Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.844, de 28/05/2013

    Como estruturar um sistema de gestão ambiental II, artigo de Roberto Naime Grilagem de terras no Barreiro em Belo Horizonte? artigo de Gilvander Luís Moreira Por uma vida de encanto e de consciência sadia, artigo de Gilmar Passos MS: Após décadas de omissão, ações efetivas devem barrar degradação do Rio Taquari MS: Fazendeiro é multado em R$ 2 milhões por danos ambientais no Rio Taquari Brasil tem dois anos para

Como estruturar um sistema de gestão ambiental II, artigo de Roberto Naime

    Implementação e operação Recursos, funções, responsabilidades e autoridades A administração deve assegurar a disponibilidade de recursos essenciais para estabelecer, implementar, manter e melhorar o sistema da gestão ambiental. Esses recursos incluem recursos humanos e habilidades especializadas, infraestrutura organizacional, tecnologia e recursos financeiros. Funções, responsabilidades e autoridades devem ser definidas, documentadas e comunicadas visando facilitar uma gestão ambiental eficaz. A alta administração da organização deve indicar representante(s) específico(s) da administração, o(s) qual(is), independentemente de outras

Grilagem de terras no Barreiro em Belo Horizonte? artigo de Gilvander Luís Moreira

    Grilagem de terras no Barreiro em Belo Horizonte? Gilvander Luís Moreira1 “O direito à cidade e a moradia é o fundamento de uma reforma urbana pautada pelos princípios da democracia participativa. É uma tarefa cada vez mais urgente.”(SANTOS, Boaventura de Sousa. Para uma revolução democrática da justiça; Ed. Cortez; 2007) [EcoDebate] Três comunidades urbanas – 700 famílias -, no Barreiro, em Belo Horizonte, MG, estão sob a mira de decisões judiciais de reintegração

Por uma vida de encanto e de consciência sadia, artigo de Gilmar Passos

    [EcoDebate] Vamos refletir neste instante sobre algumas questões fundamentais da vida que requerem cuidado urgente. Trata-se do nosso modo de ver e viver no mundo diante da realidade a nossa volta. Vamos analisar a dificuldade do encanto humano, fruto de uma consciência doentia e que é refletida na cultura. Não iremos fazer uma análise cética, mas fundamental para nos motivar à busca do belo e do Grande Belo do Mundo. A

MS: Após décadas de omissão, ações efetivas devem barrar degradação do Rio Taquari

  Assoreamento, erosão e formação de arrombados são principais consequências da degradação do Taquari. Foto: Embrapa   Justiça acata pedido do Ministério Público e governo é obrigado a apresentar cronograma de atividades para recuperar Bacia. Se descumprir decisão, verbas publicitárias podem ser bloqueadas   Os Ministérios Públicos Federal (MPF/MS) e Estadual (MP/MS) do Mato Grosso do Sul conseguiram liminar da Justiça Federal de Coxim que proíbe a concessão de novos licenciamentos ambientais e determina a

MS: Fazendeiro é multado em R$ 2 milhões por danos ambientais no Rio Taquari

  Assoreamento, erosão e formação de arrombados são principais consequências da degradação do Taquari. Foto: Embrapa   Recomendação do MPF/MS resulta em multa de R$ 2 milhões a fazendeiro - A multa se refere a danos ambientais no Rio Taquari. Obras alteraram formação natural do rio e aumentaram assoreamento   O proprietário da Fazenda Santa Cecília II, em Corumbá (MS), foi multado pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) em

Brasil tem dois anos para apresentar marco regulatório de proteção de ecossistemas

  O governo brasileiro tem dois anos para apresentar um marco regulatório de proteção dos ecossistemas costeiro e marinho se pretende cumprir o compromisso firmado por vários países durante a Rio+20, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, realizada em junho do ano passado no Rio de Janeiro. No encontro, negociadores de vários países não conseguiram chegar a metas comuns para a proteção da biodiversidade em alto-mar. Apesar do esforço da

Até 2050 serão necessários três planetas para suprir necessidades da população mundial, alerta ONU

    Programa da Caixa Econômica Federal foi citado como referência por iniciativa de sustentabilidade da ONU. Foto: Caixa   Diante de crises econômicas, do aumento da degradação ambiental e da ameaça das mudanças climáticas, a comunidade internacional tem que se esforçar para melhor utilizar os recursos naturais da Terra. Com o objetivo de informar sobre as ações necessárias que darão início a um futuro mais sustentável, o Programa das Nações Unidas para o Meio

Céticos do clima são menos de 1% da comunidade científica, diz estudo

    Análise de quase 12 mil artigos científicos mostra que 99% atribuem ao homem a responsabilidade pelo aquecimento global. Para especialista, ceticismo é corrente ultrapassada e não tem embasamento.   Um estudo divulgado nesta semana com base na análise de publicações científicas das últimas duas décadas mostrou que 99% dos artigos apontam a ação humana como a causa das mudanças climáticas – um consenso frente aos chamados céticos do clima, que atribuem o

Cambio Climático: Políticas que están matando al planeta, por Martin Khor

  La temperatura actual es de 0.8 grados por encima del nivel preindustrial y ya estamos presenciando los importantes efectos perjudiciales, que nos dan una pista de cómo llegaría a ser un mundo con dos y hasta cuatro grados más de temperatura. El que podrían heredar nuestros hijos y nietos.     [Ecoportal.net] Se acaba de cruzar un umbral clave en los registros que miden el avance del calentamiento global: por primera vez desde

Carta Aberta do Seminário por uma Nova Política Energética no Brasil ao presidente da Caixa

    CARTA ABERTA AO PRESIDENTE DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL Brasília, 24 de maio de 2013 Senhor Presidente, As pessoas e organizações que subscrevem a presente tiveram ciência, pelos jornais, de que os responsáveis pelo Programa Nuclear Brasileiro estão em entendimento com a Caixa Econômica Federal para que esta conceda, à empresa encarregada da construção da Usina Nuclear conhecida como Angra III, um empréstimo que permita completar essa construção, uma vez que até agora a

Indígenas fazem nova ocupação de Belo Monte por consultas

    Cerca de 170 indígenas voltaram a ocupar, na madrugada desta segunda-feira (27), o principal canteiro de obras da Usina Hidrelétrica Belo Monte, em Vitória do Xingu, no sudoeste do Pará. A reivindicação central é a de que as obras da usina hidrelétrica de Belo Monte e os estudos para a construção das usinas no Rio Tapajós sejam suspensos até que as consultas prévias aos povos indígenas sejam realizadas. Neste momento

Top