Índice da edição nº 2.703, 2017 [de 17/02/17]

    O colapso do gelo da Antártica e o aumento do nível do mar, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Cortinas e poluição urbana, artigo de Carlos Augusto de Medeiros Filho Comunidade científica alerta para mortandade de macacos por causa da febre amarela Reduzir unidades de conservação e desproteger 1 milhão de hectares não é bom para o agronegócio Mato Grosso: PM prende oito pessoas e apreende contrabando de 2,8 toneladas de inseticida de uso

O colapso do gelo da Antártica e o aumento do nível do mar, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

    [EcoDebate] A Antártica, depois de um período de ligeiro ganho na área de gelo, está entrando em fase de degelo acelerado. Uma das constatações é que uma imensa rachadura na plataforma de gelo Larsen C cresceu profundamente em dezembro de 2016 e falta pouco para que um imenso bloco de 5 mil km² (equivalente a área do País de Gales ou da Região Metropolitana do Rio de Janeiro) se desprenda

Cortinas e poluição urbana, artigo de Carlos Augusto de Medeiros Filho

    [EcoDebate] As cortinas dos quartos e da cozinha, lá de casa, ficaram parcialmente deterioradas e precisaram ser trocadas. Sempre que as retirávamos para lavagem e agora também para a substituição, percebíamos a desagradável acumulação de poeira muito fina e negra em porções das cortinas. Essas sujeiras correspondem as persistentes, danosas e quase imperceptíveis fuligens que contaminam o ar da cidade, constituindo uma das formas mais evidentes de poluição urbana. Em um

Comunidade científica alerta para mortandade de macacos por causa da febre amarela

    Em nota, especialistas de instituições de pesquisa e conservação sobre primatas disponibilizam informações sobre o ciclo da doença e pedem à mídia – jornais, rádios, TVs e sites de notícias – que ajude na divulgação correta dos dados Representantes da comunidade científica brasileira, ligados à área da conservação dos primatas, expediram na quarta-feira (15) nota à imprensa alertando para um desastre ambiental “gravíssimo” que ocorre neste momento: a mortandade sem precedentes

Reduzir unidades de conservação e desproteger 1 milhão de hectares não é bom para o agronegócio

    Por André Guimarães e Paulo Moutinho* Parlamentares do Amazonas e seus convivas que desejam reduzir unidades de conservação criadas no ano passado na Amazônia impõem um risco considerável a um setor da economia que tanto defendem: o agronegócio. Eles pleiteiam que mais de 1 milhão de hectares sejam “desprotegidos”, pois atrapalhariam interesses econômicos, e o fazem de forma temerosa. Antes, deveriam escutar a ciência. A preservação florestal tem um papel fundamental no equilíbrio

Mato Grosso: PM prende oito pessoas e apreende contrabando de 2,8 toneladas de inseticida de uso ilegal

  O produto contrabandeado do Paraguai é de uso proibido e seria vendido em Mato Grosso Por Alecy Alves | Polícia Militar Em Nova Mutum (269 km de Cuiabá), uma operação que envolveu 10 policiais militares resultou na prisão de oito pessoas, apreensão de um caminhão com 2,8 toneladas de inseticida contrabandeados, além de R$ 8 mil, quatro carros e rádios transmissores. A ação aconteceu na noite desta terça-feira (14.02) e começou com a apuração de

FAO pede apoio para adaptação de pequenos agricultores à mudança climática

  Para chefe da agência da ONU, falta de ação imediata compromete futuro da produção de alimentos; José Graziano da Silva alerta para ameaça à Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável.   Por Laura Gelbert Delgado, da ONU News em Nova Iorque. Em Dubai, durante a Cúpula Mundial de Governos, o chefe da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, fez um alerta. Para José Graziano da Silva, não agir imediatamente para tornar os

Na Câmara, debatedores divergem sobre os números que embasam a reforma da Previdência

  Leonardo Prado/Câmara dos Deputados Novamente a questão dos números tomou conta de parte do debate na Comissão Especial da Reforma da Previdência nesta quinta-feira (16). Desta vez, os deputados discutiram o regime de previdência dos servidores públicos. No caso do regime dos servidores civis da União, a argumentação dos representantes dos servidores é a de que o problema já teria sido equacionado para o futuro com as últimas reformas feitas. Desde 2013,

TRABALHO ESCRAVO: Quatro trabalhadores são resgatados de fazenda no Mato Grosso do Sul

  Um idoso que trabalhava há 20 anos em situação degradante estava entre os resgatados     Quatro trabalhadores em condição análoga à escravidão foram resgatados de uma fazenda em Corumbá, no Mato Grosso do Sul. Um deles tem cerca de 70 anos (como ele não possui documentos, não soube precisar a idade) e vivia nessa situação há pelo menos 20 anos. A operação durou cinco dias, devido à dificuldade de acesso e deslocamento

Top