OMS alerta para 13 ameaças emergentes à saúde, incluindo possíveis pandemias

Por Eileen Drage O'Reilly, Axios* Os líderes governamentais precisam implementar uma " década de mudança " e investir mais nas principais prioridades e sistemas de saúde para evitar ameaças globais à saúde na próxima década, alertou a Organização Mundial da Saúde na semana passada. O que há de novo: mudança climática, doenças infecciosas e ameaças de epidemia, desigualdades socioeconômicas e conflitos são alguns dos 13 desafios urgentes que a OMS afirma colocar em risco a saúde global -

Quatro riscos ambientais que podem comprometer o turismo e a economia do Brasil

  Áreas naturais possuem grande relevância nas atividades turísticas brasileiras, contribuindo diretamente com a geração de renda e empregos em todo o País Rico em biodiversidade e paisagens naturais, o Brasil é o País número um em atrativos naturais na América Latina e segundo no mundo, segundo o ranking de 2019 do Relatório de Competitividade em Viagens e Turismo do Fórum Econômico Mundial. O segmento turístico foi responsável por movimentar cerca de

Prefeitura do Rio multa Cedae por vazamento de esgoto em rua do Horto que atinge o Rio dos Macacos

    Uma força-tarefa da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e da Fundação Rio-Águas autuou e multou a Cedae em R$ 30 mil pelo vazamento de esgoto na Estrada do Grotão, no Horto, que atingiu a rede pluvial e o Rio dos Macacos. A irregularidade foi flagrada durante uma inspeção, nesta quarta-feira (22/01), no Rio dos Macacos para identificar despejos de esgoto ao longo do curso do rio. A ação foi acompanhada pelo

EcoDebate: Índice da edição nº 3.361, de 22/01/2020

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   O degelo do Ártico e as emissões do permafrost, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Ana Maria Primavesi: a pioneira semeadora da Agroecologia, por Sucena Shkrada Resk Novos 142 GW de energia solar deverão ser instalados no mundo em 2020 O que está por trás da crise da água no Rio Por que os economistas não se interessam pelas mudanças climáticas?   [CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da

O degelo do Ártico e as emissões do permafrost, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

“A crise climática é a ameaça mais urgente do nosso tempo” The Guardian   [EcoDebate] Não existem mais dúvidas sobre o aquecimento global provocado pela emissão de gases de efeito estufa. Os últimos 6 anos (2014-19) foram os mais quentes já registrados e a década 2011-20 é a mais quente da série histórica. A atmosfera do Planeta está ficando mais quente e isto tem um impacto devastador em diversos aspectos, pois vai deixar

Ana Maria Primavesi: a pioneira semeadora da Agroecologia, por Sucena Shkrada Resk

  A construção da história se tece com ícones. Quando se trata da Agroecologia, a personagem que emerge é da engenheira agrônoma e Doutora em Cultura de Solos e Nutrição Vegetal Ana Maria Primavesi, que partiu para o outro plano, aos 99 anos, no último dia 5 de janeiro, deixando um importante legado para a atual e as próximas gerações: o ensinamento prático e teórico de como é possível cultivar e manejar o

Novos 142 GW de energia solar deverão ser instalados no mundo em 2020

Por: Ruy Fontes – Agência #movidos Todo começo de ano sempre vem acompanhado de novas previsões para o mercado mundial de energia solar e uma das mais importantes foi revelada na semana passada. A empresa de inteligência de negócios IHS Markit, em seu relatório “Previsão da demanda fotovoltaica global para 2020”, estima novos 142 Gigawatts (GW) de energia solar este ano. O volume representa um crescimento de 14% em relação a capacidade instalada

O que está por trás da crise da água no Rio

IHU Há três semanas, muitos cariocas lidam com água turva e malcheirosa saindo das torneiras, enquanto nos mercados o preço da água mineral assusta consumidores. Crise traz temor de consequências graves para saúde pública. A reportagem é de Thomas Milz, publicada por Deutsche Welle, 21-01-2020. No bairro Campo Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro, Elton Luiz vai de supermercado em supermercado em busca de água mineral, mas na maioria das lojas as prateleiras estão vazias. E, quando encontra, o

Por que os economistas não se interessam pelas mudanças climáticas?

  IHU Os economistas dedicam-se pouco a estudar o aquecimento global. Isso se deve à rejeição da economia política e ao medo de não ver seus artigos publicados em periódicos de prestígio. A reportagem é de Christian Chavagneux, publicada por Alternatives Économiques, n. 397, edição de janeiro de 2020. A tradução é de André Langer. “Lamentamos dizer que acreditamos que os economistas estão se opondo à civilização humana”. Os professores Andrew Oswald, da Universidade de Warwick, e Nicholas Stern, da London School of Economics, não estão

EcoDebate: Índice da edição nº 3.360, de 21/01/2020

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   O que a comunicação da Cedae fala sobre a água no Rio? artigo de Beatriz Diniz Consciência ambiental: maioria reconhece que atitudes individuais fazem a diferença Poluição por incêndios florestais no Brasil agrava qualidade do ar em cidades distantes Possível extinção de borboletas nativas indica estado de saúde dos campos sulinos China quer acabar com uso de plástico descartável até 2025   [CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo

O que a comunicação da Cedae fala sobre a água no Rio? artigo de Beatriz Diniz

O que a comunicação da Cedae fala sobre a água no Rio? [EcoDebate] Verão, cidade do Rio ferve literalmente com altas temperaturas. Tem gente de todo canto turistando, Carnaval antecipado que a prefeitura inventou em ano de eleição. De repente, água com cor, cheiro e gosto. E a Cedae sequer se comunica com a população, seus clientes. Água é vida, de verdade. Sem água não tem vida pra geral, não

Consciência ambiental: maioria reconhece que atitudes individuais fazem a diferença

  Usuários do Quinto mostram que sabem o poder de cada atitude, mas o consumo consciente ainda encontra algumas resistências Por Chris Xavier Quando pensamos no enorme esforço mundial necessário para preservar o meio ambiente e reverter as alterações climáticas podemos nos sentir impotentes. Entretanto, estão ao alcance de todos atitudes que – somadas – podem resultar em uma grande transformação. Essa percepção é o ponto de partida para mudanças em direção a

Top