Aumenta a fome e a insegurança alimentar no Brasil

    Renda per capita inferior a 1,25 dólar por dia. Aumenta a fome e a insegurança alimentar no Brasil. Entrevista especial com Rosana Magalhães IHU Apesar de o Brasil ter saído do Mapa da Fome da Organização das Nações Unidas – ONU há três anos, entidades da sociedade civil alertam para a possibilidade de a fome e a insegurança alimentar aumentarem no país. Segundo a pesquisadora Rosana Magalhães, o Banco Mundial tem projetado

Organização Meteorológica Mundial (OMM) registra recordes de calor em diferentes partes do mundo

  ONU Temperaturas extremamente altas para os meses de maio e junho bateram recordes de calor na Europa, Oriente Médio, norte da África e Estados Unidos. A informação foi divulgada pela Organização Meteorológica Mundial (OMM), que alertou também que as temperaturas médias dos oceanos e superfícies para os cinco primeiros meses de 2017 atingiram o segundo nível mais alto já registrado.     Temperaturas extremamente altas para os meses de maio e junho bateram recordes

Mobilização internacional para que o ecocídio seja considerado delito universal

Ativistas se mobilizam pela instituição do ecocídio para coibir crimes ambientais IHU As constantes agressões ao ambiente natural cometidas por grandes grupos econômicos, com a complacência de governos e dispositivos legais, têm levado a uma mobilização em nível internacional para que o ecocídio seja considerado delito universal. Esta é a proposta do jurista espanhol Baltasar Garzón, para quem os ataques sistemáticos contra a natureza por parte de corporações, que promovem explorações arbitrárias e

Índice da edição nº 2.796, 2017 [de 18/07/17]

    Papel da organização social e ambiental nos assentamentos rurais, Parte 3/3 (Final), artigo de Roberto Naime Uma economia que sirva o Ser Humano, artigo de Marcus Eduardo de Oliveira Palácio do Planalto transformou-se em subsede da bancada ruralista Agroecologia na prática: Comunidades mostram que é possível produzir alimentos saudáveis sem agredir o meio ambiente Mobilização popular das seringueiras e seringueiros no Brasil, entrevista com Dercy Teles Indígenas da etnia munduruku ocupam canteiro de obras da

Papel da organização social e ambiental nos assentamentos rurais, Parte 3/3 (Final), artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Álvaro Antônio Xavier de Andrade, Diego Camelo Moreira e Roseni Aparecida de Moura concluem reflexão sobre a significação da organização social e ambiental prévia num assentamento da reforma agrária. Todos os impactos ambientais que ocorrem são relevantes, mas práticas de queimadas ou “coivaras” são muito significativas. O mais comentado de todos os impactos causados pelas queimadas é a emissão de gases do efeito estufa, principalmente do gás carbônico. Quando é

Uma economia que sirva o Ser Humano, artigo de Marcus Eduardo de Oliveira

    [EcoDebate] Alinhavado a uma histórica estrutura disfuncional que permeia a economia global, imiscuído na órbita do mercado capitalista, o impacto de dois movimentos basilares da economia - o industrialismo e o consumismo - em dois séculos de existência, desequilibrou completamente a relação homem-natureza; ser humano-meio ambiente; homo sapiens-Terra. A estratégia econômica organizada pelos países que rapidamente foram se industrializando ao longo dos últimos tempos, centrada na fixa ideia do crescimento econômico

Palácio do Planalto transformou-se em subsede da bancada ruralista

  Palácio do Planalto transformou-se em subsede da bancada ruralista. Entrevista especial com Márcio Astrini IHU O presidente Michel Temer sancionou no dia 11 de julho a Medida Provisória - MP 759/2016, também conhecida como MP da Grilagem. Conforme o site do Senado, ela “dispõe sobre a regularização fundiária rural e urbana, sobre a liquidação de créditos concedidos aos assentados da reforma agrária e sobre a regularização fundiária no âmbito da Amazônia Legal”.

Agroecologia na prática: Comunidades mostram que é possível produzir alimentos saudáveis sem agredir o meio ambiente

  Reportagem de André Antunes - EPSJV/Fiocruz     Divulgar experiências exitosas de produção agroecológica e de organização comunitária foi um dos objetivos da Caravana Agroecológica do Semiárido Baiano, que percorreu localidades ao longo do São Francisco, no norte da Bahia, entre os dias 26 e 30 de junho. Com esse objetivo, a caravana, que reuniu cerca de 70 pessoas de diversas organizações, entre elas a Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), visitou, no

Mobilização popular das seringueiras e seringueiros no Brasil, entrevista com Dercy Teles

    Boletim do World Rainforest Movement, WRM, 231, (jun 2017) Dercy Teles de Carvalho foi a primeira presidenta de um Sindicato de Trabalhadores Rurais do Brasil na pequena cidade de Xapuri, Acre, em 1981. Xapuri ficou conhecido nacional e internacionalmente pelo sucessor da Dercy na direção do sindicato: o Chico Mendes. Conversamos com Dercy durante o recente encontro “Os efeitos das Políticas ambientais-climáticas para as populações tradicionais: manejo florestal, REDD, PSA” (1),

Indígenas da etnia munduruku ocupam canteiro de obras da Usina de São Manoel no rio Teles Pires (PA)

  ABr Índios da etnia munduruku ocupam, desde a madrugada de domingo (16), o canteiro de obras da Usina Hidrelétrica São Manoel, obra do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em construção no Rio Teles Pires, na divisa dos estados do Mato Grosso e do Pará, a cerca de 125 quilômetros de Paranaíta (MT). Segundo uma das coordenadoras da manifestação, Maria Leusa Kabaiwun Munduruku, o grupo reúne mais de 200 manifestantes que prometem

Índice da edição nº 2.795, 2017 [de 17/07/17]

    'Qualquer lugar é melhor que a Venezuela', artigo de José Eustáquio Diniz Alves Cachaça transgênica? artigo de Antonio Silvio Hendges Temer e a legalização do massacre no campo, artigo de Leandro Vieira Cavalcante Primeiro ônibus elétrico, alimentado por baterias, produzido no Brasil circulará pelas ruas de São Paulo Caravana Agroecológica do Semiárido Baiano aponta os (des)caminhos do São Francisco Após veto, governo envia ao Congresso novo projeto que reduz a

‘Qualquer lugar é melhor que a Venezuela’, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] Uma cidadã e migrante venezuelana que se refugiou em Boa Vista, Roraima, agora em 2017, chamada Yosleidis, disse a frase que dá título a esse artigo: “Qualquer lugar é melhor do que a Venezuela”. Yosleidis não deixa de ter razão, pois seus sentimentos são reforçados pelos dados do FMI. O gráfico acima mostra o que aconteceu com a renda per capita, em poder de paridade de compra (ppp), da Venezuela.

Top