Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.811, de 09/04/2013

    Auditorias ambientais, artigo de Roberto Naime Jovens nas ruas, artigo de Montserrat Martins Alimento para bocas brasileiras, artigo de Bruno Peron CSN é multada em R$ 35 milhões por contaminação de solo em Volta Redonda, RJ Descontaminação pela CSN do lençol freático de terreno em Volta Redonda pode custar até R$ 60 milhões CETESB multa Petrobras em R$ 10 milhões por causa do vazamento de óleo no Litoral Norte de

Auditorias ambientais, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A auditoria ambiental é um item integrante dos Sistemas de Gestão Ambiental, regulamentada inicialmente pela série ISO 14.000 e atualmente normatizada pela NBR ISO 19011/2002 – Diretrizes para auditorias de sistema de gestão da qualidade e/ou ambiental. Constitui um processo de verificação sistemática e documentada, para de forma objetiva, obter e avaliar evidências que determinem se a política ambiental de uma organização tem conformidade com os critérios do Sistema de

Jovens nas ruas, artigo de Montserrat Martins

  Manifestantes contra o aumento das passagens de ônibus em Porto Alegre terminaram protesto em frente à sede da Prefeitura. Crédito: Mauro Schaefer / Blogue Porto Imagem   [Ecodebate] Abril começou inspirador, com milhares de jovens nas ruas de Porto Alegre para lutar contra o aumento das passagens de ônibus. Falam dos “caras pintadas” que foram às ruas pelo impeachment de Collor, mas na época a mídia mostrava aquelas imagens e elas viraram

Alimento para bocas brasileiras, artigo de Bruno Peron

    [EcoDebate] Pondo-se as suspeitas de lado de que a preocupação maior do governo brasileiro é com a redução da inflação e a estabilização da economia, a proposta de exoneração de impostos federais sobre a cesta básica não é de ontem. Para evitar dúvidas de mérito partidário, ponhamos também de lado a suspeita de que o Partido dos Trabalhadores não é o único que considerou mudanças na cesta básica. O que

CSN é multada em R$ 35 milhões por contaminação de solo em Volta Redonda, RJ

  Foto: Luiz Morier / SEA   A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) foi multada em R$ 35 milhões pela contaminação do terreno onde está situado o Condomínio Volta Grande IV, em Volta Redonda, na Região do Médio Paraíba, com substâncias altamente poluentes, incluindo metais pesados e ascarel. A decisão foi divulgada nesta segunda-feira (08/04) pelo secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, e pela presidente do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Marilene Ramos, em

Descontaminação pela CSN do lençol freático de terreno em Volta Redonda pode custar até R$ 60 milhões

  Foto: Luiz Morier / SEA   O secretário do Ambiente do Rio de Janeiro, Carlos Minc, disse ontem (8) que a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) deverá gastar entre R$ 50 milhões e R$ 60 milhões apenas com a descontaminação do lençol freático do terreno que a empresa doou para a construção de casas para funcionários. A área, localizada em Volta Redonda, estava contaminada por 18 tipos diferentes de produtos químicos com substâncias

CETESB multa Petrobras em R$ 10 milhões por causa do vazamento de óleo no Litoral Norte de São Paulo

  Vazamento ocorreu na última sexta-feira no terminal marítimo no canal de São Sebastião, durante abastecimento de navio     A CETESB – Companhia Ambiental do Estado de São Paulo multou ontem (08/04) a Petrobras S.A. em R$ 10 milhões, em consequência do vazamento de óleo no terminal marítimo da empresa em São Sebastião, ocorrido na última sexta-feira (05/04) e que atingiu 11 praias, dos municípios de São Sebastião e Caraguatatuba. A multa se

Aerossóis produzidos pela queima de combustíveis fósseis retardam crescimento dos recifes de coral

    A nova pesquisa [Caribbean coral growth influenced by anthropogenic aerosol emissions], publicada na revista Nature Geoscience , mostra pela primeira vez que há uma ligação clara entre a velocidade em que os corais crescem e a poluição causada pela atividade humana. A equipe internacional descobriu que, quando essas partículas finas - conhecidas como aerossóis - são liberadas para a atmosfera, tanto por erupções vulcânicas como pela queima de carvão, elas refletem a luz

Emissões de CO2 dos EUA, em 2012, atingem 5,3 bilhões de toneladas, o menor nível desde 1994

    As emissões de dióxido de carbono decorrentes do consumo de energia nos EUA caíram mais uma vez em 2012, atingindo em 5,3 bilhões de toneladas, o menor nível desde 1994. Bastante expressiva, essa trajetória de queda resulta de fatores como o crescimento baixo da economia, o aumento dos preços dos combustíveis e a troca do carvão por gás natural na produção de eletricidade, em função dos custos menores. É uma

Estudo diz que demanda externa por carne e soja eleva pressão sobre Amazônia

    O aumento da demanda externa por carne bovina e soja vai induzir o Brasil a desmatar mais a floresta amazônica, revertendo o sucesso recente na diminuição das perdas florestais, mostrou um estudo feito por especialistas do Centro de Pesquisas Internacionais sobre Clima e Meio Ambiente, divulgado nesta semana na revista Environmental Research Letters. A reportagem é da agência Reuters e reproduzida pelo sítio G1, 05-04-2013. Cerca de 30% do desmatamento no Brasil

Metabolismo intestinal faz carne vermelha elevar risco de doenças cardiovasculares

    Não bastasse a gordura e o colesterol, cientistas descobriram mais uma razão pela qual o consumo de carne vermelha aumenta o risco para doenças cardiovasculares. Segundo uma pesquisa publicada [Intestinal microbiota metabolism of l-carnitine, a nutrient in red meat, promotes atherosclerosis] na revista Nature Medicine, o metabolismo da substância L-carnitina por bactérias no intestino produz uma substância que favorece o acúmulo de gordura nas paredes arteriais, podendo desencadear um processo

Acordo entre empresas químicas e trabalhadores contaminados em Paulínia é finalizado no TST

    O processo de conciliação entre as empresas Basf S/A e Raízen Combustíveis (antiga Shell) e os trabalhadores contaminados por substâncias químicas, em Paulínia (SP), foi finalizado ontem (8), na audiência de oficialização do acordo entre as partes, no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília. Segundo o documento, as empresas deverão pagar R$ 200 milhões por danos morais coletivos, indenizações individuais proporcionais ao tempo de serviço dos trabalhadores e plano de

Top