nº 2.361, 2015 [12/08/2015]

    Dois séculos de crescimento da economia e da população no Brasil: 1820-2020, artigo de José Eustáquio Diniz Alves A 'Agenda Brasil', sugerida por Renan Calheiros ao Governo Federal Conjunto de ONGs lança manifesto rechaçando medidas da 'Agenda Brasil' Setor energético quadruplica emissões brasileiras de gases do efeito estufa (GEEs) Petrobras reduz investimentos em proteção ambiental e projetos sociais Exploração de combustíveis fósseis ameaça oceanos, afirma pesquisa alemã Relatora especial da

Dois séculos de crescimento da economia e da população no Brasil: 1820-2020, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] O Brasil apresentou um grande crescimento demoeconômico entre 1820 e 2020 (considerando as projeções entre 2015 e 2020). A população brasileira era de 4,5 milhões de habitantes em 1820 e passou para 9,9 milhões em 1872, para 17,4 milhões em 1900, para 51,9 milhões em 1950, chegou a 191 milhões em 2010 e deve atingir 212 milhões em 2020, segundo dados e projeções do IBGE. Mas o crescimento econômico foi

A ‘Agenda Brasil’, sugerida por Renan Calheiros ao Governo Federal

Medidas legislativas – a contribuição do Congresso Melhoria do ambiente de negócios e infraestrutura Segurança jurídica dos contratos: blindar as legislações de contratos contra surpresas e mudanças repentinas. Essa blindagem colabora para proteger a legislação das PPP, por exemplo, item relevante nestes tempos em que o País necessita de mais investimentos privados. Aperfeiçoar marco regulatório das concessões, para ampliar investimentos em infraestrutura e favorecer os investimentos do Programa de Investimentos em Logística

Conjunto de ONGs lança manifesto rechaçando medidas da ‘Agenda Brasil’

  A Agenda Brasil, plano de recuperação econômica divulgado ontem pelo Governo Federal, é uma proposta que destrói o Brasil antes de salvá-lo. Conjunto de ONGs lança manifesto rechaçando medidas. Lançada ontem (11/8) pelo Governo Federal e senadores da base aliada, a Agenda Brasil é um pacote de 28 medidas para combater a crise. No entanto, a iniciativa acaba por revelar a incapacidade do governo de formular um plano nacional que enxergue o meio

Setor energético quadruplica emissões brasileiras de gases do efeito estufa (GEEs)

termelétrica

  OC apresenta análise inédita das emissões brasileiras entre 1970 e 2013, além de projeções para os próximos anos; documento inclui recomendações para políticas de clima no Brasil   O Observatório do Clima (OC) acaba de divulgar uma análise ampliada sobre as emissões brasileiras de gases do efeito estufa (GEE), entre 1970 e 2013. Nesse período, o setor de energia — que inclui produção e consumo de combustíveis e energia elétrica — quadruplicou

Petrobras reduz investimentos em proteção ambiental e projetos sociais

    Os prejuízos registrados pela Petrobras em 2014 atingiram diretamente investimentos da companhia em proteção ambiental e em projetos sociais e culturais, marcas fortes da empresa ao longo de sua história. A informação consta do Relatório de Sustentabilidade, divulgado ontem (11) pela estatal. De acordo com os números apresentados, o total em dispêndios e gastos em proteção ambiental em 2014 somou R$ 3,276 bilhões, abaixo dos R$ 3,324 bilhões investidos em 2013,

Exploração de combustíveis fósseis ameaça oceanos, afirma pesquisa alemã

    Cientistas alemães concluíram que é urgente acabar com o consumo de combustíveis fósseis para salvar os oceanos do acúmulo de dióxido de carbono (CO2). Caso contrário, “uma catástrofe de extinção em massa poderá acontecer", afirmou a pesquisadora Sabine Mathesius, do Centro de Pesquisa Oceânica Helmholtz, da cidade de Kiel, na Alemanha. “A remoção de dióxido de carbono da atmosfera de forma artificial, como vem sendo proposto, não salvará os oceanos se

Relatora especial da ONU exorta o Brasil a não despejar povos indígenas Guarani e Kaiowá de suas terras

  A relatora especial sobre os Direitos dos Povos Indígenas manifestou profunda preocupação com os relatos de que a polícia está preparada para despejar à força os povos indígenas Guarani e Kaiowá de suas Tekohas (terras tradicionais), no estado do Mato Groso do Sul, na região oeste do Brasil. Cerca de 6 mil indígenas se recusam a deixar suas Tekohas, e advertiram que pretendem resistir ao despejo “até a morte”.     A especialista

Ação do MPF contra Editora Abril, por reportagem discriminatória contra minorias étnicas, é retomada

    Decisão do TRF-3 derrubou sentença que extinguia processo; Procuradoria pede indenização de R$ 1 milhão por reportagem discriminatória contra minorias étnicas A 26ª Vara Cível Federal, na capital paulista, terá que dar prosseguimento à ação civil pública que o Ministério Público Federal ajuizou contra a Editora Abril por danos morais coletivos. O processo se deve a uma reportagem discriminatória contra minorias étnicas publicada em maio de 2010 na revista Veja. A

Top