Estudo aponta aumento dos casos de câncer na população entre 20 e 49 anos

    Dados podem servir para indicar políticas públicas a serem adotadas ABr O aumento dos casos de câncer na população entre 20 e 49 anos, de 1997 a 2016 chamou a atenção de especialistas. Nesse período, a incidência por ano do câncer da glândula tireóide registrou uma elevação de 8,8%, o de próstata 5,2% e o de cólon e reto 3,4%. Os dados fazem parte do estudo elaborado pelo Observatório de Oncologia, que

Teresina, PI: Horta contribuirá para melhoria da alimentação de crianças com câncer

  Horta contribuirá para melhoria da alimentação de crianças com câncer Em breve, as crianças com câncer atendidas pela Rede Feminina de Combate ao Câncer, hospedadas no Lar de Maria, situado na zona sul de Teresina, receberão alimentação preparada com as verduras fresquinhas e sem agrotóxicos colhidas na horta implantada no local pela Embrapa Meio-Norte, em parceria com a instituição.     Na manhã de segunda-feira (15/04) foi iniciado o plantio da horta, que contará

Estilo de vida não saudável causa mais de 100 mil casos e 60 mil mortes por câncer todo ano no Brasil

    Estilo de vida não saudável É o que revela estudo da Faculdade de Medicina da USP em colaboração com a Universidade de Harvard O estudo “Proporção de casos de câncer e mortes atribuíveis a fatores de risco no estilo de vida no Brasil” feito por um grupo de pesquisadores do Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), com orientação do Prof. Jose Eluf Neto, em colaboração com a

INCA publica cartilha desmentindo boatos sobre alimentos e a cura do câncer

  Cartilhas 2018 PDF Dietas restritivas e alimentos milagrosos durante o tratamento do câncer: fique fora dessa! Nessa cartilha, o INCA orienta seus pacientes sobre mitos relacionados a restrições alimentares e alimentos milagrosos durante o tratamento oncológico. Orientação para os pacientes sobre dietas restritivas e alimentos milagrosos durante o tratamento do câncer   Fonte: INCA in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 26/02/2019   [CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito

Incidência de câncer de colo do útero é alta no Brasil e se assemelha aos países com baixíssimo desenvolvimento

    Para cada 100 mil mulheres, 14 terão câncer colo do útero no mundo. Em países menos desenvolvidos esse número cresce para 15,7 casos a cada 100 mil mulheres e, nos mais desenvolvidos, 9,9. Por Carolina Pimentel   De acordo com o relatório estatístico do Instituto Nacional do Câncer (INCA), o Brasil possui uma taxa de 15,43 casos, bem próxima aos países menos desenvolvidos no mundo. “A situação no Brasil é ainda mais preocupante quando

Uso diário de aspirina pode dobrar o risco de melanoma

  Os homens que tomam aspirina uma vez ao dia têm quase o dobro do risco de melanoma em comparação com os homens que não são expostos à aspirina diariamente, relata um estudo recente da Northwestern Medicine. Por Karine Oliveira Pinto Soares     O acido acetilsalicílico (AAS) ou aspirina é usado há mais de 115 anos, e é um dos medicamentos mais populares do mundo (quase metade das pessoas com 65 anos ou mais

Pesticidas expostos pelo degelo do Alasca apresentam risco de câncer

  Crianças no Alasca, cuja dieta inclui muitos peixes de rios alimentados pela Cordilheira Oriental do Alasca, podem ter um elevado risco de câncer a longo prazo por causa de inseticidas, incluindo o DDT, expostos pelo degelo. Mesmo com níveis baixos de pesticidas organoclorados (OCPs) no degelo glacial, o risco de câncer para jovens e adultos que contam com o peixe como alimento básico em sua dieta está acima do limite máximo

A doença mais comum da próstata não é o câncer. Conheça a Hiperplasia Benigna de Próstata (HPB)

    Câncer de próstata pode atingir 68 mil brasileiros e cerca de 2 milhões de homens podem ter HBP em 2018; Hiperplasia Benigna da Próstata (HBP) atinge cerca de 14 milhões de brasileiros, considerada a doença mais comum da próstata e merece atenção; existem modernos tratamentos disponíveis no país Por Andrea Salmeron Até o final deste ano, o câncer de próstata - segundo tipo mais comum entre os homens - deve atingir 68

Estudo diz que exame de sangue experimental pode detectar precocemente melanoma, o mais agressivo câncer de pele

  Melanoma- Descoberta feita por pesquisadores australianos, e publicada em julho deste ano na revista Oncotarget, promete revolucionar o tratamento de câncer, à medida que a doença pode ser diagnosticada antes mesmo do paciente notar algo suspeito, agilizando o tratamento     Diagnosticar precocemente a forma mais letal do câncer de pele (melanoma) é um desafio crucial, que deve ser feito com ajuda do dermatologista ao observar sinais na pele do paciente. Mas um

Ministério do Trabalho esclarece direitos dos trabalhadores com câncer de próstata

Câncer de Próstata - Em 2017, 6.149 trabalhadores foram afastados do trabalho em decorrência do desenvolvimento da doença, o segundo tipo de câncer mais frequente entre os homens No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, ficando atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. Em 2017, 6.149 trabalhadores foram afastados do trabalho em decorrência do desenvolvimento da doença. Estimativa do Instituto Nacional de Câncer (Inca)

Outubro Rosa: Conheça os direitos das trabalhadoras diagnosticadas com câncer de mama

Saque do FGTS e do PIS/Pasep, auxílio-doença, acompanhante e isenção do Imposto de Renda estão entre as medidas de apoio às mulheres diagnosticadas com câncer de mama O câncer de mama causou o afastamento de mais de 21 mil mulheres do trabalho no ano passado. A doença é o tipo de câncer de maior incidência na população feminina brasileira, depois do de pele não melanoma, respondendo por cerca de 29% dos

Redução do excesso de peso e da obesidade pode evitar 15 mil casos de câncer por ano no Brasil

  ABr Estudo da USP indica relação com consumo de alimentos ultraprocessados Estima-se que pelo menos 15 mil casos de câncer por ano no Brasil, ou 3,8% do total, poderiam ser evitados com a redução do excesso de peso e da obesidade. E esse número deve ainda crescer até 2025, quando se estima que mais de 29 mil novos casos de câncer atribuíveis à obesidade e sobrepeso devam surgir por ano, índice que

Top