Pós Rio+20 sociedade civil promete assumir as rédeas de ações ambientais

  Charge por Jarbas para o DP Net, no Humor Político – http://www.humorpolitico.com.br Insatisfeitas com resultados da conferência, organizações anunciam união em um movimento global. Ministério do Meio Ambiente diz que o Brasil doará US$ 16 milhões para reforçar fundo e programa da ONU. A Rio+20 terminou como um diálogo de surdos, em que os governos de 193 países reunidos no Rio de Janeiro pareceram não ouvir os apelos de milhares de organizações

Rio+20: As delícias da crítica fácil ou manifesto da contra-indignação, artigo de Álvaro Rodrigues dos Santos

  "A melhor maneira que a gente tem de tornar possível amanhã alguma coisa que não é possível de ser feita hoje, é fazer hoje aquilo que hoje pode ser feito. Mas se eu não fizer hoje o que hoje pode ser feito e tentar fazer hoje o que hoje não pode ser feito, dificilmente eu farei amanhã o que hoje também não pude fazer...". (Paulo Freire) [EcoDebate] Graças aos deuses e

Rio+20: ‘A grande derrota é a impotência da ONU para enfrentar problemas’. Entrevista com Liszt Vieira

  A governança global, um dos temas centrais da Rio+20, estava “posta na mesa e nem se quer foi discutida”, critica o ambientalista. Confira a entrevista. “De antemão, já se sabia que a conferência poderia ser considerada um sucesso diplomático, mas um fracasso ambiental”. É com essa declaração que Liszt Vieira diz ter confirmado sua expectativa em relação a Rio+20: “um fracasso anunciado”. Na avaliação do sociólogo, a presença dos chefes de Estado

A Rio+20 e a cartinha ao Papai Noel, por Henrique Cortez

  Para ouvir a versão em áudio do editorial, com apresentação de Henrique Cortez, basta acionar o player abaixo: [powerpress] [EcoDebate] A Rio+20 não foi um fracasso pelo simples motivo que, de verdade, ninguém esperava que fosse um sucesso. Tolices e bravatas à parte, ela apenas reforçou as críticas que o modelo consensual da ONU é insuficiente para liderar as transformações que se fazem necessárias. No entanto, em paralelo ao evento diplomático, ocorreram significativos

Depois da Rio+20, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó)

  [EcoDebate] Como era esperado, a Rio+20 foi mais um espaço de debates, de elevação das questões cruciais da humanidade, que um ponto de soluções. A Cúpula dos povos, mesmo dentro de suas contradições, não deixou de expor a contradição maior de um modo de civilização vampiresco que, para sobreviver, tem que chupar o sangue dos pobres e a seiva da natureza. O mundo não começou e nem termina na Rio+20. Precisamos

A Rio+20 acabou; e agora?

  Charge por Pelicano, no Humor Político - http://www.humorpolitico.com.br Terminou na sexta-feira a Conferência da ONU para o Desenvolvimento Sustentável, conhecida como Rio+20, com um acordo que adia a implementação de muitas propostas voltadas para a proteção de recursos naturais ameaçados pela mudança climática e a globalização, o que deixou muitos participantes se perguntando: "E agora?". Cerca de 100 chefes de Estado e governo se reuniram nos últimos três dias no Rio para

Rio+20: O nonsense insustentável do Rio, artigo de Jagdish Bhagwati

  Charge por Jarbas para o DP Net, no Humor Político - http://www.humorpolitico.com.br [Valor Econômico] Se George Orwell estivesse vivo hoje, primeiro ficaria irritado e, depois, assombrado com a forma cínica como quase todo lobby com algum interesse a defender e dinheiro para queimar buscou amarrar-se ao atrativo termo "desenvolvimento sustentável". A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável Rio+20, na verdade, aborda os projetos favoritos de cada um dos envolvidos -

Rio+20 termina com um gemido

  Charge de Alecrim, no Humor Político http://www.humorpolitico.com.br A Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio +20) chega hoje ao fim. No total, mais de 100 chefes de Estado e dezenas de milhares de representantes de governos, de empresas e da sociedade civil se reuniram durante duas semanas para propor soluções ao desenvolvimento sustentável no Rio de Janeiro. A seguir uma declaração de Manish Bapna, presidente em exercício do World Resources Institute

Rio+20 ou Rio-20? artigo de Iara Pietricovsky

  Charge de Bruno, no Humor Político - http://www.humorpolitico.com.br O documento final da Rio+20 que será aprovado retrocedeu no direitos das mulheres, não resolveu o problema do financiamento ao desenvolvimento sustentável e muito menos os problemas diretamente relacionados à mudança climática, assim como, não solucionou o problema de transferência de tecnologia, direito a água, piso social básico, entre muitos dos temas fundamentais para que os direitos humanos sejam efetivados e os países

Rio+20: Representantes da sociedade civil se reúnem com secretário-geral da ONU e criticam documento final

  O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, se reúne com representantes da Cúpula dos Povos, e recebe documento preliminar com demandas das organizações da sociedade civil no evento paralelo à Conferência das Nações Unidas, Rio+20. Foto de Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr Representantes da sociedade civil se reuniram ontem (22) com o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, e disseram estar decepcionados com os resultados da Rio+20. Segundo Sharan Burrow, secretária-geral da International

Secretário-geral da Rio+20 diz que cumprimento de metas depende de responsabilidade com compromissos assumidos

  Sha Zukang, secretário-geral da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20. Foto: ONU Brasil Em sua última missão como representante da Organização das Nações Unidas (ONU), o chinês Sha Zukang, que ocupa o cargo de secretário-geral da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, cobrou ontem (22) responsabilidade dos empresários, sociedade civil e líderes dos 193 países que participam do evento. Zukang disse que, mesmo sob críticas, o documento final

Cúpula dos Povos apresenta documento final contrário ao texto da Rio+20

  Confira o oitavo boletim produzido pelas emissoras da Associação de Rádios Públicas do Brasil (Arpub) sobre a Rio+20 e a Cúpula dos Povos. Alagamentos nas tendas da Cúpula dos Povos atrapalham último dia de discussões. Representantes dos movimentos sociais se reúnem com o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e criticam o documento final da Rio+20. Para eles, falta cronograma, metas e compromissos dos governos. Apresentação Simone Bezerra, da Radioagência Nacional /

Cúpula dos Povos aponta fim da Rio+20 como início de mobilização mais ampla

  Movimentos sociais reforçaram articulação e promoveram diversos protestos, além de debates e oficinas que reuniram mais de 20 mil pessoas na Cúpula dos Povos. Lideranças negras, indígenas, camponesas e mulheres criticaram governos e apresentaram documento paralelo com caminhos alternativos para o debate ambiental. Eles querem mais compromisso da ONU e dos países com a agenda do meio ambiente. Apresentação de Isabela Vieira, da Radioagência Nacional / ABr [powerpress] EcoDebate, 23/06/2012 [ O conteúdo do

Declaração final da Cúpula dos Povos na Rio+20

  O documento final da Cúpula dos povos sintetiza os principais eixos discutidos durante as plenárias e assembléias, assim como expressam as intensas mobilizações ocorridas durante esse período – de 15 a 22 de junho – que apontam as convergências em torno das causas estruturais e das falsas soluções, das soluções dos povos frente às crises, assim como os principais eixos de luta para o próximo período. As sínteses aprovadas nas plenárias integram e

Tika Moreno, articuladora da Cúpula dos Povos, afirma que resoluções da Rio+20 não solucionam crise climática

  Entrevista com Tika Moreno, do grupo de articulações da Cúpula dos Povos. Ela foi entrevistada pelo telejornal Repórter Brasil. Apresentação de Nána Nascimento, da Radioagência Nacional / ABr EcoDebate, 22/06/2012 [ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ] Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate Caso

Rio+20 chega ao fim com resultado tímido e promessas adiadas

  Duas décadas após a Eco-92, Rio+20 não produziu respostas às principais questões modernas. No último dia da Rio+20, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu a todos os governos que eliminem a fome do mundo. Ele disse que, em um mundo populoso, ninguém deveria passar fome. A fase final da conferência também registrou promessas de diferentes países e empresas em temas como energias limpas. Mesmo

Ban Ki-moon tinha razão, artigo de Montserrat Martins

  Rio+20, pra que mesmo? “Nossos recursos são escassos e o tempo está acabando. A natureza não negocia com seres humanos.” (Ban Ki-moon, secretário-geral da ONU, na Rio +20) [EcoDebate] De um dia para outro tive de reescrever essa coluna, que se chamaria “Ban Ki-moon tem razão”. Isso porque nosso glorioso secretário-geral das Nações Unidas desmentiu a si mesmo, o que dissera no dia anterior. Compartilho com vocês o primeiro parágrafo que eu

Os donos do planeta, artigo de Lya Ramos

  Imagem IHU [EcoDebate] Não é de hoje nem de ontem que existem debates e conferências tendo como assunto meio ambiente e sustentabilidade. Em 1972 foi realizada a Conferência de Estolcomo, um grande evento que já abordava a temática da degradação ambiental. Vinte anos após, o Brasil sediou a Eco 92, um evento onde foram levantados os problemas ambientais existentes, e de onde saíram sem sombra de dúvidas, documentos que ainda hoje servem

Rio+20: Movimentos sociais fazem retirada simbólica do pavilhão onde líderes discutem

  ONU reforça segurança em frente ao pavilhão onde acontecia a plenária da Rio+20. Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr Enquanto chefes de Estado e de Governo participavam, ontem (21), do segundo dia da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, grupos inconformados com os rumos das discussões oficiais e com o documento final que os líderes vão assinar ao fim do encontro reivindicam, no Riocentro, maior participação social nas decisões. Do lado de fora

Rio+20: Integrantes da sociedade civil entregam crachás em ato de protesto e publicam carta contra texto final

  Jovens e representantes de entidades civis de todo o mundo fazem manifestação para pressionar líderes mundiais para evitar fracasso da Rio+20. Foto de Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr Um dia depois de pedir a retirada da referência ao apoio da sociedade civil no texto final da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, representantes de organizações não governamentais brasileiras devolveram ontem (20) seus crachás, em um ato simbólico de protesto. Paralelamente, uma

Top