Portal EcoDebate: Índice da edição nº 1.599, de 25/05/2012

  A decolagem do desenvolvimento econômico e seus impactos ambientais, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Uso de leds na iluminação pública, artigo de Heitor Scalambrini Costa e Silvio Diniz Lixo no Paraíso, artigo de Fernando M. Resende e Geraldo Wilson Fernandes Vetos ao Código Florestal serão apresentados às 14h, em entrevista coletiva Xingu+23: em Belo Monte, atingidos realizam encontro paralelo à Rio+20 Ibama impede o que poderia ser o maior

A decolagem do desenvolvimento econômico e seus impactos ambientais, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

  [EcoDebate] Durante milhares de anos o ser humano foi dominado pela natureza e estava sujeito às intempéries do clima e das forças naturais. Porém, o jogo se inverteu após a Revolução Industrial e o início do uso das fontes fósseis de energia em substituição à força humana e animal no processo de produção. O uso de carvão mineral, petróleo e gás acelerou o crescimento econômico, mas também aumentou a emissão de

Uso de leds na iluminação pública, artigo de Heitor Scalambrini Costa e Silvio Diniz

  [EcoDebate] O Brasil continua atrasado em relação a outros paises no que se refere à implementação de políticas públicas na área da conservação e eficiência energética. Verificam-se perdas importantes na transmissão elétrica, relatadas por comissão especial do Tribunal de Contas da União (TCU), da ordem de 17% (enquanto na Europa e USA este valor é em torno de 5%); com o uso ineficiente dos chuveiros elétricos (atendem mais de 80%

Lixo no Paraíso, artigo de Fernando M. Resende e Geraldo Wilson Fernandes

  O cidadão que passa por Santana do Riacho, um dos municípios integrantes da Serra do Cipó, fica impressionado com o crescimento da degradação ambiental. Empreendimentos imobiliários se expandem sobre ecossistemas naturais; rodovias mal planejadas cortam as serras; espécies de plantas exóticas se espalham; incêndios criminosos continuam a arder e a matar. Agora mais um! Os resíduos sólidos produzidos em Santana do Riacho são despejados diretamente no solo, sem qualquer medida de

Vetos ao Código Florestal serão apresentados às 14h, em entrevista coletiva

  Brasília - Estudantes fazem manifestação em frente ao Palácio do Planalto pedindo o veto da presidenta Dilma Rousseff ao texto do Novo Código Florestal. Foto de Valter Campanato/ABr A presidenta Dilma Rousseff vai se reunir hoje (25) com os líderes do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), e no Congresso, senador José Pimentel (PT-CE), para apresentar a decisão sobre os vetos ao Código Florestal, antes do

Xingu+23: em Belo Monte, atingidos realizam encontro paralelo à Rio+20

  Evento de 13 a 17.06 deve reunir cerca de 400 pessoas para protestar contra o projeto de Belo Monte no período em que o mundo debate a crise ambiental planetária no Rio de Janeiro Enquanto o Rio de Janeiro recebe algumas das mais poderosas figuras da política e da economia globais em uma nova cúpula sobre sustentabilidade – a Rio +20 -, o Rio Xingu será palco de um novo levante

Ibama impede o que poderia ser o maior desmatamento deste ano em Mato Grosso

Atendendo a uma Detecção em Tempo Real (Deter) de desmatamento emitida por satélite, equipes de agentes ambientais federais do Ibama deslocaram-se para Feliz Natal, município que compõe o eixo da Gerência Executiva do Ibama em Sinop, região norte de Mato Grosso. O serviço de inteligência havia levantado informações de que no local seriam devastados mil hectares de floresta. Diante da informação, foi montada uma operação que mobilizou agentes por terra

MPF/MS constata devastação ambiental em terra indígena ocupada por fazendeiros

Corte de espécies protegidas por lei e desmatamento em grandes proporções foram descobertos após retomada da área por indígenas kadiwéu A ocupação irregular de 155 mil hectares da Terra Indígena Kadiwéu por fazendeiros, em Mato Grosso do Sul, deixou um rastro de destruição ambiental, constatada pelo Ministério Público Federal (MPF) em vistoria realizada de 14 a 16 de maio. O MPF constatou in loco corte seletivo de árvores nativas e desmatamento

Justiça acolhe pedido do MPF e permite acesso irrestrito de órgãos públicos a acampamento de índios isolados em fazenda

  O Ministério Público Federal (MPF) em Mato Grosso do Sul (MS), em ação civil pública protocolada na Justiça Federal de Ponta Porã, garantiu o acesso regular de órgãos públicos ao interior da Fazenda São Luiz, em Paranhos (MS), para prestar atendimento básico aos indígenas. Desde agosto de 2010, um grupo guarani-kaiowá está acampado em área de reserva legal da propriedade. “A decisão judicial é de suma importância, pois não mais restringe

Mensagem-Carta do Povo Munduruku: Uma mensagem da Amazônia ao Mundo

  100 ANOS NA ESPERANÇA Uma mensagem da Amazônia ao Mundo Celebrando com alegria e esperança do Centenário da Missão São Francisco do Rio Cururu, nós – povo da nação munduruku, vindo de dezenas de aldeias da Mundurukânia, capitães, missionários/as religiosos/as e leigos, congregando nestes dias festivos mais de 1000 pessoas – dirigimos a seguinte mensagem à sociedade brasileira e a todas as pessoas defensoras da vida no planeta Terra. Há centenas de

Em São Paulo, manifestantes protestam contra trabalho escravo em frente à loja Gregory

  Com correntes penduradas no pescoço e muitas bandeiras da União Geral dos Trabalhadores (UGT), manifestantes fizeram, no início da tarde de ontem (24), um protesto em frente à loja Gregory, localizada na Avenida Henrique Schaumann, em Pinheiros, zona oeste da capital. A motivação do protesto, segundo os manifestantes, é porque, recentemente, foi divulgado que a grife de roupas femininas está sendo investigada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) por ter contratado

Construções sustentáveis devem reunir preocupações sociais, econômicas e ambientais

  O coordenador do curso de graduação de arquitetura e urbanismo da Pontifícia Universidade Católica do Rio (PUC-RJ), Fernando Betim, disse que as construções sustentáveis envolvem um conjunto de ações que devem combinar preocupações sociais, ambientais e econômicas. “Quando nos propomos a construir algo, devemos, já na escolha dos materiais e processos a serem implementados, conhecer o percurso de cada elemento que será utilizado em sua fabricação, no seu transporte, no seu

Top