Índice da edição de 24/03/2009

Ibama embarga 50 mil hectares de lavouras sem licenciamento ambiental no Mato Grosso Por que não funcionam os projetos de desenvolvimento na Amazônia? Mudança climática afeta o ciclo da malária na Amazônia Catadores de material reciclável reclamam que trabalham mais e recebem menos Pesquisadora da UnB alerta que lixo cria ‘pessoas residuais’ Lixo é principal problema de poluição na Baía de Guanabara Estudo avalia problemas no manuseio de agrotóxicos e no conhecimento dos trabalhadores do campo Pesquisa

Ibama embarga 50 mil hectares de lavouras sem licenciamento ambiental no Mato Grosso

O Ibama no Mato Grosso embargou cerca de 50 mil hectares de lavouras de grãos sem licenciamento ambiental no município de Brasnorte, na semana passada. O Grupo Fronteira, responsável pelas lavouras, foi multado em R$ 990 mil. Segundo a fiscalização no Mato Grosso, o mesmo grupo acumula mais de R$ 11 milhões em multas por ilícitos ambientais. As propriedades vinham sendo notificadas para apresentarem as licenças ambientais. As áreas ficam próximas

Por que não funcionam os projetos de desenvolvimento na Amazônia?

Este foi o tema de mesa-redonda que contou com pesquisadores do Brasil, Colômbia e Peru, na Reunião Regional da SBPC, em Tabatinga (AM). Do lado da Colômbia, a explicação está em questões físicas. O governo central, localizado na parte andina do País, sempre viveu de costas para a região amazônica, embora esta represente 47% do território nacional. Do lado Brasil, a questão é geodésica. Quando o artigo 149 da Constituição de 1946

Mudança climática afeta o ciclo da malária na Amazônia

Assunto foi discutido na Reunião Regional da SBPC em Tabatinga (AM) A relação entre o período da cheia nos rios da Amazônia com o aumento da densidade do mosquito transmissor da malária, já comprovada pela ciência, fez com que o governo intensificasse as ações de combate ao vetor da doença – o mosquito Anopheles – entre os meses de dezembro e junho. É neste período que os rios sobem e criam áreas

Catadores de material reciclável reclamam que trabalham mais e recebem menos

Catadores de materiais recicláveis reclamam no país inteiro da queda dos ganhos, do aumento de serviço e da prorrogação da jornada de trabalho Foto: Marcello Casal Jr./ABr A crise econômica mundial, que afetou a maioria dos setores produtivos, atingiu também a reciclagem de resíduos sólidos no país. O preço do plástico das garrafas PET, das latinhas de cerveja e refrigerante encontradas no chão ou do papelão que servirá para novas

Pesquisadora da UnB alerta que lixo cria ‘pessoas residuais’

Catadores de materiais recicláveis reclamam no país inteiro da queda dos ganhos, do aumento de serviço e da prorrogação da jornada de trabalho Foto: Marcello Casal Jr./ABr Os catadores de resíduos sólidos precisam ter recicladas suas condições de trabalho. Essa é uma provável conclusão de qualquer pessoa que visite um aterro sanitário ou observe em sua rua catadores que buscam materiais recicláveis em latas de lixo. “Essas pessoas [catadores] estão

Lixo é principal problema de poluição na Baía de Guanabara

O despejo de lixo nos rios fluminenses pela população representa hoje um dos maiores problemas de poluição da Baía de Guanabara. A avaliação é do professor do Departamento de Oceanografia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) David Zee, especialista em ecossistemas urbano-costeiros. Segundo Zee, o problema resulta de dois fatores principais: a falta de conscientização da população e a escassez de instrumentos que permitam aos moradores de comunidades

Estudo avalia problemas no manuseio de agrotóxicos e no conhecimento dos trabalhadores do campo

Estudo avalia problemas no manuseio de agrotóxicos e no conhecimento dos trabalhadores do campo quanto à proteção necessária para evitar contaminação (foto: Embrapa) Percepção dos agrotóxicos – Uma pesquisa feita com plantadores de tomate indicou que 72,9% dos entrevistados têm consciência do risco a que estão expostos quando manipulam agrotóxicos, mas essa percepção não é suficiente para, segundo o estudo, “desencadear o processo de mudança de atitude”. 11499

Pesquisa sugere que comerciais de cerveja estimulam consumo de álcool por menores de idade

Segundo os autores do artigo, o argumento de que os anúncios não se direcionam ao público adolescente , porque visam exclusivamente à fidelidade da marca, não se sustenta O estudo encontrou uma associação positiva entre exposição e apreciação de propagandas de bebidas alcoólicas por adolescentes menores de idade, além de altas taxas de consumo de álcool. Para os autores, consumo de bebidas ainda é tratado com poucas regulamentações Um estudo feito por

Mamadeiras com bisfenol-A (BPA) banidas no Canadá e EUA

Mamadeiras "BPA FREE", foto do Portal Babble.com [Por Maristela Simonin, do MAMAblog] Os plásticos estão entre os produtos mais populares que conhecemos. Dia desses fiquei imaginando se ainda seria possível um mundo sem plásticos. Concluí que não, pois eles nos cercam, estão em toda parte. Tirante o fato de que é possível trocar alguns hábitos por outros mais ecológicos, só há uma coisa positiva que podemos fazer em relação a

Promotores conhecem Projeto de Perenização da Baixada Maranhense

Os promotores de Justiça que atuam nas comarcas da Baixada Maranhense participaram na manhã desta sexta-feira, 20, de uma reunião promovida pelo Centro de Apoio Operacional de Meio Ambiente, Urbanismo e Patrimônio Cultural do Ministério Público do Estado do Maranhão (CAO-UMA). O evento contou com a participação da procuradora-geral de Justiça, Maria de Fátima Rodrigues Travassos Cordeiro e da secretária de estado de Meio Ambiente, Telma Tomé. Na ocasião, foi

Uma linha de alta tensão sobre sua cabeça, artigo Jean Remy Davée Guimarães

Colunista discute riscos para a saúde humana associados à exposição a campos eletromagnéticos Hoje aprendemos a temer as radiações ionizantes emitidas por radionuclídeos naturais e artificiais, aparelhos de raios-X e outras fontes. Essas radiações estão entre as mais energéticas do espectro eletromagnético e são assim chamadas por possuírem energia suficiente para provocar ionização, o que afeta a ligação entre átomos e resulta em uma série de efeitos físicos, químicos e biológicos,

‘Desperdiçamos água demais’, afirma diretor do Pnuma

Achim Steiner é também subsecretário-geral da ONU A falta de água se agrava e gera um alto potencial de conflito em diversas regiões, na opinião de Achim Steiner. Em entrevista, ele sugere como as nações industrializadas podem colaborar para reduzir a ameaça. O teuto-brasileiro Achim Steiner é diretor-geral do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), com sede no Quênia, além de subsecretário-geral da ONU. À margem do 5º Fórum

Ambientalistas criticam a declaração final do Fórum Mundial da Água

Água potável, um bem a que muitos não têm acesso Ativistas do meio ambiente criticam as conclusões da conferência realizada em Istambul e apelam a governos por maior empenho em assegurar abastecimento de água potável. Os ambientalistas criticam que a declaração final do Fórum Mundial da Água, encerrado neste domingo (22/02) em Istambul, possui caráter facultativo e não poderá prevenir uma iminente crise de abastecimento de água. Embora as delegações participantes do

Escassez de água é resultado de falta de gerenciamento e degradação do solo

A escassez de água é um problema de falta de gerenciamento do recurso em todas as instâncias, na opinião do diretor do Instituto de Permacultara do Pampa (Ipep), João Rockett. “Quando falamos em faltar água, falamos em água potável. Usamos mal a água. Gastamos um copo de água para beber e gastamos três para lavar o copo usado”, exemplifica. Entre os fatores envolvidos na questão da água, Rockett destaca a degradação do

Abu Dhabi planeja uma utopia verde no deserto, a ecocidade de Masdar City

Maquete da cidade 'carbono zero', Masdar City. Foto de AFP/KARIM SAHIB, no Le Monde Por enquanto, ainda é uma miragem ecológica flutuando no deserto de Abu Dhabi, a 25 quilômetros da capital dos Emirados Árabes Unidos (EAU). Uma miragem de US$ 22 bilhões (cerca de R$ 53 bilhões) que emerge das areias entre raras palmeiras plantadas: uma central solar fotovoltaica em fase de acabamento, as armações de concreto do futuro Instituto

Instituto Lagoa Viva, RJ, realiza, no dia 27/3, Seminário Dia Mundial da Água 2009

MOVIMENTO EVOLUTIVO PACTO DE RESGATE AMBIENTAL - Por uma bacia hidrográfica sustentável O INSTITUTO LAGOA VIVA (membro do CONSELHO ESTADUAL DE RECURSOS HÍDRICOS, do CONSELHO GESTOR DO PARQUE ESTADUAL DA PEDRA BRANCA e representante eleito do COMITÊ BAIA DE GUANABARA E SISTEMAS LAGUNARES MARICÁ E JACAREPAGUÁ) e a sua principal iniciativa local o Movimento Evolutivo PACTO DE RESGATE AMBIENTAL, que prioritariamente luta pela revitalização e conservação permanente da bacia hidrográfica da

Top