nº 2.396, 2015 [09/10/2015]

    O impacto da cultura do café no meio ambiente do Brasil do século XVIII ao XXI, artigo de Sandra Marcondes O fluxo migratório haitiano e o seu impacto na economia, artigo Felipe dos Santos Moraes Câmara recebe 1.4 milhão de assinaturas propondo o Desmatamento Zero no país Soberania Alimentar deve ser debatida pelo conjunto da sociedade Brasil perde R$ 156,2 bilhões do PIB com a morosidade do trânsito em São

O impacto da cultura do café no meio ambiente do Brasil do século XVIII ao XXI, artigo de Sandra Marcondes

  Quente como o inferno/Preto como o carvão Forte como o diabo/Doce como o amor (Paródia da definição francesa do café - barão Homem de Melo)   [EcoDebate] A introdução do café no Brasil deve-se a Francisco de Melo Palheta que trouxe as primeiras sementes para o país em 1727. Tais sementes foram plantadas em Belém do Pará, mas a produção declinou de tal modo que em 1870 já estava extinta. No ano seguinte as

O fluxo migratório haitiano e o seu impacto na economia, artigo Felipe dos Santos Moraes

  A migração decorrente em muitas partes do mundo atualmente revela a incapacidade desses povos diante das diversidades que os atingem. Desde 2010, quando um terremoto provocou milhares de mortes no Haiti, caribenhos tem se lançando rumo a novas oportunidades de emprego e de uma vida digna no Brasil.     [EcoDebate] Beco da Alegria, número 300, bairro Rubem Berta em Porto Alegre, é onde mora o haitiano Elysée Bazile, 29 anos, que há

Câmara recebe 1.4 milhão de assinaturas propondo o Desmatamento Zero no país

    Uma grande manifestação em defesa do meio ambiente marcou, nesta terça-feira (7), a entrega aos parlamentares ligados à causa socioambiental do projeto de lei de iniciativa popular, que contou com 1.4 milhão de assinaturas, propondo o Desmatamento Zero no Brasil. O coordenador da Frente Parlamentar Ambientalista, deputado Sarney Filho (PV-MA), que foi o primeiro a receber as assinaturas, afirmou que somente uma grande mobilização popular como esta coordenada pelo Greenpeace

Soberania Alimentar deve ser debatida pelo conjunto da sociedade

    O conceito de Soberania Alimentar nasce de um contraponto do conceito de Segurança Alimentar estabelecido pela FAO, pois compreende-se que um povo para ser livre precisa ser soberano e essa soberania passa pela alimentação. O Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), assim como a Via Campesina Internacional, compreende que Soberania Alimentar é o direito dos povos a definir suas próprias políticas e estratégias sustentáveis de produção, distribuição e consumo de alimentos,

Brasil perde R$ 156,2 bilhões do PIB com a morosidade do trânsito em São Paulo

    Por José Tadeu Arantes | Agência FAPESP Quanto custa ficar parado no trânsito em São Paulo? Esta pergunta foi respondida com precisão. “Hoje, pessoas que trabalham fora de casa gastam em média 100 minutos do dia na ida e volta entre os locais de moradia e de trabalho. Considerando as características estruturais da Região Metropolitana de São Paulo e os padrões de mobilidade verificados em outras cidades do país, seria possível

Aquecimento extremo trará ‘mortes em massa’, alertam especialistas

aquecimento

  Grupo de elite da climatologia quer que governos considerem risco de planeta esquentar de 4 a 7 graus Celsius, o que causaria o colapso da civilização; análise começa a ser feita no Brasil     Por Claudio Angelo, do Observatório do Clima. Um vídeo exibido a uma plateia pequena na última segunda-feira, em Brasília, mostrava sem eufemismos o que poderia acontecer com o planeta caso o aquecimento global saísse de controle e atingisse o

A acidificação dos oceanos já levou à extinção de 50% dos recifes de corais do mundo. Entrevista com Anna Carolina Lobo

  “Os oceanos, para as nossas vidas, são tão ou mais importantes que as florestas terrestres: mais de 60% do oxigênio é produzido por algas marinhas, embora as pessoas associem a produção do oxigênio somente às florestas”, diz a coordenadora do Programa Marinho do WWF. Foto: www.hojeemdia.com.br “Quando se fazem políticas públicas no Brasil e se olha para a conservação de áreas terrestres ou marinhas, enxerga-se a conservação como um impeditivo ao desenvolvimento.

MPF afirma que existe racismo institucional do sistema de justiça e segurança no Brasil

    Segundo dados apresentados em audiência no Senado, jovem negro tem duas vezes maior probabilidade de ser preso que jovem branco   O procurador federal dos Direitos do Cidadão adjunto, Luciano Mariz Maia, participou de audiência no Senado sobre a situação atual dos direitos humanos no Brasil e no Mercosul. Segundo ele, dados sobre a população carcerária revelam um racismo institucional do sistema de justiça e segurança: "um racismo não percebido, não estudado,

Top