Índice da edição de 29/03/2010

Os poleiros e os eucaliptos da Suzano no Maranhão e no Piauí, artigo de Mayron Régis Verdades sobre os custos de Belo Monte revisados pela Empresa de Pesquisa Energética(EPE), artigo de Telma Monteiro Ação Popular exige atenção e cumprimento dos protocolos sobre o AVC: ‘Derrame’ ataca Justiça, artigo de Daniel Chutorianscy O capitalismo contra a Mãe Terra, artigo de Vinicius Mansur Movimentos sociais denunciam prisões arbitrárias de lideranças populares no Oeste da Bahia Anvisa encontra

Os poleiros e os eucaliptos da Suzano no Maranhão e no Piauí, artigo de Mayron Régis

[EcoDebate] Segundo informes da assessoria da Suzano Papel e Celulose, em março de 2010, a empresa, até o final de 2009, comprara 133 mil hectares nos estados do Maranhão e do Piaui. Informações prestadas à mídia, perto do fim do ano, adjudicavam que o projeto do Piaui já havia resolvido 60% das áreas necessárias para o empreendimento que engloba a região próxima à Teresina e a região próxima ao município

Verdades sobre os custos de Belo Monte revisados pela Empresa de Pesquisa Energética(EPE), artigo de Telma Monteiro

A “mexidinha” de R$ 3 bilhões a mais nos cálculos dos custos de Belo Monte não é só resultado das condicionantes exigidas na LP, como quiseram fazer crer. Os quase 74% desse valor foram adicionados à conta da construção do canteiro de obras e embutidos sub-repticiamente na esteira da licença ambiental. A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) se justificou dizendo que os cálculos foram “subestimados” pelas três maiores empreiteiras do

Ação Popular exige atenção e cumprimento dos protocolos sobre o AVC: ‘Derrame’ ataca Justiça, artigo de Daniel Chutorianscy

O DERRAME continua dizimando estupidamente uma população inteira. Continua “derramando” imprevidência, irresponsabilidade, incompetência neste país. O“derrame”,como é popularmente chamado, é o Acidente Vascular Cerebral” que, no Brasil, possui uma conotação ambígua: “derrame” é mais um imposto extraordinário. E que imposto extraordinário e cruel a população brasileira paga? Paga com suas vidas ou sequelas pela total e absoluta cegueira e descaso de governantes atuais ou antigos que optam pela política

O capitalismo contra a Mãe Terra, artigo de Vinicius Mansur

Indígenas frente à crise do modelo capitalista, organizações de povos originários apresentam a proposta do “Viver Bem” ao Fórum Permanente sobre Questões Indígenas da ONU “Durante 500 anos, tentaram nos fazer desaparecer. Não só fi sicamente, pois tentaram matar nossa língua, música, comida, cultura. Trabalhamos na clandestinidade, preservando ossos saberes, porque sabíamos que um dia iríamos voltar ao caminho do equilíbrio, o Pachakuti (...) Nos dividiram com bandeiras, hinos. Mas nós

Movimentos sociais denunciam prisões arbitrárias de lideranças populares no Oeste da Bahia

A luta contra a grilagem de terras no Oeste do Bahia sofreu mais um golpe ontem, 25/03, em Santa Maria da Vitória, com a prisão de  João Cerrano Sodré, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais da região, e Marilene de Jesus Cardoso Matos, agente da Comissão Pastoral da Terra. A prisão é uma clara represália à atuação de ambos e das entidades que representam na luta pela sobrevivência das comunidades

Anvisa encontra irregularidades graves em todas as empresas de agrotóxicos fiscalizadas desde 2009

Em junho de 2009 a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) começou a fiscalizar as empresas de agrotóxicos que atuam no mercado brasileiro, o maior consumidor mundial desses produtos. O resultado das operações feitas de surpresa com o apoio da Polícia Federal traz preocupação. Nas seis companhias vistoriadas, os agentes encontraram irregularidades. Segundo o diretor da Anvisa, José Agenor Álvares, foram constatados problemas desde as formulações dos agrotóxicos, que estavam fora

Estudo traça perfil do mercado de agrotóxicos no Brasil

Em 2009, 65% dos agrotóxicos registrados no Brasil não chegaram a ser comercializados. Dos mais de 2 mil produtos disponíveis, apenas 783 chegaram às mãos dos agricultores. Os dados fazem parte do estudo “Monitoramento do Mercado de Agrotóxicos” , organizado pelo professor da Universidade Federal do Paraná Victor Pelaez. Outro dado apresentado pelo estudo é de que as dez maiores empresas do setor de agrotóxicos concentram mais de 80% das vendas

Poluentes emitidos pelos veículos aumentam pressão arterial de controladores de tráfego

Monitoramento revela associação entre nível de poluentes e aumento da pressão Uma pesquisa da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) que monitorou controladores de tráfego (conhecidos como “marronzinhos”), revela que houve aumento da pressão arterial associada à exposição aos poluentes emitidos pelos veículos. Os dados para o estudo foram obtidos na cidade de Santo André, na região do ABC em São Paulo. O estudo, de autoria do arquiteto Paulo Chiarelli,

Setor de transporte é o que causa mais impactos na qualidade do ar

Os dados são do 1º Inventário Nacional de Emissões Atmosféricas por Veículos Automotores Rodoviários. Apesar do aumento vertiginoso da frota de veículos no Brasil (estimada em cerca de 36 milhões de veículos, incluindo automóveis, veículos comerciais leves, ônibus, caminhões e motocicletas), o nível de emissões de gases poluentes tem caído no País. Os dados são do 1º Inventário Nacional de Emissões Atmosféricas por Veículos Automotores Rodoviários, lançado, no dia 25/3, na

Comunidade da zona portuária rejeita proposta de revitalização da prefeitura do Rio

O projeto de revitalização da zona portuária da capital fluminense não beneficia os moradores da região. Essa foi a conclusão do debate sobre a proposta de reforma elaborada pela prefeitura, discutida no dia 26/03, último dia do Fórum Social Urbano, organizado por movimentos sociais, em um espaço comunitário, na zona portuária. Morador do Morro da Conceição, o arquiteto Antônio Agenor Barbosa, que também é líder comunitário, questiona o interesse de grandes

Energia solar movimenta barcos na Amazônia

Voadeira tradicional (Foto divulgação) Atualmente, uma das melhores soluções para a exploração racional de bens e recursos naturais é o manejo sustentável, técnica que impede a degradação do meio ambiente a partir da exploração de recursos renováveis. Sabendo disso, a empresa K2C Serviço de Consultoria desenvolveu o projeto “Voadeira solar:  alternativa energética para a movimentação de pequenas embarcações na Amazônia”. O projeto é realizado através do

Top