Índice da edição de 22/07/2010

Saiba mais: Segurança alimentar e ambiental de OGMs, artigo de Roberto Naime Ficha Limpa: A dignidade não pode acabar, artigo de Américo Canhoto Mata Atlântica, artigo de Aroldo Cangussu Em debate: As 'palmadinhas', artigo de Anchieta Mendes Queimadas de cana-de-açúcar: avaliação de efeitos na qualidade do ar e na saúde respiratória de crianças, artigo de Helena Ribeiro e Célia Pesquero Aquífero Alter do Chão tem água suficiente para abastecer população mundial Que tipo de água está

Saiba mais: Segurança alimentar e ambiental de OGMs, artigo de Roberto Naime

[EcoDebate] A análise da segurança alimentar e ambiental nos transgênicos é muito importante. A soja é um alimento altamente protéico. Análises no teor de óleos, cinzas e carbohidratos parecem ser mais influenciadas por fatores ambientais do que por qualquer outro motivo. Quando a pessoa já era alérgica ao alimento convencional continuou alérgica ao alimento transgênico. Não são registrados casos de alergias específicas aos transgênicos. Isto vale tanto para a soja quanto

Ficha Limpa: A dignidade não pode acabar, artigo de Américo Canhoto

[EcoDebate] Como votar com consciência; se desde criancinha ouvimos o popular bordão referendado pela justiça de todas as instâncias; principalmente das ditas superiores; as TS da vida. Votar no menos pior – naquele que rouba menos? Rouba; mas faz... É fácil dizer que os políticos são aproveitadores ou ladrões... No Brasil, geração após geração, a repetição de fatos públicos ligados a decisões políticas criou uma perigosa deturpação: a confusão entre a arte da

Mata Atlântica, artigo de Aroldo Cangussu

[EcoDebate] Tendo em vista a polêmica, aqui no Norte de Minas, causada pela inclusão da Mata Seca, predominante na região, no bioma da Mata Atlântica, através do Decreto Federal nº 6.660, de 21 de novembro de 2008, resolvi explicar, nesse espaço, um pouco mais do assunto. O que regula a conservação, a proteção, a regeneração e a utilização da Mata Atlântica é a Lei Federal nº 11.428, de 22 de

Em debate: As ‘palmadinhas’, artigo de Anchieta Mendes

[EcoDebate] Está tudo mudado, só que para pior. Se o leitor (ou leitora) me afirmar e comprovar que o mundo, a vida do cidadão, a inter-convivência das pessoas e dos grupos, a segurança, o ensino, a religião, a alimentação, a economia, o transporte, o lazer, enfim, se alguém me provar que tudo melhorou na vida do homem atual dar-me-ei por vencido. Vamos lá. A convivência familiar, a vizinhança, a solidariedade entre

Queimadas de cana-de-açúcar: avaliação de efeitos na qualidade do ar e na saúde respiratória de crianças, artigo de Helena Ribeiro e Célia Pesquero

TEXTOS Queimadas de cana-de-açúcar: avaliação de efeitos na qualidade do ar e na saúde respiratória de crianças Helena Ribeiro; Célia Pesquero RESUMO Pesquisa em Espírito Santo do Turvo (SP) analisou poluição atmosférica causada por queima de cana-de-açúcar e saúde respiratória de crianças. Realizaram-se medições de PM10, PTS e NO2, durante safra, em 2004

Aquífero Alter do Chão tem água suficiente para abastecer população mundial

Uma enorme dimensão física formada por fauna, flora, rios e diversos ecossistemas, componentes fundamentais de manutenção do equilíbrio dinâmico da Terra e de relevância estratégica para toda a humanidade: não é de hoje que a região amazônica atrai olhares do mundo inteiro. A biodiversidade da maior floresta tropical do planeta é tida como uma fonte inestimável de possibilidades econômicas à espera de estudos e descobertas. E é nesse cenário que

Que tipo de água está na sua mesa?

Segundo os especialistas, cerca de 70% do corpo humano é formado por água. Ela é essencial para o transporte de alimentos, de oxigênio e de sais minerais, além de estar presente em todas as secreções (como o suor e a lágrima), no plasma sanguíneo, nas articulações, nos sistemas respiratório, digestivo e nervoso, na urina e na pele. Por isso é recomendado que um ser humano adulto tome, em média, dois

PF desmantela quadrilha de abate clandestino de animais de grande porte, principalmente onças

A Polícia Federal deflagrou a Operação Jaguar, com o objetivo de desmantelar organização delituosa com atuação em três Estados da Federação (Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Paraná), cuja principal atividade consiste no abate clandestino de animais de grande porte, notadamente onças pintadas, pardas e pretas, no Pantanal e em outras regiões do País. As investigações, desenvolvidas em conjunto com o IBAMA, tiveram início no ano passado pela PF em

Controlado incêndio que devastou 10% do Parque Nacional do Araguaia em menos de um mês

O incêndio que devastou 10% do Parque Nacional do Araguaia, no Tocantins, foi controlado no início desta semana. Em menos de um mês, foram queimados no parque 56 mil hectares de floresta, área equivalente a 56 mil campos de futebol. Localizado na região central do estado, o parque tem área de 562 mil hectares. O coordenador do Parque Nacional do Araguaia, Fernando Augusto Tiseanel, informou que uma perícia está sendo feita

Economia subterrânea ou informal movimentou 18,4% do Produto Interno Bruto (PIB)

As atividades econômicas subterrâneas somaram R$ 578 bilhões em 2009, ou 18,4% do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todas as riquezas do país. O desempenho dos segmentos informais e ilegais foi medido por um estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV), em parceria com o Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (Etco). Estão incluídos nesse total desde o trabalho dos vendedores ambulantes até ocupações

Edifícios reformados podem oferecer unidades habitacionais à população e reabilitar áreas abandonadas

Reformar prédios abandonados de SP é opção útil e lucrativa A reforma de edifícios abandonados no centro de São Paulo pode transformá-los em empreendimentos lucrativos e reabilitar as áreas subutilizadas da região central da cidade. Uma política de reforma também possibilita a re-estruturação produtiva da indústria de construção civil. Segundo estudos da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) da USP optar pela reforma, e não pela construção de novos prédios, seria

Pelo banimento do amianto em todo Brasil. Entrevista especial com Edson Duarte

O amianto é uma fibra natural muito utilizada em telhas e caixas d’água. No entanto, o contato, tanto por parte do produtor quanto do consumidor, com esse recurso pode trazer inúmeras e sérias doenças, principalmente respiratórias. O problema é tão grande que o amianto é totalmente proibido na Europa, além de Argentina e Chile. O Brasil é um dos principais produtores de materiais com amianto, mas está começando a discutir

Amianto pode matar mais de 1 milhão no mundo até 2030

Canadá exporta amianto das suas minas, mas proíbe uso do produto Especialistas em saúde pública alertam para um grande aumento no número de mortes nas próximas duas décadas devido ao uso do amianto pela indústria da construção civil, sobretudo nos países em desenvolvimento. Uma investigação conjunta da BBC e do Consórcio de Jornalistas Investigativos revelou que mais de 1 milhão de pessoas podem morrer até 2030 devido a doenças ligadas à substância.

Saiba mais sobre os riscos do amianto à saúde

O amianto branco é usado em vários países, apesar do risco O amianto é um mineral que ocorre na natureza. Uma variedade da substância, o amianto branco*, é usado na indústria da construção civil nos países em desenvolvimento, mas é proibido na maioria dos países industrializados, devido aos riscos para a saúde. Outras formas de amianto – o azul e o marrom – são proibidos em todo o mundo. [Leia na íntegra]

Sequenciadores de DNA no campo: Os transgênicos? Coisa velha

Com os sequenciadores de DNA no campo, pode-se acelerar e melhorar a produção. E torná-la mais rentável. A difusão dessas tecnologias na zona rural é a proposta feita por uma força-tarefa de 32 associações italianas. Assim, a biotecnologia supera os transgênicos. A programação se dá em laboratório, em vez de esperar 15 anos para ver se um cruzamento deu certo. A reportagem é de Antonio Cianciullo, publicada no jornal La Repubblica,

‘O transgênico é obsoleto. A modernidade reside em outro lugar’, atesta Carlo Petrini

"É importante destruir o mito segundo o qual os transgênicos são a vanguarda da pesquisa. A metodologia do transgênico é uma metodologia velha e rude, que deu resultados insatisfatórios e trouxe lucro só para os bolsos das multinacionais. Há uma outra pesquisa, que é a do serviço dos agricultores e dos consumidores que acreditam que este planeta é uma coisa mais importante e complexa do que um título da bolsa." A

Top