Aquecimento acelera o derretimento das geleiras da Ásia

 

Derretimento glacial nas altas montanhas da Ásia está acelerando com o aumento do calor do verão

Aquecimento acelera o derretimento das geleiras da Ásia

As geleiras nas montanhas da Ásia têm derretido mais rapidamente nos últimos anos devido ao aumento das temperaturas do verão.

O derretimento das geleiras prevalece agora mesmo em áreas onde as geleiras estavam crescendo, concluiu uma equipe de pesquisadores liderada pela Universidade de St Andrews.

Usando imagens de satélite desclassificadas adquiridas pelo satélite espião norte-americano Corona na década de 1960 e satélites espiões Hexagon na década de 1970, juntamente com vários satélites modernos, os glaciologistas examinaram o comportamento das geleiras em várias regiões da Alta Montanha da Ásia, que inclui a região do Himalaia, mas também outros cadeias de montanhas importantes, como Pamir, Tien Shan e as montanhas do Tibete.

Os resultados, publicados na Nature Communications , têm implicações para as projeções futuras de perda de gelo da região e levantam preocupações sobre a sustentabilidade das geleiras da região como uma fonte confiável de água nas próximas décadas.

O comportamento das geleiras fornece a indicação mais clara do impacto das mudanças climáticas nas regiões de alta montanha. As regiões glaciarizadas da Alta Montanha da Ásia são a fonte de alguns dos maiores rios da Ásia, dos quais centenas de milhões de pessoas dependem para suas necessidades básicas.

O autor principal, Dr. Atanu Bhattacharya, da Escola de Geografia e Desenvolvimento Sustentável da Universidade de St Andrews, que recentemente se mudou para a Universidade JIS, Calcutá, na Índia, disse: “Os resultados mostram o quanto as geleiras diminuíram e diminuíram desde 1960 e fornecem o primeiro registro multitemporal de flutuações glaciares em várias regiões da Alta Montanha da Ásia, incluindo o Himalaia, cordilheiras tibetanas, Tien Shan e Pamir ao longo de quase seis décadas. ”

O Dr. Tobias Bolch, da Escola de Geografia e Desenvolvimento Sustentável da Universidade de St Andrews, que iniciou e orientou o estudo, disse: “A taxa de perda em massa das geleiras na maioria das regiões da Alta Montanha da Ásia aumentou consistentemente desde 1960 e a perda de gelo está ocorrendo agora mesmo em regiões onde as geleiras perderam pouca massa por várias décadas.”

O trabalho também examinou a ligação entre a perda de massa da geleira e as mudanças climáticas. A equipe combinou medições de uma rede de estações meteorológicas de alta altitude com dados climáticos modelados para examinar os principais fatores climáticos da perda de gelo em diferentes regiões da Alta Ásia.

O Dr. Kriti Mukherjee, da University of Northern British Columbia, Canadá, disse: “Os resultados mostram que aumentos substanciais nas taxas de perda de gelo foram causados principalmente por temperaturas mais altas no verão, enquanto as mudanças na precipitação impulsionaram a variabilidade.”

Referência:

Bhattacharya, A., Bolch, T., Mukherjee, K. et al. High Mountain Asian glacier response to climate revealed by multi-temporal satellite observations since the 1960s. Nat Commun 12, 4133 (2021). https://doi.org/10.1038/s41467-021-24180-y

 

Henrique Cortez, tradução e edição, a partir de original da University of St Andrews

in EcoDebate, ISSN 2446-9394, 05/07/2021

 

A manutenção da revista eletrônica EcoDebate é possível graças ao apoio técnico e hospedagem da Porto Fácil.

 

[CC BY-NC-SA 3.0][ O conteúdo da EcoDebate pode ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, à EcoDebate com link e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394,

Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta enviar um email para newsletter_ecodebate+subscribe@googlegroups.com . O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Remoção da lista de distribuição do Boletim Diário da revista eletrônica EcoDebate

Para cancelar a sua inscrição neste grupo, envie um e-mail para newsletter_ecodebate+unsubscribe@googlegroups.com ou ecodebate@ecodebate.com.br. O seu e-mail será removido e você receberá uma mensagem confirmando a remoção. Observe que a remoção é automática mas não é instantânea.

Top