Água: mentiras e verdades, artigo de João Ricardo Raiser

    [EcoDebate] Segundo Joseph Goebbels, Ministro da Propaganda na Alemanha Nazista: "Uma mentira repetida mil vezes torna-se uma verdade." Domingo, dia 1 de outubro, enquanto preparava o café da manhã, ouvia as chamadas de um programa de TV voltado para assuntos do campo. Entre as reportagens uma iria tratar da situação do principal afluente do rio São Francisco, o rio Paracatu (MG), que se encontra praticamente seco. Nos últimos tempos, muitas matérias tem

Desmatamento e poluição das águas coloca em risco as populações ribeirinhas e a sobrevivência do rio São Francisco

  Após 13 dias de fiscalização em dez cidades do Baixo São Francisco, região onde o rio deságua no mar, os 250 técnicos da Fiscalização Preventiva Integrada do São Francisco (FPI/SE) puderam constatar que a situação do rio, que já era muito grave, chegou a um estado crítico. O manguezal e a mata atlântica que protegem as margens estão sendo devastados, o leito do rio chega a ser usado como viveiro

Transposição do Tocantins para o São Francisco, por Roberto Malvezzi (Gogó)

    - Entrevista ao site pretonobranco.org - O que está por detrás da transposição do Tocantins para o São Francisco? Em primeiro, é preciso dizer que essa proposta é mais insana, mais louca que a transposição do São Francisco para outros estados da forma como ela foi feita. Na verdade, os movimentos socioambientais sempre disseram que o São Francisco tinha pouca água para suportar uma transposição. Era um anêmico que não podia doar sangue.

Funcionamento do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco demonstra erros e fragilidade do projeto

  Funcionamento do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco demonstra erros e fragilidade do projeto. Entrevista especial com João Abner Guimarães Júnior IHU A denúncia do Ministério da Integração Nacional de que os agricultores da Paraíba estão usando indevidamente água do Rio São Francisco para irrigarem suas plantações tem como objetivo “esconder a fragilidade do projeto da transposição do São Francisco e evitar que esse debate mostre a fragilidade da obra do

Governo denuncia desvio de água do São Francisco para plantações na Paraíba; nota e comentário de João Abner

    Equipes do Ministério da Integração constataram que agricultores estão desviando as águas do Velho Chico para plantações Equipes técnicas do Ministério da Integração Nacional constataram que agricultores estão desviando as águas do rio São Francisco para plantações ao longo do rio Paraíba, apesar de a região enfrentar a maior estiagem dos últimos 100 anos. Na última semana, a pasta solicitou apoio do Ministério Público do Estado da Paraíba. O pedido é que

Água desviada do São Francisco é mais da metade da usada por 20 cidades da Paraíba

    ABr Em uma fiscalização conjunta, o Ministério Público do Estado da Paraíba (MPPB) e o Ministério da Integração Nacional encontraram diversos pontos de captação irregular de água no Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco, todos voltados para irrigação de plantações. O desvio representa mais da metade do volume de água usado para abastecer Campina Grande e outras 19 cidades paraibanas, de acordo com o Ministério Público. Membro do

Caravana Agroecológica do Semiárido Baiano aponta os (des)caminhos do São Francisco

  Caravana Agroecológica visitou comunidades da bacia do São Francisco no norte da Bahia para visibilizar os conflitos e a degradação ambiental gerados pelos projetos de desenvolvimento apoiados pelo Estado brasileiro Reportagem de André Antunes - EPSJV/Fiocruz   Sabiá, São Tomé, Goiabeira, Brejão da Caatinga, Pacuí. São muitas comunidades diferentes, com problemas comuns: conflitos fundiários e por água envolvendo agricultores familiares e o agronegócio, uso indiscriminado de agrotóxicos, falta de saneamento básico e ausência

Rupturas nos canais da Transposição, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó)

  Imagem: Instituto Humanitas Unisinos - IHU   [EcoDebate] Mais uma vez o canal do Eixo Leste da Transposição do São Francisco se rompeu nesse fim de semana. As imagens e vídeos da ruptura estão pela internet. Diante desses fatos até mesmo o jornalismo paraibano começa questionar a qualidade técnica da obra realizada. Afinal, com os canais expostos há tantos anos ao sol do sertão, sendo remendados várias vezes, sempre restava uma interrogação sobre

A transposição do Rio São Francisco é um ‘ralo de dinheiro público’. Entrevista com Ruben Siqueira

IHU As delações dos executivos da Odebrecht para a Operação Lava Jato “vieram comprovar as suspeitas de que um dos objetivos da transposição era a transferência de grandes montantes de recursos públicos para empresas em ‘caixa um’ e ‘caixa dois’ e para políticos em campanhas eleitorais”, diz Ruben Siqueira, coordenador da Comissão Pastoral da Terra – CPT, na entrevista a seguir, concedida por e-mail à IHU On-Line. Segundo ele, para dar conta dos 14

A transposição do Rio São Francisco: águas e falácias do desenvolvimento, palestra de Ruben Siqueira

    Confira a palestra de Ruben Siqueira, da coordenação nacional da CPT, proferida no seminário “Rio São Francisco: margens em tensão – transposição, (in)justiças e territorialidades”, realizado em Recife (PE), no Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães , pela Fiocruz, no dia 28 de março último. Ruben Siqueira[1] “Quem na beira do Rio São Francisco viver, rico não há de ser, de fome e sede não há de morrer e mais de uma camisa

Para a transposição das águas do São Francisco funcionar é preciso algo óbvio: o rio ter água

    IHU São Francisco: O rio transportado à beira da morte Para a transposição das águas do São Francisco funcionar é preciso algo óbvio: o rio ter água. Por mais elementar que seja essa questão, a maioria das reportagens publicadas na imprensa empresarial ignora a situação de clemência do rio nas reportagens sobre o desvio das águas. Festeja-se a inauguração do primeiro eixo da obra, que transporta água para a Paraíba, mas a saúde

Transposição, pensei que era uma joia rara e é simplesmente uma bijuteria! artigo de Almacks Luiz Silva

  [EcoDebate] Desde o início das obras de transposição do rio São Francisco, dividida em dois Eixos, Norte (foto 1) e Leste (foto 2), os movimentos sociais e o Comitê do São Francisco sempre foram favoráveis só ao Eixo Leste, mesmo assim, com algumas alterações básicas. O governo Lula em 2007 não aceitou o diálogo e se dizendo um socialista usou o Exército Brasileiro para intimidar e iniciar as obras que

Top