Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.737, de 12/12/2012

    O Aquecimento Global e a inoperância da COP-18, em Doha, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Construção de um Índice de Espaços Verdes Urbanos, artigo de Ivan André Alvarez SC: CSN é multada por atraso nas obras de recuperação ambiental das áreas degradadas pela mineração de carvão Impactos socioambientais de hidrelétricas na Amazônia são ignorados, aponta estudo Eletrorreciclagem: Campanha quer arrecadar aparelhos eletrônicos em estações do metrô do Rio Engenheiro

O Aquecimento Global e a inoperância da COP-18, em Doha, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  [EcoDebate] Enquanto as pessoas discutem e reproduzem o atual modelo de produção e consumo antropocêntrico, o se mundo aquece. Na medida em que os países não chegam a um acordo para reduzir os gases de efeito estufa, os cenários futuros ficam cada vez mais sombrios e preocupantes. Já estamos na 18º Conferência das Partes (COP) e ao invés de avançarmos estamos girando em torno da ineficiência. Em 1992, a Conferência das

Construção de um Índice de Espaços Verdes Urbanos, artigo de Ivan André Alvarez

    [EcoDebate] A arborização urbana tem como meta resgatar a vegetação natural no meio urbano, além de propiciar benefícios que melhoram a qualidade de vida. Os ecossistemas urbanos são muito alterados comparados ao meio natural. Uma forma de reabilitar uma área alterada é diagnosticá-la e propor ações planejadas. Existem vários tipos de planejamento, mas o mais adequado para o meio urbano parece ser aquele fundamentado na interação e integração dos sistemas

SC: CSN é multada por atraso nas obras de recuperação ambiental das áreas degradadas pela mineração de carvão

    Multa foi estipulada em mais de R$ 880 mil por descumprimento de acordo judicial O Ministério Público Federal em Criciúma (SC) conseguiu obter na Justiça a aplicação de multa à Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), por atraso nas obras de recuperação ambiental das áreas degradadas pela mineração de carvão, estabelecidas no termo de acordo judicial (TAJ), assinado em 2010. Foram identificadas oito áreas sob responsabilidade da CSN que desobedeceram o cronograma de recuperação.

Impactos socioambientais de hidrelétricas na Amazônia são ignorados, aponta estudo

  Allan Walbert - Portal EBC Hidrelétrica de Tucuruí, obra iniciada em 1975 no rio Tocantins, foi finalizada depois de 30 anos e custou cerca de 15 bilhões de dólares. Valor foi dez vezes mais do que o previsto inicialmente (Paulo Santos/2002/Amazônia Sob Pressão) A crescente demanda por energia dos países amazônicos e a falta de planejamento nas políticas públicas têm ignorado os impactos socioambientais derivados da instalação de hidrelétricas na Amazônia. A

Eletrorreciclagem: Campanha quer arrecadar aparelhos eletrônicos em estações do metrô do Rio

    Rio de Janeiro – Incentivar as pessoas a doar aparelhos que não servem mais é a intenção da campanha Natal da Eletrorreciclagem que ocorre desde ontem (11) até dia 21 de dezembro. As estações do metrô da Pavuna, Central, Carioca e Ipanema/General Osório, na capital fluminense, receberão das 8h às 18h, eletrodomésticos que serão reciclados e reaproveitados. A campanha – da Secretaria Estadual do Ambiente do Rio de Janeiro em parceria

Engenheiro defende incentivo à eficiência energética e tarifas menores para pequenos negócios

      Uma das primeiras instituições a se dedicar ao tema eficiência energética no Brasil, o Sebrae Rio de Janeiro desenvolve e aplica, há 33 anos, uma metodologia para reduzir e otimizar o consumo de energia elétrica nas micro e pequenas empresas. Entre os responsáveis por esta tarefa está o engenheiro Ricardo Wargas, desde 1983 na instituição e há 11 anos responde pela gerência da Unidade de Inovação e Acesso à Tecnologia. Segundo

Indústria defende redução de impostos para reciclagem de embalagens de agrotóxico

  Embalagens de agrotóxicos descartadas irregularmente. Foto: Ibama   Quase 40% do custo de produção de uma embalagem de agrotóxico e demais defensivos agrícolas são impostos e taxas. A proporção de gastos repete-se cada vez que a empresa recolhe o material vazio do campo, depois do uso do produto, e o reutiliza na confecção de outra embalagem a partir da reciclagem. A incidência repetida de impostos sobre as mesmas matérias-primas domina as reclamações do

Desenvolvimento na Amazônia: várias incógnitas. Entrevista com Adriana Ramos, ISA

  “Tudo que se conhece sobre a Amazônia, em relação aos ciclos econômicos, não encontra parâmetros naquilo que está sendo planejado”, diz a coordenadora executiva do Instituto Socioambiental – ISA. Confira a entrevista. Os projetos de infraestrutura e desenvolvimento previstos para a Amazônia nos próximos anos requerem uma discussão acerca do desenvolvimento das cidades e da economia regional, pontua Adriana Ramos em entrevista concedida à IHU On-Line por telefone. Segundo ela, os investimentos

Para especialista da FAO, mudanças climáticas ameaçam regiões montanhosas e afetam abastecimento de água

  Foto: Unep   No Dia Internacional das Montanhas, ONU alerta sobre aquecimento global - Para especialista da FAO, mudanças climáticas ameaçam regiões montanhosas e afetam abastecimento de água; metade da população mundial consome água que vem das montanhas. Neste 11 de dezembro, as Nações Unidas comemoram o Dia Internacional das Montanhas. Cerca de 12% da população mundial vivem em áreas montanhosas. As montanhas são consideradas as principais fontes de abastecimento de água do planeta.

Membros do Ministério Público lançam campanha contra PEC que limita poderes investigativos do órgão

      Associações representativas de membros do Ministério Público (MP) lançaram ontem (11) campanha para chamar a atenção da sociedade para os efeitos da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 37/2011, que retira os poderes investigativos do órgão na esfera criminal, limitando-os às polícias Civil e Federal. Intitulada Brasil contra a Impunidade, a campanha pretende mobilizar a população inicialmente por meio da internet, com divulgações em redes sociais. A partir do ano

Tagged

MPF ajuíza 15 ações civis públicas e 30 recomendações no Dia D da Saúde Indígena

    Ação foi conjunta e coordenada pela Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais (6ª CCR) em todo o Brasil O Dia D da Saúde Indígena, promovido pelo Ministério Público Federal (MPF) nessa segunda-feira, 10 de dezembro, teve como resultado o ajuizamento de cerca de 30 recomendações e 15 ações civis públicas em 14 estados brasileiros. A ação conjunta do MPF teve como objetivo chamar a atenção para a precariedade no atendimento

Top