Rotas de bike crescem pelo Brasil e geram impactos positivos ao meio ambiente

 

Rotas de bike crescem pelo Brasil e geram impactos positivos ao meio ambiente

ciclista
Imagem: Pixabay – https://pixabay.com/pt/photos/bicicleta-ir-de-bicicleta-ciclista-5045335/

Andar de bicicleta faz bem para as pessoas, municípios e para o meio ambiente. Com tantas vantagens proporcionadas por esse meio de locomoção, cada vez mais as cidades estão investindo nas malhas cicloviárias. Veja como o aumento das rotas de bike influencia na saúde do planeta!

Cada vez mais pessoas têm adotado a magrela como meio de transporte, o que fez com que as prefeituras começassem a se preocupar com a segurança destas pessoas.

Hoje, nas grandes cidades e nas capitais, é bem comum a presença de ciclovias para as pessoas que preferem esse meio de locomoção que faz tão bem ao meio ambiente.

E o aumento das ciclovias no país convence cada vez mais os cidadãos brasileiros a adotarem a bike como meio de transporte, somado a outros motivos, como ser uma ótima prática de exercícios físicos e não agredir o meio ambiente.

Malhas cicloviárias x Ciclovias

A malha cicloviária é o termo que inclui as ciclovias, vias exclusivas para o trânsito das bicicletas, e as ciclofaixas, faixas delimitadas para a circulação de bicicletas, em meio às outras faixas de veículos.

De acordo com um levantamento realizado pela Betway, site de caça níquel online, as ciclovias no país tiveram um crescimento de mais de 130% nos últimos quatro anos. Os dados também apontam as principais cidades brasileiras com as malhas cicloviárias mais vastas: São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Fortaleza e o Distrito Federal.

De 2019 a 2021, São Paulo foi a cidade que mais construiu ciclovias, com um aumento de 48%, gerando um crescimento de quase 250% no número de ciclistas que frequentam a Avenida Faria Lima.

Em conversa com a Betway, o urbanista Jhonatas Ferreira da Silva, autor de uma tese onde analisou o potencial brasileiro para as ciclovias, afirma que a maior parte do trânsito ainda é composto por carros, trazendo respostas negativas como a emissão de CO2 na atmosfera.

Embora a bicicleta seja uma das alternativas mais ecológicas para esse problema, muitas pessoas ainda veem a bike como lazer, mesmo com o incentivo das prefeituras das grandes cidades para a adesão da população.

Impactos positivos da bike ao meio ambiente

Atualmente, os transportes conscientes vêm conquistando espaço nas cidades e nos últimos anos as bicicletas estão conquistando a população brasileira. Hoje as pessoas enxergam os benefícios que as bikes oferecem e não apenas como forma de lazer e esporte, mas também para o meio ambiente.

Assim, a bicicleta voltou a assumir um protagonismo na preferência sobre locomoção. Como destaque, selecionamos alguns impactos positivos das bikes ao meio ambiente. Confira!

1. Emissão zero de gases nocivos

Por não possuir motor, a bike não tem emissão de gases nocivos como o CO2. Os carros são uns dos principais causadores da emissão de carbono em nossa atmosfera, colaborando com o efeito estufa e resultando no aquecimento global.

Além disso, a bike não utiliza nenhum componente dos combustíveis fósseis, como a gasolina. Gerando economia para o bolso e evitando o uso da gasolina, derivada do petróleo, onde sua queima contribui para a emissão de CO2.

2. Fácil reciclagem

Uma bike pode durar dezenas de anos, com manutenção bem mais simples que um veículo automotor, além de muito mais barata. Mas quando sua vida útil termina, é possível descartá-la corretamente para reciclagem.

Além disso, é possível fazer a reutilização de diversas peças da bicicleta, com criatividade ela pode ser usada como decoração, móveis, entre outros.

3. Evita a poluição sonora

Além da poluição do ar, a bicicleta evita outro tipo de poluição: a sonora. Os carros, motos e ônibus podem fazer muito barulho com seus motores e buzinas. A bicicleta não emite sons e pode trazer mais paz para o trânsito.

4. Gera melhor qualidade de vida

Esse impacto positivo não é diretamente relacionado ao meio ambiente, mas sim a quem utiliza a bike como meio de transporte. Andar de bicicleta é um exercício físico poderoso que ajuda a ter uma vida mais saudável e, consequentemente, melhor qualidade de vida.

Se locomover de bike vai além de um exercício, já que ainda proporciona a otimização do tempo, nesse mundo cada vez mais apressado. Além disso, com a bike as pessoas podem contemplar melhor os locais por onde passa, tendo mais autonomia, pois só depende de si mesmo, além de não ter que enfrentar o trânsito, minimizando os imprevistos, o que contribui muito contra o estresse.

Ao optar pelo uso das bicicletas, as vantagens são muitas. Afinal, elas contribuem com a saúde física e emocional, bem como para a economia do setor e de tempo, além de não prejudicarem o meio ambiente.

 

 

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 19/08/2021

 

A manutenção da revista eletrônica EcoDebate é possível graças ao apoio técnico e hospedagem da Porto Fácil.

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate com link e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top