Estudo mostra que redução de insetos polinizadores ameaça cultivos do mundo

 

abelha

 

A diminuição da população de insetos polinizadores silvestres, devido à perda de seu hábitat pelo aquecimento global ameaça a produção agrícola mundial, advertiu esta quinta-feira um estudo [Wild Pollinators Enhance Fruit Set of Crops Regardless of Honey Bee Abundance] internacional publicado nos Estados Unidos. Matéria da AFP, no UOL Notícias, com informações adicionais do EcoDebate.

Os 50 cientistas que participaram do trabalho analisaram dados provenientes de 600 campos de cultivos de frutas, café ou diferentes tipos de frutas secas em 20 países.

Eles comprovaram que as abelhas domésticas não são polinizadoras tão eficazes quanto outros insetos na natureza, sobretudo como as abelhas silvestres.

A queda contínua no número destes insetos desperta o temor de consequências nefastas para as colheitas e torna necessário manter e gerir a diversidade destes polinizadores para aumentar a produção agrícola a longo prazo, insistem os autores em um estudo publicado na edição desta quinta-feira da revista científica Science.

“Nosso estudo demonstra que a produção de um grande número de frutas e de grãos que permitem a variedade da alimentação está limitado porque suas flores não são suficientemente polinizadas”, afirmou Lawrence Harder, professor de biologia da Universidade de Calgary, no Canadá, um dos co-autores do estudo.

“Observamos que o fato de trazer mais abelhas domésticas a estas zonas de cultivo não era suficiente para solucionar o problema, que requer um crescimento no número de insetos polinizadores silvestres”, acrescentou.

As flores da maior parte dos cultivos devem receber o pólen antes de produzir grãos e frutos, um processo amplificado pelo trabalho dos insetos.

Estes polinizadores silvestres, como as abelhas, as moscas e os besouros, vivem geralmente em hábitats naturais ou seminaturais, como florestas, cercas vivas ou pradarias que são cada vez menos habituais, devido à sua conversão em terrenos agrícolas.

“Paradoxalmente a maior parte dos enfoques para aumentar a eficácia da agricultura como o cultivo de todas as terras disponíveis e o uso de pesticidas, reduz a abundância e a variedade de insetos polinizadores que poderiam aumentar a produção destes cultivos”, explica o biólogo.

Os autores deste estudo destacam a importância de por em andamento novas tentativas de integrar a gestão das abelhas domésticas e os polinizadores silvestres com uma maior preservação de seu hábitat.

Destacam, ainda, que o rendimento agrícola mundial seria aumentado, permitindo aumentar a produção agrícola a longo prazo.

Wild Pollinators Enhance Fruit Set of Crops Regardless of Honey Bee Abundance

Published Online February 28 2013
Science DOI: 10.1126/science.1230200

Nota do EcoDebate: O desaparecimento das abelhas está bem documentado e para fins de informação e para consolidar as consultas e pesquisas apresentamos o que publicamos, entre 16/8/2008 e 22/10/2012, sobre o desaparecimento das abelhas e a consequente ameaça à produção de alimentos.

Morte de abelhas no Reino Unido ameaça a polinização de frutas e vegetais

Publicado em agosto 16, 2008

Agrotóxico que combate praga da laranja está dizimando abelhas no interior de São Paulo

Publicado em agosto 20, 2008

Agência de Proteção Ambiental dos EUA é acusada de ocultar informações da toxidade de pesticidas nas abelhas

Publicado em agosto 26, 2008

Alemanha: Pesticidas da Bayer são acusados da morte em massa de abelhas

Publicado em agosto 29, 2008

Alemanha proíbe oito pesticidas neonicotinóides em razão da morte maciça de abelhas

Publicado em agosto 30, 2008

Agrotóxicos matam abelhas e envenenam nossa alimentação

Publicado em setembro 1, 2008

neonicotinóides: Agrotóxico vendido no Brasil pode levar à contaminação do mel

Publicado em setembro 2, 2008

Interesse político não deixa que mortes de abelhas sejam esclarecidas, afirma agrônomo gaúcho

Publicado em setembro 12, 2008

Valor econômico dos serviços dos insetos polinizadores é estimado em R$ 395 bilhões (153 bilhões de euros)

Publicado em setembro 16, 2008

Itália proibe agrotóxicos neonicotinóides associados à morte de abelhas

Publicado em setembro 22, 2008

Associação inglesa apela pela proibição de pesticidas neonicotinóides para evitar a morte de abelhas

Publicado em outubro 1, 2008

Abelhas produtoras de alimentos em perigo de extinção/Abejas, productoras de alimentos en peligro de extinción en el mundo, artigo de María Isabel Cárcamo

Publicado em outubro 6, 2008

Reino Unido: morte de 2 bilhões de abelhas custará £54 milhões em perdas na economia

Publicado em novembro 7, 2008

A poluição atmosférica pode ser um dos responsáveis pelo colapso das populações de abelhas

Publicado em novembro 18, 2008

Estudo sobre a desordem de colapso das colônias(Colony Collapse Disorder, CCD): ‘A Survey of Honey Bee Colony Losses in the U.S., Fall 2007 to Spring 2008′

Publicado em janeiro 15, 2009

Culturas geneticamente modificadas ligadas à desordem de colapso das colônias (CCD), por Henrique Cortez

Publicado em janeiro 15, 2009

Cai número de colônias de abelhas em toda a Europa, por Henrique Cortez

Publicado em fevereiro 1, 2010

Diminuição dos enxames de abelhas preocupa cientistas e coloca o futuro da humanidade sob ameaça

Publicado em março 11, 2010

Abelhas do mundo em risco de morte

Publicado em dezembro 23, 2010

Pesticidas exterminam as abelhas. Desaparecimento ameaça a produção agrícola do planeta

Publicado em janeiro 24, 2011

Alerta: plantas tóxicas para abelhas

Publicado em janeiro 24, 2011

ONU alerta para a redução da população mundial de abelhas

Publicado em março 11, 2011

Um mundo sem abelhas, artigo de Efraim Rodrigues

Publicado em março 14, 2011

As abelhas sumiram! Entrevista com Afonso Inácio Orth

Publicado em abril 27, 2011

Pollinators make critical contribution to healthy diets

Publicado em junho 25, 2011

A polinização e a agricultura sustentável, artigo de Valdir Lamim-Guedes

Publicado em setembro 1, 2011

Polen transgénico y abejas, mundos incompatibles, por Julia Jara

Publicado em outubro 24, 2011

As asas dos alimentos: Abelhas ganham valor na produção agrícola

Publicado em novembro 8, 2011

agrotóxicos neonicotinóides: A Bayer continua matando abelhas em todo o planeta

Publicado em janeiro 16, 2012

Pesquisa revela que abelhas são bioindicadoras de poluição ambiental

Publicado em março 20, 2012

Pesticides & Bees: Low doses of insecticides can lead to fewer queens, shrinking colonies

Publicado em março 30, 2012

Inseticidas seriam responsáveis por morte em massa de abelhas, apontam estudos

Publicado em abril 3, 2012

Desaparecen las Abejas. Humanos en peligro

Publicado em abril 24, 2012

Ibama inicia processo de reavaliação de agrotóxicos associados a efeitos nocivos às abelhas

Publicado em julho 23, 2012 por HC

Contribuição dos agentes polinizadores para a biodiversidade e a agricultura

Publicado em julho 25, 2012

Ibama reavalia uso de quatro tipos de agrotóxico e sua relação com o desaparecimento de abelhas no país

Publicado em julho 26, 2012

Publicação do Ibama aponta efeitos dos agrotóxicos sobre as abelhas silvestres no Brasil

Publicado em outubro 4, 2012

Pesticidas comuns diminuem sucesso de alimentação e ameaçam sobrevivência das abelhas

Publicado em outubro 22, 2012

EcoDebate, 01/03/2013


[ O conteúdo do EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao EcoDebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Alexa

Um comentário em “Estudo mostra que redução de insetos polinizadores ameaça cultivos do mundo

  1. A diminuição da população de insetos polinizadores silvestres ocorre devido à perda de seu habitat pelo aquecimento global e pela devastação ambiental.

Comentários encerrados.

Top