Índice da edição nº 2.627, 2016 [11/10/2016]

    Mal de Parkison e agrotóxicos, artigo de Roberto Naime Uso e ocupação racional das área de recarga de aquíferos sedimentares: subsídio aos estudos de reavaliação do Código Florestal Brasileiro, artigo de Marco Antonio Ferreira Gomes Seria o Deutsche Bank o estopim para mais uma crise financeira mundial? por Ranulfo Paiva Sobrinho e Junior Ruiz Garcia Mudanças no uso da terra afetam a biodiversidade e o solo, afirma estudo Cientista alerta

Mal de Parkison e agrotóxicos, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Segundo um estudo publicado no “American Journal of Epidemiology”, a exposição crônica combinada aos pesticidas “maneb” (fungicida) e “paraquat” (herbicida), aumentou em até 75% o risco de desenvolver Doença de Parkinson, em residentes da região agrícola do Central Valley, na Califórnia. A exposição na infância aumentou de 4 a 6 vezes o risco de desenvolver a doença na vida adulta. A Doença de Parkinson é uma doença degenerativa do sistema nervoso

Uso e ocupação racional das área de recarga de aquíferos sedimentares: subsídio aos estudos de reavaliação do Código Florestal Brasileiro, artigo de Marco Antonio Ferreira Gomes

USO E OCUPAÇÃO RACIONAL DAS ÁREAS DE RECARGA DE AQUÍFEROS SEDIMENTARES: SUBSÍDIO AOS ESTUDOS DE REAVALIAÇÃO DO CÓDIGO FLORESTAL BRASILEIRO Marco Antonio Ferreira Gomes1 Introdução O uso e ocupação de áreas pela agricultura brasileira normalmente não obedece critérios que levem em consideração a capacidade de uso dos solos, como também aspectos relacionados ao relevo, contrariando assim algumas premissas básicas da sustentabilidade dos sistemas de produção. Áreas consideradas frágeis, como as aquelas de recarga direta ou de

Seria o Deutsche Bank o estopim para mais uma crise financeira mundial? por Ranulfo Paiva Sobrinho e Junior Ruiz Garcia

  [EcoDebate] Estamos próximos a mais um desdobramento da crise financeira mundial iniciada em 2007. Desta vez, um dos potenciais estopins é o banco europeu, Deutsche Bank (Banco Alemão). A instituição financeira está sob o foco de atenção do Fundo Monetário Internacional (FMI) que declarou em seu relatório, em junho de 2016, que o Deutsche Bank pode ser um forte desencadeador de riscos sistêmicos, devido à sua alta exposição a derivativos

Mudanças no uso da terra afetam a biodiversidade e o solo, afirma estudo

    Cerca de 90% da macrofauna do solo desapareceu na transformação de floresta em pastagens e depois em canaviais Por Peter Moon, da Agência FAPESP Pesquisa realizada no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena) da Universidade de São Paulo, em Piracicaba, acaba de mensurar o impacto da transformação de áreas de floresta em pastagens e de pastagens em canaviais sobre a biodiversidade do solo. A conclusão é que esse impacto é devastador sobre a

Cientista alerta para perigo de savanização da Amazônia

  Acordo de Paris ainda é pouco para combater o aquecimento global, que pode trazer como pior cenário para o País a modificação do ecossistema amazônico Da Rádio USP   Ouça a entrevista do professor José Goldemberg à repórter Silvana Pires:   O aquecimento global e as consequentes mudanças climáticas são um risco muito grande para o homem. No entanto, as pessoas parecem não se dar conta disso. O Protocolo de Kyoto foi ignorado por muitos

Pescadores alertam contra pesca e venda ilegal do pirarucu no Médio Solimões

   A redução do estoque de pirarucu no Amazonas fez o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) proibir, há cerca de 20 anos, a pesca e a comercialização da espécie no estado. A única exceção é a venda de peixes provenientes do manejo e da piscicultura, que é a criação em viveiros. O Instituto Mamirauá ressalta, porém, que a venda irregular persiste, apesar da restrição, principalmente, na

Pesquisador alerta para riscos ambientais da colheita indiscriminada de sempre-vivas

  Parques Estadual do Rio Preto e Nacional das Sempre Vivas na região de Diamantina, correm risco de terem suas áreas reduzidas     Novos traços sobre a discussão sobre possíveis direitos de comunidades quilombolas em áreas do Parque Nacional das Sempre Vivas e do Parque Estadual do Rio Preto localizados na região de Diamantina foram acrescentados pelo biólogo e pesquisador Lúcio Bedê, em palestra realizada por solicitação da Amda. O assunto gira em

Top