Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.465, de 08/11/2011

  Dossiê EcoDebate: Recuperação de áreas degradadas, por Roberto Naime Sete bilhões de carnívoros. E agora? artigo de Eloy Casagrande Jr. MPF/RJ realiza, em 11/11, audiência pública para debater novo Código Florestal Bancos recebem notificação sobre riscos de envolvimento com Belo Monte Começa dia 14/11 o FilmAmbiente, primeiro Festival de Audiovisual Ambiental do Rio Turismo marginaliza comunidades litorâneas no Rio Grande do Norte Áudio: Indígenas de Mato Grosso fazem reflorestamento com

Dossiê EcoDebate: Recuperação de áreas degradadas, por Roberto Naime

  Recuperação de áreas degradadas, artigo de Roberto Naime Publicado em outubro 20, 2011 [EcoDebate] Áreas degradadas são porções de terrenos que sofreram distúrbios e que após estes fenômenos sofreram perda de vegetação e dos meios bióticos como banco de sementes, banco de plântulas, chuvas de semente e rebrotas, apresentando baixa capacidade de resiliência, isto é voltar ao seu estado anterior, necessitando para tanto de auxílio antrópico. Esta [...] Áreas degradadas urbanas, artigo de

Sete bilhões de carnívoros. E agora? artigo de Eloy Casagrande Jr.

  [EcoDebate] Chegamos a sete mil milhões de almas num Planeta cheio de contrastes. Avançamos em tecnologia somente imaginável em filmes de ficção científica há poucos anos e ao mesmo tempo não conseguimos alimentar o mundo. A discussão em torno da questão de aumento contínuo da população mundial é se teremos como alimentar tantas bocas? Afinal, temos somente 16% de área útil biológica para uso da espécie humana, que também necessita

MPF/RJ realiza, em 11/11, audiência pública para debater novo Código Florestal

  Para procuradores, projeto de lei viola a Constituição e causará irreparáveis danos ao meio ambiente O Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro realiza na próxima sexta-feira, 11 de novembro, às 16h, audiência pública para debater as deficiências e omissões do projeto de lei do novo Código Florestal (PL 30/2011), que tramita no Congresso Nacional. A audiência "Novo Código Florestal: inconstitucionalidades e impactos sobre a Rio +20 e a Política Nacional

Bancos recebem notificação sobre riscos de envolvimento com Belo Monte

  Bancos interessados em financiar a usina são alertados contra riscos financeiros, jurídicos e de reputação do empreendimento Áudio: A notificação extrajudicial foi enviada por mais de 150 entidades contrárias a Belo Monte a 11 bancos públicos e privados, relatando os riscos financeiros, jurídicos e de reputação. Entre as instituiçãoes financeiras que receberam o documento estão a Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Banco da Amazônia, e o Banco Nacional de Desenvolvimento

Começa dia 14/11 o FilmAmbiente, primeiro Festival de Audiovisual Ambiental do Rio

  O primeiro Festival de Audiovisual Ambiental do Rio MUITAS LENTES SOBRE O MEIO AMBIENTE no Rio o 1º FilmAmbiente, que traz para quatro salas de exibição da cidade a mais recente produção internacional de cinema ambiental, com direito a uma estreia mundial e debates com diretores, produtores e ambientalistas. Vencedores receberão o Troféu Tainá e prêmios em dinheiro Stanislav Petrov, oficial do exército russo, era responsável por monitorar a possível presença de mísseis

Turismo marginaliza comunidades litorâneas no Rio Grande do Norte

  Desde as últimas décadas do século XX, o turismo vem sendo proposto como uma das formas mais eficazes de alavancar o desenvolvimento sustentável, em países de economia periférica ou em desenvolvimento, por meio da geração de emprego e renda e da melhoria da qualidade de vida. Desde a década de 1960, o Rio Grande do Norte, ao priorizar o turismo de “sol e mar”, vem sofrendo profundas transformações no seu

Áudio: Indígenas de Mato Grosso fazem reflorestamento com árvores frutíferas

  As mudas estão sendo plantadas nas terras indígenas do noroeste do estado, com o objetivo de promover a segurança alimentar a aumentar a geração de renda ambientalmente sustentável. São mais de 26 mil mudas de árvores frutíferas doadas à Funai de Juína. Bianca Paiva Reportagem da Radioagência Nacional, publicada pelo EcoDebate, 08/11/2011 [ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao

Fabricantes vão reduzir nível de benzeno nas principais marcas de refrigerante

  As principais marcas de refrigerante light ou diet cítrico terão menos benzeno nos próximos anos, substância que pode provocar câncer. Responsáveis por quase 90% do mercado brasileiro, as empresas Coca-Cola, Schincariol e Ambev comprometeram-se a reduzir a quantidade de benzeno em suas bebidas ao máximo de 5 ppb (partes por bilhão) ou 5 microgramas por litro, o mesmo parâmetro usado para a água potável. A meta foi acertada com o Ministério

Energia Solar: Abram alas para o sol, artigo de Paul Krugman

  [Folha de S.Paulo] A história da tecnologia vem sendo dominada há décadas, na mente popular e também na realidade, em grande medida, pela computação e as coisas que é possível fazer com ela. A Lei de Moore - segundo a qual o preço da potência de computação cai aproximadamente 50% a cada 18 meses - propiciou o surgimento de uma gama sempre crescente de aplicativos, desde os faxes até o

As asas dos alimentos: Abelhas ganham valor na produção agrícola

  "Vou falar de abelhas e de flores”, anunciou a bióloga Vera Lúcia Imperatriz Fonseca diante de uma plateia de economistas e estudantes de economia em um debate no final da manhã de 15 de março na Universidade de São Paulo (USP). O início singelo logo ganhou densidade. Em menos de meia hora, as abelhas deixaram de ser vistas apenas como produtoras de mel e ganharam valor como seres indispensáveis para

Moratória da soja e os desafios do desmatamento na Amazônia. Entrevista com Bernardo Rudorff

  Criada em 2006 para garantir a exportação de soja para o exterior, em função da conscientização ambiental dos consumidores, a moratória da soja tem sido um instrumento incipiente para diminuir o desmatamento no bioma amazônico. Apesar da tentativa de conter o plantio da soja em áreas florestais, o elevado preço do produto no mercado internacional contribuiu para dar continuidade ao desmatamento. Em entrevista à IHU On-Line, concedida por telefone, Rudorff

Top