Índice da edição nº 2.773, 2017 [de 12/06/17]

    Aula de Direito de Herman Benjamin, artigo de Montserrat Martins Transição religiosa e secularização nos Estados Unidos, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Gestão ambiental indígena no Acre: Paralelos com a 'Ética do Bem Viver' e a 'Ecologia Profunda' (parte 2, final), por Roberta Graf Governança Ambiental e Equidade na Era da Pós-Verdade, artigo de George Martine Pacto Global da ONU lança relatório sobre desperdício de água em redes de

Aula de Direito de Herman Benjamin, artigo de Montserrat Martins

    [EcoDebate] O Direito também se constrói com os votos vencidos, como o do brilhante relator Herman Benjamin no TSE. Com sua “aula de Direito”, ele deixou claro que não havia argumentos jurídicos para descartar as delações da Odebrecht, JBS e do casal Santana no julgamento da chapa Dilma-Temer no TSE. “Só os índios não contatados da Amazônia não sabiam que a Odebrecht tinha feito delação premiada. Se isso não é fato

Transição religiosa e secularização nos Estados Unidos, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] Não apenas a América Latina e o Brasil estão passando por uma transição religiosa e por um processo de aumento da pluralidade. Os Estados Unidos (EUA), de maneira diferente dos seus vizinhos continentais do Sul, também estão passando por uma reconfiguração no seu panorama religioso. Os EUA são o terceiro maior país do mundo em tamanho de população (estão atrás apenas da China e da Índia) e são o maior

Gestão ambiental indígena no Acre: Paralelos com a ‘Ética do Bem Viver’ e a ‘Ecologia Profunda’ (parte 2, final), por Roberta Graf

Gestão ambiental indígena no Acre: Paralelos com a “Ética do Bem Viver” e a “Ecologia Profunda” (parte 2) Roberta Graf1 (Artigo vinculado à palestra da autora no Seminário Agroecol-2016, na UFGD - Universidade Federal Grande Dourados, em novembro de 2016) maio de 2017 ___________________________________________________________________________ 3. A Ética do Bem Viver Para introduzir os temas, cito aqui o documento final de uma das edições do importante movimento social indígena “Acampamento Terra Livre” (ATL), que ocorre anualmente em Brasília, nos meses

Governança Ambiental e Equidade na Era da Pós-Verdade, artigo de George Martine

  Mitos e Governança | Convivemos em plena era da pós-verdade e do relativismo ético. Fatos objetivos pesam menos na formação da opinião pública do que emoções e crenças pessoais. Políticos não conseguem diferenciar bem público e privado. Populistas manipulam as massas com soluções simplistas; o mais poderoso deles nem consegue distinguir fabricação de realidade. Empresários pregam a ideologia do mercado, mas barganham as tetas do Estado. A mídia de massa

Pacto Global da ONU lança relatório sobre desperdício de água em redes de distribuição do Brasil

ONU Em 2015, 182 bilhões de litros de água foram perdidos em vazamentos, fraudes, roubos ou problemas de medição nos 74 municípios banhados pelas bacias dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí. O número é de um levantamento divulgado nesta semana (7) pelo Movimento Menos Perdas, Mais Água – iniciativa criada pela Rede Brasil do Pacto Global da ONU. Volume desperdiçado seria suficiente para abastecer 2,7 milhões de pessoas. Em 2015, 182 bilhões

Estudo ‘An Amazonian rainforest and its fragments as a laboratory of global change’

    Caros Colegas, O documento em anexo [An Amazonian rainforest and its fragments as a laboratory of global change], que resume 38 anos de pesquisa sobre fragmentação da floresta amazônica, pode ser de interesse. Ele faz uma sugestão bastante provocativa: a dinâmica das paisagens fragmentadas não pode ser entendida, sem ter em conta os fatores ambientais de maior escala, a escala regional ou mesmo global. Assim, o que está acontecendo no chão parece ser

‘A sociedade não percebeu ainda o tamanho do impacto nos direitos sociais que a reforma trabalhista vai gerar’, entrevista com Paulo Joarês

  A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou, na terça-feira (6/06), o projeto de reforma trabalhista, por 14 votos a 11. O texto não sofreu nenhuma modificação em relação ao Projeto de Lei aprovado na Câmara dos Deputados no final de abril (PLC) 38/2017. O relator da matéria na CAE, senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), rejeitou todas as 242 emendas apresentadas pelos senadores da comissão, sob a justificativa de que

Cracolândia é fruto da degradação do centro da cidade de São Paulo

  As intervenções do poder público descaracterizaram a região central da cidade e abriram caminho para a Cracolândia Por Redação, Rádio USP http://jornal.usp.br/wp-content/uploads/CRACOLANDIA-IMOVEIS-TOMBADOS-SIMONE.mp3   A Cracolândia, que significa terra do crack, fica no bairro da Santa Ifigênia, um dos mais antigos da cidade. É a região das avenidas Duque de Caxias, Ipiranga, Rio Branco, Cásper Líbero, Rua Mauá, Estação Júlio Prestes e da Praça Princesa Isabel. Em toda ela se desenvolveu, ao longo do tempo,

Top