[Áudio] Mulher negra é duplamente discriminada no trabalho

 

Áudio

A pior forma de discriminação no mercado de trabalho é sofrida pela negra. Além de ser mulher, ela recebe, segundo o Dieese, até três vezes menos do que o homem não-negro. Em seu dia, 25 de julho, a mulher afro-latino-americana e caribenha enfrenta dificuldade no acesso ao ensino. Uma a cada quatro adolescentes negras não trabalha ou estuda, de acordo com a OIT.

Apresentação Eduardo Mamcasz, da Radioagência Nacional / ABR

EcoDebate, 26/07/2012

[ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Alexa

Top