Índice da edição de 09/11/2009

Preservação dos recifes de coral: Afinal, natureza é fundamental! artigo de Carol Salsa Namastê ‘prá’ você também, artigo de Américo Canhoto Sistema agroflorestal evita devastação e reduz emissão, artigo de Carine Correa Impacto do agronegócio sobre ambiente e saúde: desafios à produção de conhecimento Diante de omissão do governo, comunidade de Santarém que bloqueou balsas de madeireiros recorre ao MPF MPF visita reservas extrativistas no Pará para propor plano de atuação ao governo Operação integrada de

Preservação dos recifes de coral: Afinal, natureza é fundamental! artigo de Carol Salsa

Recifes de Coral. Foto WWF [EcoDebate] Os recifes de coral são formações milenares feitas do carbonato de cálcio produzido por pequenos animais de corpo mole, chamados “pólipos”. Eles constroem uma espécie de carapaça calcárea onde se aloja formando junto a outros bilhões de pólipos as chamadas colônias que comporão a estrutura calcárea do recife. Das 350 espécies de corais existentes no mundo, 18 delas encontram-se no Brasil, sendo que oito delas só

Namastê ‘prá’ você também, artigo de Américo Canhoto

SEGUNDO MEU AMIGO BUDA: OS ESTADOS DE VIDA SÃO BREVES MOMENTOS [EcoDebate] “Bateu; levou!”. Somos pessoas ainda muito mais reativas do que proativas; nossa forma de sentir cada momento costuma ser uma resposta imediata e proporcional às ações externas positivas ou negativas que atuam sobre cada um de nós; além disso, como somos pessoas possessivas, também nos afeta tudo que atua sobre quem achamos que nos pertence; ou até sobre coisas

Sistema agroflorestal evita devastação e reduz emissão, artigo de Carine Correa

Sistema agroflorestal pinus x erva-mate x soja aos dois anos e meio após a implantação. Propriedade de Gregorio Cigainski, Áurea, RS. Foto: Adroaldo José Waczuk, URICER-Campus de Erechim, RS/ Embrapa Às vésperas da Convenção das Nações Unidas sobre o Clima, em Copenhague, na Dinamarca, onde países vão discutir redução de emissão de CO2, um projeto pioneiro executado há 22 anos por pequenos agricultores em Nova Califórnia, Rondônia, de atividades extrativistas pelo

Impacto do agronegócio sobre ambiente e saúde: desafios à produção de conhecimento

Na mesa, coordenada pela pesquisadora da Universidade Federal do Ceará, Raquel Rigotto, os palestrantes Vicente Almeida (Embrapa), Marcelo Firpo (ENSP/Fiocruz), Wanderlei Pignati (UFMT) e Lia Giraldo (CPqAM/Fiocruz) O grupo de trabalho (GT) Saúde e Ambiente da Abrasco convocou, na manhã de domingo (1/11), um debate sobre o processo produtivo do agronegócio e suas relações e consequências para a saúde pública e o meio ambiente no IX Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva.

Diante de omissão do governo, comunidade de Santarém que bloqueou balsas de madeireiros recorre ao MPF

Famílias que bloquearam balsas pedem ajuda para cobrar respostas por parte de instituições como Sema e Funai Revoltadas pela ausência de representantes do governo em reunião que havia sido agendada para a última quarta-feira, comunidades ribeirinhas e indígenas que vivem na gleba Nova Olinda I, em Santarém, oeste do Pará, querem ajuda para exigir respostas às suas reivindicações. Em atendimento a esse pedido, o Ministério Público Federal no Pará (MPF/PA), juntamente

MPF visita reservas extrativistas no Pará para propor plano de atuação ao governo

Invasão das áreas e falta de informações são alguns dos principais problemas “Sei que tem gente boa/ Como muitos companheiros/ Lutando como guerreiros/ Pra expulsar os fazendeiros/ Junto com os madeireiros/ Sei que a luta não parou/ Porque muitos estranhos/ Na reserva estão entrando/ Querendo nos amedrontar/ Com armas que trazem/ Pensando em nos expulsar”. Assim, com frases simples mas bastante esclarecedoras, é que a professora Maria de Jesus Carvalho sintetiza em

Operação integrada de orgãos ambientais fecha lixões clandestinos no Rio

Em operação integrada do Ministério do Meio Ambiente, da Secretaria de Estado do Ambiente do Rio de Janeiro e da Prefeitura de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, foram embargados, na manhã de 7/11, cerca de 70 lixões clandestinos no Bairro de Jardim Gramacho. O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, que participou da operação, disse que a atividade de despejo clandestino em áreas do entorno do Aterro Sanitário de Gramacho,

Eco-Economia. Uma mudança de paradigma. Entrevista especial com Hugo Penteado

“O não contato com a realidade é a principal crítica aos economistas. Eles não têm contato com a realidade e não entendem que o problema ambiental não brotou do nada, e sim do sistema econômico, das ações diárias das pessoas, e que existe uma necessidade de mudança de paradigma”. Assim, o economista Hugo Penteado define os profissionais da área econômica de hoje. Em entrevista, por telefone, à IHU On-Line, ele

Quanto mais a Amazônia aguenta de desmatamento? Perigos da floresta, artigo de Míriam Leitão

Projeção do aumento de temperatura ao longo do século 21 [O GLOBO] Quanto a floresta aguenta? Qual é o limite de desmatamento que a Amazônia suporta? Essas perguntas têm sido feitas pelo climatologista Carlos Nobre, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, que, junto com seus alunos, tem escrito estudos publicados em revistas científicas do exterior. O último estudo conclui que 40% é o limite. Acima disso a floresta entra em colapso.

Mudanças Climáticas: Ameaça ignorada

Os cientistas estão cansados de avisar, mas ainda há quem tape os ouvidos para os alertas sobre as mudanças climáticas. Uma pesquisa recentemente publicada nos Estados Unidos mostrou que a proporção de norte-americanos convencidos de que o homem é responsável por boa parte do aquecimento global despencou 40% desde o ano passado. O resultado motivou pesquisadores da Columbia University a tentar entender por que, mesmo sabendo dos riscos ao planeta, algumas

Aquecimento global deve provocar aumento de desastres naturais, afetando 175 milhões de crianças por ano

Pequenas vítimas - Meninos e meninas sofrerão mais com a fome e doenças como a diarreia e a desnutrição. Fome, sede, doenças e oceanos em fúria. Os cenários catastróficos previstos pela ciência caso o homem não consiga frear o avanço do aquecimento global afetarão drasticamente quem menos tem culpa pelas emissões de carbono na atmosfera. Enquanto delegados de quase 200 países se digladiavam na capital da Catalunha, tentando encontrar um consenso

Top