UE deve limitar uso de safras agrícolas para produção de biocombustíveis

    A União Europeia deverá impor um limite para o uso de safras agrícolas para produção de biocombustíveis, por temores de que estes sejam menos benéficos ao clima do que se pensava inicialmente e pela competição com a produção de alimentos, segundo esboço de legislação da UE visto pela Reuters. Reportagem de Charlie Dunmore, da Reuters, no Yahoo Notícias. O esboço, que depende de aprovação dos governos europeus e dos legisladores, representa

Etanol e biodiesel: Brasil exporta contradições

    Que razões levariam o Brasil - maior produtor mundial de cana-de-açúcar, matéria prima do etanol, e segundo maior produtor da soja, utilizada na composição do biodiesel – a investir em plantações em outros países? Para Sérgio Schlesinger, que realizou o estudo Cooperação e Investimentos Internacionais do Brasil: a internacionalização do etanol e do biodiesel, para o Núcleo Justiça Ambiental e Direitos da FASE, o estímulo do governo brasileiro à produção de

Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) terá planta piloto para gaseificação de biomassa

    Projeto conceitual de planta industrial de gaseificação com capacidade de processar 400 mil toneladas anuais de bagaço e palha de cana-de-açúcar será instalada em Piracicaba (IPT) Prover os dados necessários para estabelecer um projeto conceitual de uma planta industrial de gaseificação com capacidade de processar 400 mil toneladas anuais de bagaço e palha de cana-de-açúcar é o objetivo do projeto da planta piloto do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), em Piracicaba. “Isso

Programa de biodiesel não atingiu meta de inclusão da agricultura familiar na cadeia produtiva do biocombustível

  Programa Nacional de Uso e Produção de Biodiesel ampliou mercado mas ainda não conseguiu promover a inclusão da agricultura familiar na cadeia produtiva do biocombustível, aponta pesquisa feita na UFSCar Desde que foi lançado, em 2004, o Programa Nacional de Uso e Produção de Biodiesel (PNPB) ampliou significativamente o mercado para esse biocombustível no país. Mas a iniciativa do governo federal ainda não conseguiu cumprir uma de suas principais metas: promover

Tese analisa indicadores e impactos proporcionados pelas principais rotas de produção de biodiesel no país

    MANUEL ALVES FILHO O Brasil iniciou a produção de biodiesel em 2005, ano em que gerou cerca de 700 mil litros do biocombustível. Em 2010, o volume foi ampliado para 2,4 bilhões de litros, número que catapultou o país à condição de segundo maior produtor mundial, atrás da Alemanha. Tese de doutorado apresentada recentemente à Faculdade de Engenharia Mecânica (FEM) da Unicamp, desenvolvida por Marcelo Pereira da Cunha, avaliou e

Pesquisadores desenvolvem biocombustível a partir do cultivo de algas marinhas

  Gasolina de algas, o combustível verde - Os cientistas estão desenvolvendo sistemas para conseguir biocombustíveis fabricados a partir de óleos vegetais extraídos de diferentes espécies de algas marinhas. O combustível verde chegou. As algas marinhas, espécies de organização muito simples que vivem e realizam sua fotossíntese na água e se alimentam de substâncias inorgânicas, têm cada vez mais aplicações. Não só são utilizadas como alimento, por causa de sua riqueza

Biogas: Fuel from market waste

  IMAGE: This plant in Stuttgart makes biogas out of waste from wholesale markets. Credit: Fraunhofer IGB [By Ursula Schliessmann, Fraunhofer-Gesellschaft, in EcoDebate] Drivers who fill up with natural gas instead of gasoline or diesel spend less on fuel and are more environmentally friendly. Natural gas is kinder on the wallet, and the exhaust emissions it produces contain less carbon dioxide and almost no soot particles. As a result, more and more

Segurança Alimentar: FAO deve analisar a produção de biocombustíveis em cada país

  Novo chefe da agência para Agricultura e Alimentação, José Graziano da Silva, contou à Rádio ONU, que na América Latina, apenas quatro nações estão aptas a produzir etanol sem afetar segurança alimentar: Argentina, Brasil, Colômbia e Paraguai.   Biocombustível baseado em milho preocupa Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York. As Nações Unidas devem estudar a situação de cada país interessado em produzir biocombustíveis. Segundo o novo diretor da Organização para Agricultura

Biodiesel também pode causar impactos significativos na biota marinha

  Efeitos do biodiesel em peixes - Estudo feito na Unesp indica que componentes do biodiesel causam oxidação da membrana de brânquias de algumas espécies de peixes, facilitando a entrada de substâncias tóxicas no organismo dos animais. O biodiesel, embora seja menos poluente do que o diesel de petróleo – emite menor quantidade de gases de efeito estufa na atmosfera –, também pode causar impactos significativos na biota marinha, dependendo da espécie

Bioenergia terá indicadores globais para referencial de sustentabilidade do setor

  Encontro na próxima semana discutirá a padronização de cálculos de emissões de gases de efeito estufa e determinará indicadores para referencial de sustentabilidade do setor O governo brasileiro participa na próxima semana, de 15 a 16, em Tóquio, da reunião da Parceria Global de Bioenergia (GBEP, em inglês). O encontro irá debater a padronização das metodologias de cálculo de emissões de gases de efeito estufa e ratificar 24 indicadores que poderão

Incentivo ao biocombustível desestabiliza mercado de alimentos, dizem relatórios

  Populações pobres da África sofrem com volatilidade nos preços, dizem FAO e IFRPI - Deve haver ênfase maior para a produção de biocombustível de segunda geração, que usa partes das plantas geralmente não aproveitadas como alimento Deve haver ênfase maior para a produção de biocombustível de segunda geração, que usa partes das plantas geralmente não aproveitadas como alimento Dois relatórios sobre a situação da fome no mundo, divulgados no início do

Biodiesel de Algas: Promessa ou Futuro? por Paulo A. Z. Suarez e Angelo C. Pinto

  A demanda crescente por combustíveis "verdes" para a substituição dos combustíveis fósseis levou, em todo o mundo, ao lançamento de programas para a produção de biocombustíveis. O governo brasileiro, ao lançar primeiro o programa do álcool e depois o do biodiesel, saiu na frente nessa corrida. Hoje, no Brasil, é obrigatória a adição de álcool à gasolina (em teor que varia de 20 a 25% de acordo com a oferta

Biocombustíveis e especulação contribuem para fome, diz estudo

  Fatores causados pelo homem, como o uso da agricultura para biocombustíveis e a especulação no preço de alimentos, são determinantes para a fome nas partes mais pobres do mundo, segundo relatório divulgado nesta terça-feira pelo centro de pesquisas, sediado nos EUA, International Food Policy Research Institute. O estudo diz que a volatilidade nos preços dos alimentos afetou bastante os mais pobres, que não conseguiram se adaptar às mudanças. A volatilidade seria causada

New York Times: UE pode estar exagerando redução de CO2 por biocombustíveis

  Relatório preliminar diz que benefícios estão sendo contados em dobro A versão preliminar de um relatório do Comitê Científico da Agência Ambiental Europeia acusa a União Europeia de exagerar as reduções de gases causadores do efeito estufa que serão possibilitadas pela adoção de biocombustíveis, informa o jornal The New York Times. A opinião, que está sendo elaborada por 19 pesquisadores, diz que a redução de emissões projetada pela

Pesquisador de Yale alerta sobre impactos socioambientais da produção de biocombustíveis

Sílvio Anunciação e Mariana Ceriani Os impactos ambientais e sociais da produção de biocombustíveis foram discutidos na tarde desta terça-feira (4) na Unicamp pelo pesquisador e docente da Escola de Estudos Florestais e de Meio Ambiente da Universidade de Yale, Robert Bailis. Bailis, doutor em energia e recursos pela Berkeley University e mestre em física pela Northwestern University, estuda a produção de combustíveis em países emergentes, como Brasil e Índia. “Meu

Repórter Brasil avalia as relações entre Código Florestal e Agricultura Familiar

  Além de suscitar debates acalorados entre ambientalistas e ruralistas nos últimos dois anos, a proposta de mudanças no Código Florestal acabou também no centro da pauta das organizações e movimentos da agricultura familiar, depois que o setor foi citado insistentemente pela bancada ruralista nos argumentos pela suposta necessidade de flexibilização das leis ambientais. Empurrada, assim, para o centro dos debates, a agricultura familiar internamente também adotou posicionamentos distintos, com parcela

Cientista identifica ‘assinatura’ do etanol e poluentes atmosféricos emitidos por biocombustíveis

Há décadas usado no Brasil como alternativa à gasolina, o etanol passou a fazer parte da mistura de combustíveis utilizados em vários países do mundo nos últimos anos. Com isso, aumentou a preocupação da comunidade científica internacional com os efeitos de sua queima na qualidade do ar que respiramos. Agora, Brian Giebel, estudante de graduação em química marinha e atmosférica da Universidade de Miami, criou um método capaz de identificar

Mudança de petróleo para biomassa impulsiona a ‘química verde’

O termo “química verde” existe desde 1991 e foi cunhado por Paul Anastas, um químico da Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, para designar a terceira onda da química, a qual a humanidade e indústria começariam a vivenciar. As outras duas primeiras ondas ocorreram nos séculos 19 e 20, respectivamente, quando a indústria se movia, primeiro pelo carvão, e depois pelo petróleo. Sem dúvida,

Empresas e governo pesquisam biocombustível para aviões; meta é reduzir as emissões de gases-estufa

Aviação testa combustíveis mais verdes - A busca por combustíveis mais sustentáveis chegou à aviação. A necessidade de reduzir os gases-estufa do setor aéreo, que corresponde a 2% das emissões globais, leva empresas de aviação, fabricantes de aviões e centros de pesquisas a uma corrida tecnológica para desenvolver biocombustíveis que possam substituir, ao menos em parte, o querosene derivado do petróleo. Reportagem de Andrea Vialli, em O Estado de S.Paulo. O

Etanol de 2ª geração: Embrapa Agroenergia avalia matérias-primas adequadas para a produção do biocombustível

Visando à identificação do potencial das matérias-primas para produção de etanol de segunda geração, a Embrapa Agroenergia (Brasília/DF) está realizando testes com diversas metodologias já descritas no Brasil e no exterior. As análises das biomassas, que são oriundas de um projeto da Empresa para identificar matérias-primas adequadas para a produção do biocombustível, são realizadas nos laboratórios da Embrapa Hortaliças e da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, ambas no Distrito Federal. “Estamos

Top