nº 2.348, 2015 [23/07/2015]

    Micro centrais elétricas a biogás, artigo de Roberto Naime As pororocas do rio Araguari no Amapá foram extintas pela mão do homem, artigo de Raimundo Nonato Brabo Alves Jesus de Nazaré e as CEBs: da Solidariedade à luta por Justiça. Por uma pedagogia emancipatória (1ª parte), artigo de Gilvander Luís Moreira E quando a crise hídrica/elétrica bate à porta? Mato Grosso lidera ranking anual de desmatamento na Amazônia Legal RJ: Justiça determina redução de emissão

Micro centrais elétricas a biogás, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Está sendo desenvolvida e aqui deve ser descrita, apresentada e saudada, a iniciativa, a criação de várias microcentrais termelétricas a biogás, gerado a partir de criação de animais, com a coleta com beneficiamento de esterco por digestão anaeróbica e posterior geração elétrica com possibilidade de conexão pela Companhia Paranaense de Energia (Copel) ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Este novo aproveitamento dado a subprodutos remanescentes em pequenas e médias propriedades rurais,

As pororocas do rio Araguari no Amapá foram extintas pela mão do homem, artigo de Raimundo Nonato Brabo Alves

    [EcoDebate] Lamentavelmente, estamos nos especializando na “façanha” de isolar nossos rios, que outrora desembocavam no mar As manchetes anunciam o fim do fenômeno da pororoca na foz do Rio Araguari. Pororoca é o fenômeno natural do encontro das águas oceânicas em nível mais elevado, com as correntes fluviais em menor nível de alguns rios que desembocam no mar. O termo pororoca tem origem na língua tupi poro’roca que significa estrondar. É a

Jesus de Nazaré e as CEBs: da Solidariedade à luta por Justiça. Por uma pedagogia emancipatória (1ª parte), artigo de Gilvander Luís Moreira

  Jesus de Nazaré e as CEBs: da Solidariedade à luta por Justiça. Por uma pedagogia emancipatória.1 (1ª parte). Gilvander Luís Moreira2 “O camponês de Nazaré, nessa luta nos reuniu. Vem conosco caminhar, pela Terra Livre Brasil...” (Hino do 3º Congresso da PJR) "Nada a temer senão o correr da luta / Nada a fazer senão esquecer o medo / Abrir o peito à força, numa procura / fugir às armadilhas da mata escura.”

E quando a crise hídrica/elétrica bate à porta?

    Mudança de hábitos pode ser a chave para afastar o fantasma do racionamento O brasileiro convive mais uma vez com a necessidade de economia de recursos básicos, como água e luz. O aumento das tarifas de energia elétrica e a falta d’água em pontos variados do país são sinais de que algumas (ou muitas) coisas não vão bem. Um exemplo claro é a recente implementação das bandeiras tarifárias, que indicam ao

Mato Grosso lidera ranking anual de desmatamento na Amazônia Legal

desmatamento

  Por Daniela Torezzan/ICV O calendário anual de medição do desmatamento, que começou em agosto de 2014 e termina em julho de 2015, está praticamente fechado e Mato Grosso se consolida como o estado com os maiores índices de corte raso da floresta amazônica. Nos 11 meses correspondentes a esse calendário (agosto de 2014 a junho de 2015) foram registrados 943 quilômetros quadrados de desmatamento, uma alta de 149% se comparado ao

RJ: Justiça determina redução de emissão de materiais particulados pela CSN

  CSN. Foto: Diário do Vale   Decisão atende pedido do MPF e reconhece que a atividade da siderúrgica vem causando violações aos limites de emissão vigentes Após ação civil pública do Ministério Público Federal (MPF) em Volta Redonda (RJ), a Justiça Federal de Volta Redonda determinou à Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) que reduza, no prazo de 30 dias, a emissão de material particulado nas unidades de sinterização aos limites estabelecidos pela Resolução Conama

Primeiro semestre de 2015 bate recorde como mais quente para o período desde 1880

    O primeiro semestre de 2015 é o mais quente da história para o período desde que os dados sobre a temperatura global começaram a ser coletados, em 1880. As temperaturas medidas nos meses de março, maio e junho deste ano bateram recorde como as mais quentes, se comparadas às dos anos anteriores. Entre os meses de janeiro e junho, a média das temperaturas continental e oceânica estava em 0.85° Celsius acima

A interdisciplinaridade das mudanças climáticas. Entrevista com Tercio Ambrizzi

  “Mais que multidisciplinar, as mudanças climáticas são interdisciplinares. Por exemplo, um aumento de temperatura tem impactos na saúde, na produção agrícola, na economia, etc. Note que tudo está inter-relacionado e devemos tratar este tema de forma conjunta e não isoladamente”, afirma o pesquisador. Foto: educador.brasilescola.com  Um dos pontos mais elogiados, tratado como grande avanço da Encíclica Laudato Si’, é a abordagem ampla que é dada ao tema do meio ambiente. Dentro do

Pesquisa sobre os resíduos sólidos, coleta seletiva, responsabilidade compartilhada e educação ambiental

interesse público

    A ampliação pelo Senado brasileiro das datas para que os municípios do país implantem as diretrizes da Política Nacional de Resíduos Sólidos - PNRS, modificando o artigo 54 da Lei 12.305/2010 e postergando até 2021 a eliminação dos lixões, desestimula as políticas públicas atualmente operacionais ou em construção para a implantação de projetos de coleta seletiva, responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos e suas embalagens, desenvolvimento da educação

Top