambiental da Universidade de Cincinnati (Center for Environmental Genetics, University of Cincinnati) e publicada na revista PLoS ONE. 13494

Artigo sobre remédios alternativos conclui que remédios inócuos se espalham mais facilmente

Com muita frequência, remédios alternativos falham em mostrar sucesso ao serem submetidos a testes clínicos. Mesmo assim, produtos de eficácia duvidosa --como extrato de Gingko biloba (receitado contra demências) e raspas de barbatana de tubarão (contra câncer)-- parecem estar proliferando cada vez mais. Segundo um novo estudo, porém, não há contradição aí: é justamente pela qualidade de serem inócuas que essas "receitas milagrosas" ganham terreno. 13120

Estudo analisa a forma como a raridade de uma espécie afeta seu valor para as pessoas

[Por Henrique Cortez, do EcoDebate] Durante anos, os cientistas analisaram como a abundância de espécies influencia a sua chance de sobrevivência. Embora seja óbvio que os baixos números ameaçam a sobrevivência, simplesmente porque reduz as possibilidades reprodutivas, também deve ser considerado que a raridade de uma espécie também as torna mais valiosas. É o chamado efeito antropogênico Allee, pelo qual quanto menor o número de indivíduos de uma espécie, mais provável

Top