Portal EcoDebate: Índice da edição nº 2.101, de 24/06/2014

    Observações sobre os Fenômenos El Niño e La Niña, artigo de Roberto Naime Grandes projetos, um tormento na vida dos pobres, artigo de Gilvander Luís Moreira Denúncia: Arsênio de Paracatu não escolhe vítima Mais de 9 mil km² de rios na Amazônia serão mapeados em 2014 Cavalo de Lata na Copa - tração mecanizada para coleta de resíduos Falta de saneamento básico e os prejuízos econômicos, ambientais e sociais. Entrevista

Observações sobre os Fenômenos El Niño e La Niña, artigo de Roberto Naime

      [EcoDebate] Os efeitos do fenômeno El Niño no Brasil produzem prejuízos em algumas regiões e benefícios em outras. Embora os danos para a agricultura sejam maiores. A região sul é a mais afetada. Em cada episódio, ocorre na região sul, um aumento da pluviosidade, principalmente na primavera, fim de outono e começo de inverno. O acréscimo de quase 150% de chuvas em relação aos índices normais atrapalha a colheita. As

Grandes projetos, um tormento na vida dos pobres, artigo de Gilvander Luís Moreira

  Grandes projetos, um tormento na vida dos pobres1 Gilvander Luís Moreira2 [EcoDebate] Vivemos um tempo perigoso. O capitalismo, máquina de moer vidas, está funcionando a todo vapor triturando vidas de bilhões de pessoas e de outros seres da biodiversidade. Estamos em tempos de fundamentalismos, de céus povoados de anjos e entidades, de demônios por todos os lados, de gritaria de deuses, de promessas, de busca insaciável de bênçãos, de procissões, de peregrinações,

Denúncia: Arsênio de Paracatu não escolhe vítima

    Por Sergio U. Dani, de Bremen, junho de 2014 Há muitos anos sabemos que o arsênio é uma substância causadora de câncer e outras doenças. Aliás, o arsênio é um dos agentes cancerígenos mais potentes e persistentes. O arsênio é absorvido via oral ou respiratória e literalmente gruda nos ossos e mata de câncer e uma série de outras doenças. Há anos estamos divulgando essa informação em Paracatu, na esperança que o povo

Mais de 9 mil km² de rios na Amazônia serão mapeados em 2014

    Cerca de 9.500 km² das principais hidrovias navegáveis da região amazônica serão mapeadas neste ano. Para tanto, serão produzidas ou atualizadas 19 cartas náuticas em 2014, sendo que sete foram finalizadas até maio desse ano. O objetivo é ampliar a segurança da navegação nos rios dos estados do Amapá, Amazonas, parte do Acre, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Roraima. As cartas são elaboradas por uma parceria, desde 2008, entre Centro

Cavalo de Lata na Copa – tração mecanizada para coleta de resíduos

    O Carrinho elétrico conhecido como Cavalo de Lata foi convidado pela Rede CataPoa para auxiliar no trabalho de coleta de resíduos dentro e nos entornos do estádio Beira-Rio na capital Porto Alegre. O Cavalo de Lata, desenvolvido na cidade de Santa Cruz do Sul, RS, está sendo utilizado pelos catadores da Rede CataPoa, ligados ao Movimento Nacional de Catadores, na limpeza do Beira Rio, estádio que vai sediar 5 jogos da

Falta de saneamento básico e os prejuízos econômicos, ambientais e sociais. Entrevista com Rafael Volquid

  “Com mais investimento em saneamento básico, poupa-se investimento em correções do meio ambiente e o próprio tratamento da água fica mais barato”, adverte o diretor técnico da Fepam. Foto: osmidia.wordpress.com Quando se trata de avaliar a evolução dos investimentos em saneamento básico no Brasil, é preciso considerar que as obras que demandam mais recursos financeiros foram “colocadas em segunda ordem de prioridade devido a diversos fatores, inclusive políticos, porque são obras que

Governos devem colocar as pessoas no centro das políticas florestais, diz FAO

  Relatório afirma que potencial das florestas não está sendo aproveitado para a redução da pobreza, o desenvolvimento rural e a criação de economias mais verdes. Programa brasileiro de manejo florestal comunitário e familiar é citado como exemplo positivo. A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) afirmou nesta segunda-feira (23) que os países devem apostar em políticas destinadas a manter e a potencializar as contribuições vitais das

Poluição por plástico causa prejuízo de US$ 13 bilhões ao ecossistema marinho, afirma Pnuma

  Segundo agência da ONU, este é o valor anual dos danos causados ao ecossistema marinho; produtos de plástico que vão parar no mar podem matar tartarugas, aprisionar golfinhos e deteriorar recifes de corais. Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. Segundo uma estimativa do Programa da ONU para o Meio Ambiente, Pnuma, o desperdício de plástico causa um prejuízo de US$ 13 bilhões por ano. Este seria o valor dos danos causados

Assembleia do Pnuma vai debater tráfico de flora e fauna, crime ambiental que gera US$ 200 bilhões

    Chefe da agência da ONU, Achim Steiner, diz que produtos mais contrabandeados são madeira, marfim e chifres de rinoceronte; relatório sobre o tema deve ser divulgado nesta quarta-feira, em Nairobi, durante a realização da primeira Assembleia sobre o Meio Ambiente.  Mônica Villela Grayley, enviada especial da Rádio ONU a Nairobi.  Uma forma coordenada de combate ao crime ambiental e ao tráfico de espécies silvestres é um dos temas da primeira Assembleia sobre

Estudo americano aponta relação entre autismo e pesticidas

    Uma mulher grávida que vive perto de uma fazenda onde são utilizados pesticidas tem 66% mais chances de ter uma criança autista, revelam pesquisadores da Universidade da Califórnia Davis em um estudo [Neurodevelopmental Disorders and Prenatal Residential Proximity to Agricultural Pesticides: The CHARGE Study] publicado nesta segunda-feira. Matéria da AFP, no Yahoo Notícias, com informações adicionais do EcoDebate. Esta pesquisa publicada na revista Environmental Health Perspectives analisa a associação entre viver

Top