Pesquisa da Unifesp revela impacto da exposição ao mercúrio na memória de longa duração

  Substância neurotóxica encontrada em agrotóxicos e em desastres ambientais revela necessidade de maior preocupação com políticas públicas ligadas ao meio ambiente Por Matheus Campos e Denis Dana Uma pesquisa realizada pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), em parceria com a Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e com a Universidade Nacional Autônoma de Honduras, revelou os impactos nocivos que a exposição ao mercúrio tem sobre a saúde humana. Tópico ainda pouco abordado

Desmatamento e erosão exacerbam contaminação por mercúrio perto da mineração de ouro no Peru

    Duke University* Cientistas da Universidade Duke desenvolveram um modelo que pode prever a quantidade de mercúrio liberada em um ecossistema local pelo desmatamento e mineração de ouro em pequena escala. A pesquisa, publicada on-line em 11 de dezembro na revista Environmental Science and Technology, pode apontar maneiras de mitigar os piores efeitos do envenenamento por mercúrio em regiões como as que já estão experimentando níveis elevados de mercúrio causados pela mineração de

Emergência Climática – Mudanças climáticas aumentam risco de contaminação por mercúrio pelo derretimento do permafrost

  À medida que as temperaturas globais continuam subindo, o degelo do permafrost nas áreas do Ártico está acelerando e o mercúrio que ficou preso no solo congelado agora está sendo liberado de várias formas nas vias fluviais, no solo e no ar. University of New Hampshire*   Degelo do permafrost De acordo com pesquisadores da Universidade de New Hampshire, esse processo pode resultar na grande transformação do mercúrio em formas mais móveis e potencialmente

Aumento da temperatura do mar e o excesso de pesca afetam os níveis de mercúrio nos peixes

  Adicionar outro item à lista cada vez maior dos impactos perigosos da mudança climática global: os oceanos aquecidos estão levando a um aumento do metilmercurio neurotóxico prejudicial em pescas populares, incluindo bacalhau, atum rabilho do Atlântico e espadarte, segundo pesquisa liderada pela Harvard. John A. Paulson Escola de Engenharia e Ciências Aplicadas (SEAS) e da Escola de Saúde Pública Harv Chan TH (HSPH). Por Leah Burrows * ** Os pesquisadores desenvolveram um

Elevados níveis de mercúrio liberado pelo descongelamento do permafrost no Ártico canadense

  Descongelamento do permafrost no oeste do Ártico canadense está liberando níveis sem precedentes de mercúrio nos cursos de água. Por Katie Willis* ** Descongelamentos no gelo do oeste do Ártico, no oeste do Canadá, está liberando quantidades recorde de mercúrio nos cursos de água, de acordo com uma nova pesquisa feita por ecologistas da Universidade de Alberta.     O mercúrio é um contaminante natural que é tóxico para os seres humanos e outros animais

Novo processo eletroquímico remove mercúrio tóxico de água contaminada

  Água contaminada por mercúrio e outros metais pesados tóxicos é uma grande causa de danos ambientais e de problemas de saúde em todo o mundo.   Agora, pesquisadores da Universidade Técnica Chalmers, na Suécia, apresentam uma maneira totalmente nova de limpar água contaminada, através de um processo eletroquímico. Os resultados estão publicados na revista científica Nature Communications. Por Mia Halleröd Palmgren e Joshua Worth*, Universidade Técnica Chalmers “Os resultados excederam as expectativas que tínhamos

O mercúrio nas veias da Amazônia, por Sucena Shkrada Resk

  Quem dera que falar sobre “mercúrio” fosse um assunto somente de interesse da pauta astronômica? Voltando à realidade do planeta Terra, se trata dos impactos da contaminação pelo metal, altamente letal, um tema ainda subnotificado, que mexe em uma ferida aberta, em especial, na região amazônica, que vem se agravando ao longo dos anos e confirmado por exames e pesquisas realizadas em peixes, ribeirinhos e em povos indígenas. São populações

Operação impede a distribuição de 1,7 tonelada de mercúrio para garimpos ilegais na Amazônia

  IBAMA O Ibama e a Receita Federal determinaram à maior importadora de mercúrio do país, com sede em Joinville (SC), a devolução de 1,7 tonelada da substância ao país de origem, a Turquia. A empresa, que inicialmente estava autorizada a importar e comercializar mercúrio, teve suas atividades suspensas após a constatação de que um carregamento da substância abasteceria garimpos ilegais de ouro na Amazônia. A carga, que chegou ao Porto de Itajaí

Ibama apreende 430 kg de mercúrio e suspende importadora em SC, que abasteceria garimpos ilegais na Amazônia

  Ibama Agentes do Ibama apreenderam 430 quilos de mercúrio e suspenderam as atividades de uma empresa do setor químico em Joinville (SC) responsável pela importação irregular do produto. Investigação realizada pelo Instituto em três estados aponta que o mercúrio abasteceria garimpos ilegais na Amazônia. Os responsáveis foram autuados em R$ 1,5 milhão pela venda ilegal e por prestar informações falsas. Maior importadora de mercúrio do país, a empresa comercializou 6,8 toneladas da

Convenção de Minamata: Brasil ainda não tem levantamento sobre fontes e emissões de mercúrio

    Até hoje (29), representantes dos países signatários participam da 1ª Conferência das Partes da Convenção de Minamata sobre Mercúrio (COP1), em Genebra, na Suíça. O tratado entrou em vigor em 16 de agosto e, apesar de ter participado da elaboração do texto da convenção, o Brasil ainda não tem um levantamento das fontes e emissões de mercúrio. A substância é extremamente tóxica e a Convenção de Minamata visa a reduzir as

Estudo aponta altos níveis de mercúrio no sangue de moradores de Santarém, PA

  Por Marcia Wonghon, da Radioagência Nacional Pesquisadores da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) identificaram, em estudo, altos níveis de mercúrio no sangue de moradores de Santarém, que têm hábito de consumir de peixes. A suspeita é que os peixes da região estejam contaminados pela substância, por conta de desmatamentos, queimadas e construção de usinas hidrelétricas. A bióloga Heloísa, de Moura Meneses, responsável pelo estudo com 144 pessoas, residentes na zona

Brasil ratifica Acordo de Minamata para controle de descarte de mercúrio

    Termelétricas, caldeiras, mineração e incineração, que usam o metal, terão de adotar medidas de descarte mais rigorosas O Acordo de Minamata foi ratificado nessa terça-feira (4), pelo Senado Federal. A medida torna mais rígidas as regras para descarte do mercúrio e deve passar a vigorar no próximo dia 16 de agosto. Termelétricas, caldeiras de usinas movidas a carvão mineral, produção de metais não ferrosos e de cimento clínquer e incineração de resíduos

Top
Betway Casino Roulette Image Banners
Betway Casino Roulette Image Banners