Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.468, de 11/11/2011

  Humildade e coragem, artigo de artigo de Montserrat Martins O outro, artigo de Efraim Rodrigues A Internacionalização da Amazônia: Meio Ambiente, Soberania e Cidadania, artigo de Sulema Mendes de Budin Relatório mostra jovens brasileiros sem trabalho e com poucos anos de estudo, por Raquel Júnia Ministério Público do Trabalho (MPT) convoca a marca de roupas Zara para assinar acordo sobre trabalho escravo Grifes são responsáveis por trabalho escravo em confecções,

Humildade e coragem, artigo de artigo de Montserrat Martins

  [EcoDebate] Eu não lembro, sinceramente, de discurso presidencial admitindo que algo não está bem e precisa melhorar. O discurso da Presidenta falando em “humildade e coragem” foi algo novo, para quem costuma prestar atenção nessas falas. Certo, o ceticismo nos lembra que são apenas palavras, mas isso não é pouca coisa, reflete um estágio de consciência e de civilidade. No caso, foi empregado em um discurso sobre saúde. Mas a

O outro, artigo de Efraim Rodrigues

  [EcoDebate] Onde você estava ontem de manhã ? Enquanto escrevo sua coluna da sexta, para mim ainda é quinta de manhã. Um dia daqueles que a gente se lembra para sempre. Chova ou faça sol, colunistas têm que ter sua coluna pronta no prazo. Chamam deadline porque é a linha que voce morre se cruzá-la. Nesta quinta de manhã estou em um hospital aguardando um serzinho de oito meses fazer uma cirurgia

A Internacionalização da Amazônia: Meio Ambiente, Soberania e Cidadania, artigo de Sulema Mendes de Budin

  [EcoDebate] Em apenas um ano, desde o envio do PL 4776/05 para a Câmara dos Deputados, em fevereiro de 2005, a nomeação de Comissão Especial e a recomendação de “urgência”, a aprovação final pelo Senado e a publicação no Diário Oficial da União, no dia 30 de março de 2006, da Lei Ordinária 11.284/06, ficou instituída a legalização do loteamento das florestas públicas brasileiras, sob o título de “concessão para

Relatório mostra jovens brasileiros sem trabalho e com poucos anos de estudo, por Raquel Júnia

  Anuário do Ministério do Trabalho e Emprego e do Dieese mostra que em algumas regiões taxa de desemprego da juventude chega a 27,5%. Indicadores revelam ainda desigualdades no acesso à educação.   Se você está na faixa etária de 16 a 29 anos, cursa ou já terminou o ensino superior, tem um trabalho com carteira assinada e ganha mais de dois salários mínimos, saiba que você faz parte de uma porcentagem muito

Ministério Público do Trabalho (MPT) convoca a marca de roupas Zara para assinar acordo sobre trabalho escravo

  O Ministério Público do Trabalho (MPT) notificou a marca de roupas Zara para comparecer a uma audiência no próximo dia 18 para assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). O acordo busca regularizar a cadeia produtiva da grife espanhola e reparar os danos causados aos trabalhadores flagrados em regime de trabalho semelhante ao escravo em São Paulo. Em junho, as investigações do MPT e dos fiscais do Ministério do Trabalho

Grifes são responsáveis por trabalho escravo em confecções, diz procuradora

  Reinaldo Ferrigno Fabíola Zani: as grifes são responsáveis pelo trabalho escravo terceirizado.   A procuradora do Ministério Público do Trabalho de Campinas (SP) Fabíola Junges Zani afirmou nesta quarta-feira que os trabalhadores bolivianos que atuam nas oficinas de confecção, em São Paulo, são submetidos a trabalho escravo por uma cadeia produtiva, que tem no topo, muitas vezes, marcas de grife. Segundo ela, quem deve ser responsabilizado por este crime é o beneficiário final,

Governo faz mais concessões e ruralistas ampliam anistia a desmatamento em texto do Código Florestal

  Emenda aprovada e compromisso de relatores abrem caminho para mais anistias. Ruralistas quebram acordo feito com ministros do Meio Ambiente e da Agricultura. MMA avalia tramitação de projeto como “positiva” A bancada ruralista conseguiu incorporar novos retrocessos ao texto da reforma do Código Florestal no Senado. De quebra, impediu avanços mínimos ao descumprir um acordo em que o governo já fazia concessões, ampliando a possibilidade de anista a desmatamentos ilegais. Os defensores

Emenda sobre a Reserva Legal no Código Florestal permite apenas uma coisa: mais desmatamento

  Dentre os tantos problemas apresentados pelo novo Código Florestal em análise no Senado Federal, a questão referente à Reserva Legal (RL) é apontada por muitos como um problema demasiadamente grande, pelo fato de abranger três questões centrais que englobam tanto a questão ambiental quanto a social. A primeira delas trata-se da não obrigação de preservar uma quantidade de mata nativa nas propriedades referente ao bioma onde está inserida – algo existente

Agrotóxicos são a segunda maior fonte de contaminação da água

  O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou no último dia 19 de outubro, um estudo sobre o saneamento básico no país. Nele, um fato soa um tanto quanto curioso: constata que os resíduos de agrotóxicos são a segunda principal fonte de contaminação das águas brasileiras, atrás apenas do esgoto sanitário. A análise apresenta ainda que, com 6,24%, os agrotóxicos ficaram a frente dos despejos industriais e da atividade mineradora

COP17 e os desafios do acordo climático global

  Às vésperas da COP17, que acontece a partir de 28/11 na África do Sul, o pesquisador do Ipea Ronaldo Seroa da Motta explica por que os países têm tanta dificuldade em cooperar internacionalmente e fechar um acordo climático global, se todos já estão cientes de que sofrerão consequências, caso o mundo não reduza em 80% suas emissões de GEE até 2050. Ele falou sobre o tema em encontro promovido, ontem,

Os refugiados climáticos e o paradoxo da imobilidade. Entrevista com Márcia Castro

  Ainda não existe um status legal de refugiado climático, mas fenômenos extremos como secas e tempestades estão potencializando o deslocamento populacional interno em diversas regiões do mundo. No Brasil, o deslocamento de populações provavelmente ocorrerá “intra e entre regiões. As regiões Sul e Sudeste, por exemplo, também podem sofrer impactos em função de aumento do nível do mar, tempestades e enchentes, dentre outros”, esclarece Márcia Castro, professora de Demografia na

Top