Portal EcoDebate: Índice da edição nº 2.122, de 25/07/2014

    'TechNo Fix': por que a tecnologia (sozinha) não é capaz de salvar o meio ambiente? artigo de José Eustáquio Diniz Alves Pernambuco e os conflitos socioambientais, artigo de Heitor Scalambrini Costa Ibama flagra novos desmatamentos em áreas de mata atlântica no Rio Grande do Sul PA: Serrarias em terra indígena são fechadas em operação conjunta do MPF, PF e Ibama Terras indígenas brasileiras são exemplo no combate a mudanças climáticas Acordo para pecuária sustentável é

‘TechNo Fix’: por que a tecnologia (sozinha) não é capaz de salvar o meio ambiente? artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  A ecologia não é apenas a preocupação com as energias renováveis. Ela propõe também mudança de mentalidade, de vida”. Edgar Morin (FSP, 29/07/2011) [EcoDebate] Estamos em uma sociedade tecnofílica. A tecnologia dita o ritmo de vida das pessoas dentro de casa, no transporte, no trabalho, no lazer, etc. Nos últimos 200 anos - um mero pontinho na escala de tempo geológico - o mundo testemunhou um crescimento econômico exponencial e incríveis avanços

Pernambuco e os conflitos socioambientais, artigo de Heitor Scalambrini Costa

    [EcoDebate] Em Pernambuco, o mais mesquinho dos egoísmos é como o governo tem tratado mal a questão ambiental e descuidado da qualidade de vida de sua população, pois não protege a natureza e nem respeita as pessoas. Aqui impera o racismo ambiental. O crédito público associado às isenções e aos incentivos fiscais e financeiros são armas poderosas que poderiam ser usadas para induzir um novo tipo de comportamento, exigindo integral e

Ibama flagra novos desmatamentos em áreas de mata atlântica no Rio Grande do Sul

  A fiscalização do Ibama em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, realizou a 2ª etapa da Operação Mata Viva na mata atlântica, nos municípios de Agudo, Paraíso do Sul, Nova Palma e Candelária, durante o período de 14 a 18 de julho. Foram lavradas 15 autuações por infrações ambientais, das quais, 14 foram por destruição da vegetação natural em área de mata atlântica e uma por extração mineral não

PA: Serrarias em terra indígena são fechadas em operação conjunta do MPF, PF e Ibama

  Madeira ilegal apreendida. Foto de arquivo   Denúncias de indígenas resultaram no fechamento das empresas Em uma operação realizada pelo Ministério Público Federal no Pará (MPF/PA), Polícia Federal (PF), Polícia Militar, Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) nesta quarta-feira, 23 de julho, duas serrarias foram fechadas e 900 metros cúbicos de madeira foram apreendidos em Nova Esperança do Piriá, no nordeste Pará. A

Terras indígenas brasileiras são exemplo no combate a mudanças climáticas

    “Fortalecer os direitos florestais comunitários é uma estratégia essencial para reduzir bilhões de toneladas de emissões de carbono, sendo uma maneira efetiva para os governos cumprirem com as metas climáticas, proteger as florestas e proteger a subsistência de seus cidadãos.” Esse é o resultado de um estudo publicado pelo World Resources Institue (WRI) em parceria com o Rights and Resources Initiative (RRI), que coloca gestão das terras indígenas brasileiras como

Acordo para pecuária sustentável é assinado entre MPF e exportadores de carne

    Objetivo é evitar compra de carne bovina de áreas desmatadas A carne brasileira tem, a partir de ontem (24), um importante reforço para aumentar sua aceitação no mercado internacional. Por meio de um acordo de cooperação técnica firmado entre o Ministério Público Federal (MPF) e a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), estão sendo criados sistemas e práticas que tornarão mais difícil a comercialização de carne proveniente de áreas

Rio: Feira da Reforma Agrária leva alimentos saudáveis do campo para a cidade

  O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) realiza, no Largo da Carioca, a 5ª Feira Estadual da Reforma Agrária. Fotos: Cícero Guedes e Tânia Rêgo/Agência Brasil  O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) promove, desde ontem (24), a 5ª Feira Estadual da Reforma Agrária Cícero Guedes, no Largo da Carioca, centro da capital fluminense. O objetivo é mostrar ao consumidor o que é produzido nas áreas de assentamento e

Brasil tem ‘boom’ de energia eólica, a menos poluente

  Parque eólico Alegria, atualmente em construção no município de Guamaré, no estado do Rio Grande do Norte. parqueeolicoalegria.com.br Lúcia Müzell Bons ventos para a economia, mas também para a diminuição da poluição no Brasil. O grupo espanhol Gamesa, líder mundial em turbinas eólicas, anunciou ter fechado dois contratos com o governo da Bahia para a produção de 214 megawatts de energia. O setor tem registrado uma expansão vertiginosa no país, que busca diversificar

M.Officer pode ser banida do mercado por uso de trabalho análogo à escravidão

    A marca M.Officer pode ser banida do mercado brasileiro a pedido do Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT/SP) em razão do uso de trabalho análogo à escravidão na cadeia produtiva da empresa M5 Indústria e Comércio, detentora da grife.   Uma ação civil pública, ajuizada no último dia 15, exige o pagamento de indenização de R$ 10 milhões e a aplicação da Lei Paulista de Combate à Escravidão. A lei,

MPF/SP denuncia empresário de Campinas por trabalho escravo

    Neri Paulo Rockenbach é acusado de aliciar trabalhadores no Maranhão. Vítimas viviam em alojamentos precários e tinham direitos trabalhistas fraudados O Ministério Público Federal em Campinas (MPF/SP) denunciou o engenheiro Neri Paulo Rockenbach por manter trabalhadores em condição análoga à de escravos em sua empresa, a Rockenbach Tecnologia em Pré-Moldados Ltda.. O crime foi cometido de 2005 a 2012. O denunciado aliciava trabalhadores com baixo nível de instrução escolar em cidades

Estudo identifica fatores da má gestão de recursos da saúde repassados pela União aos municípios

  Má gestão de recursos da saúde municipal gera desperdícios   Má administração, não pagamento de tributos pelo município, fraca fiscalização do Conselho Municipal de Saúde e processo licitatório irregular são alguns dos principais fatores que geram ineficiência (desperdício passivo) relacionada à aplicação de recursos da saúde repassados pela União aos municípios. A conclusão é do estudo Fatores Associados ao Desperdício de Recursos da Saúde Repassados pela União aos Municípios Auditados pela Controladoria

Top