Bolsonaro diz que busca parceria internacional para a exploração do território amazônico brasileiro

  Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil   Em resposta a questionamentos de países europeus sobre a gestão das riquezas naturais da Amazônia, o presidente Jair Bolsonaro disse no sábado (27), durante cerimônia de formatura de paraquedistas no Rio de Janeiro, que busca parcerias “no primeiro mundo” e, em especial com os Estados Unidos, para a exploração do território amazônico brasileiro. “O senhor presidente da França [Emmanuel Macron], a senhora Merkel [chanceler da Alemanha] queriam que

Cientistas rebatem decisões do governo tomadas sem sustentação factual ou científica

  Em meio a ataques, Coalizão Ciência e Sociedade usa ciência para contrapor visão socioambiental do governo Por Ivanir Ferreira, Jornal da USP m um movimento crescente de união da comunidade científica brasileira, em meio aos ataques recebidos, pesquisadores constituíram o grupo Coalizão Ciência e Sociedade. O objetivo é oferecer informações e subsidiar políticas com embasamento científico, a fim de permitir discussões sobre tomadas de decisões e rebater colocações de gestores do governo

A extinção da política ambiental no Brasil e os riscos para a vida no planeta

  A extinção da política ambiental no Brasil e os riscos para a vida no planeta. Entrevista especial com Cristiana Losekann Por João Vitor Santos, IHU Desde que tomou posse, as ações do governo de Jair Bolsonaro têm deixado claro que o meio ambiente é uma área que deve se submeter às demais. E por aí vem liberação recorde de agrotóxicos, questionamentos sobre dados de desmatamento, o desejo de emprego de recursos do Fundo Amazônia para indenizar agricultores (quando o recurso

Redução da maioridade penal: um populismo que custa caro, artigo de André Szesz

[EcoDebate] De forma recorrente, o tema da maioridade penal ressurge nos debates públicos, seja com o renascimento de proposições de redução da idade mínima para a imputabilidade penal ou acompanhadas de promessas de redução das estatísticas de infrações praticadas por jovens. A mais nova proposição é a do senador Flávio Bolsonaro, que pretende reduzir a maioridade penal para 16 anos como regra geral e para 14 anos em casos de

Bolsonaro, o ecocida; análise de Luiz Marques (IFCH/Unicamp)

  JORNAL DA UNICAMP TEXTO LUIZ MARQUES FOTOS LEONOR CALASANS | IEA-USP EDIÇÃO DE IMAGEM LUIS PAULO SILVA O mote Écrasons l’infâme, com o qual Voltaire assinava suas cartas, exprimia sua indignação contra o obscurantismo e o desprezo pela ciência. No Brasil de hoje, a infâmia chama-se Bolsonaro, agente de anomia social e, acima de tudo, um ecocida que está acelerando exponencialmente a trajetória de nossas sociedades em direção a um colapso socioambiental. É preciso que

Água, ar, alimentos, saúde, lazer… artigo de Montserrat Martins

    [EcoDebate] A Alemanha tem um governo de direita e Portugal um de esquerda, mas ambos os países tem bons exemplos de cuidados com a natureza, tais como os cuidados com as florestas na Alemanha e as praias com poluição zero em Portugal. Existem coisas que estão acima das ideologias: todos precisamos de água, de ar, de alimentos, de saúde, de lazer, seja qual for nossa preferência política. Você pode ser contra

O Ocaso da Política Ambiental brasileira, artigo de Cristiana Losekann

IHU "Para compreender na conjuntura atual o que está em risco na política ambiental brasileira é preciso recuperar um pouco da trajetória dessa política ao longo da história do Brasil. Eu farei essa retomada chamando atenção para o ponto que eu penso que seja o cerne das atuais propostas de mudanças e que é também aquele que caracteriza de forma marcante a política ambiental brasileira", escreve Cristiana Losekann, cientista política. Eis o artigo. Na contramão do

Combustíveis fósseis ganharam R$ 85 bilhões em subsídios do governo federal no ano de 2018

    # Inesc lança hoje (17), em Brasília, estudo sobre o valor concedido pelo governo aos setores de petróleo, gás e carvão, por meio de isenção de impostos, regimes especiais de tributação e até verba garantida no Orçamento; # Órgão questiona se há necessidade de tantos incentivos, pede transparência no nome das empresas beneficiadas e alerta que alguns campos de petróleo já seriam rentáveis sem os subsídios. O governo federal concedeu R$ 85

Para especialistas, causas ambientais sofrem por ações erráticas e irresponsáveis do Ministério do Meio Ambiente

  Para Pedro Jacobi e Ana Paula Fracalanza, o Brasil precisa de ações que visem ao desenvolvimento sustentável Por André Netto, TV USP / Rádio USP   No último dia 5 de junho, foi comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente e da Ecologia. Mais do que ser mais uma data festiva sem grandes repercussões, esse dia se reveste de uma extrema importância devido aos muitos problemas ambientais que enfrenta o mundo contemporâneo: poluição

Pesquisa mostra a importância da participação popular nas decisões políticas no país

Estudo inédito analisou o funcionamento dos instrumentos de participação, transparência e Accountability (prestação de contas) relacionado a seis políticas públicas ambientais brasileiras. Resultado da pesquisa mostra a importância dos espaços de participação popular na política nacional. Enquanto o presidente Jair Bolsonaro assina um decreto extinguindo os conselhos e outros órgãos colegiados por meio do Decreto nº 9.759/19, uma pesquisa inédita no Brasil revela a importância que estes conselhos têm como espaços

Apenas 19% das redes de educação pública de estados e municípios investem o adequado

    Cerca de oito em cada dez redes de educação pública de estados e municípios não têm financiamento suficiente para ofertar uma educação de qualidade, de acordo com levantamento feito por pesquisadores do Simulador de Custos para Planejamento de Sistemas Públicos de Educação Básica em Condições de Qualidade (SimCaq). São escolas que ofertam desde o ensino infantil ao ensino médio. Os pesquisadores baseiam-se no chamado Custo Aluno Qualidade (Caq) e consideram que

Bolsonaro quer revogar decreto que criou a Estação Ecológica de Tamoios, no RJ

  O presidente Jair Bolsonaro disse ontem (28) que pretende transformar a Baía de Angra dos Reis, no litoral sul do estado do Rio de Janeiro, em uma "nova Cancún", e que, para isso, pretende revogar o decreto que criou a Estação Ecológica de Tamoios, que fica na região. Foi uma referência ao balneário mexicano conhecido internacionalmente pela beleza das praias e os grandes resorts e que atraem turistas do mundo

Top