EcoDebate: Índice da edição nº 3.328, de 22/11/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Relatório Unidos na Ciência da ONU, artigo de José Eustáquio Diniz Alves Os (Des)Caminhos da Política Florestal Brasileira em Onze Meses, artigo de Syglea Lopes A Necessidade da Divulgação dos Comitês de Bacias Hidrográficas, artigo de Luiz Eduardo Corrêa Lima Novo dispositivo híbrido pode capturar e armazenar energia solar 5 motivos para investir em uma franquia de energia solar Queimadas na Amazônia deixam vestígios no rio Amazonas e em seus afluentes   [CC

Relatório Unidos na Ciência da ONU, artigo de José Eustáquio Diniz Alves

“Somos a última geração que pode fazer a diferença entre a vida e a morte do Planeta” Jane Fonda [EcoDebate] A ONU preparou um relatório síntese (“Unidos na Ciência”) com as informações mais atualizadas sobre a crise ambiental, que foi divulgado durante a Cúpula de Ação Climática da ONU, ocorrida em Nova York, entre os dias 21 e 23 de setembro de 2019 e que serve também para a 25ª Conferência das

Os (Des)Caminhos da Política Florestal Brasileira em Onze Meses, artigo de Syglea Lopes

Os (Des)Caminhos da Política Florestal Brasileira em Onze Meses De qual bem estamos tratando e quem está incumbido de protegê-lo? A Constituição Federal em seu artigo 225 obriga o Poder Público, (legislativo, executivo e judiciário) a garantir proteção ao meio ambiente ecologicamente equilibrado. Ademais, expandiu esse poder de proteção a coletividade. Diante dos [des]caminhos que a política florestal vem tomando urge analisar o que está sendo feito no sentido de protegê-lo. Nosso

A Necessidade da Divulgação dos Comitês de Bacias Hidrográficas, artigo de Luiz Eduardo Corrêa Lima

    A Necessidade da Divulgação dos Comitês de Bacias Hidrográficas Por Luiz Eduardo Corrêa Lima Professor Titular de Biologia – UNIFATEA/Lorena/SP Membro Titular do Comitê das Bacias Hidrográficas do Paraíba do Sul (CBH-PS), representando o Segmento da Sociedade Civil – Clubes de Serviços, indicado pelo Rotary Club São José dos Campos – Urupema INTRODUÇÃO A Lei Federal 9433/1997, que instituiu as Bacias Hidrográficas como Unidades de Gerenciamento dos Recursos Hídricos e criou os Comitês de Bacias Hidrográficas, já

Novo dispositivo híbrido pode capturar e armazenar energia solar

  Por Jeannie Kever* ** Pesquisadores da Universidade de Houston relataram um novo dispositivo que pode capturar eficientemente a energia solar e armazená-la até que seja necessário, oferecendo promessas para aplicações que vão da geração de energia à destilação e dessalinização. Ao contrário dos painéis solares e células solares, que dependem da tecnologia fotovoltaica para a geração direta de eletricidade, o dispositivo híbrido captura o calor do sol e o armazena como energia

5 motivos para investir em uma franquia de energia solar

Por: Ruy Fontes – Agência #movidos Desde que foi estruturado pelas regras da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) em 2012, o mercado de energia solar distribuída no Brasil não parou mais de crescer. Em apenas 10 meses, 2019 já registrava o dobro de instalações de sistemas fotovoltaicos de 2018, marcando mais um ano consecutivo de crescimento acima dos 100%. Com a demanda pela tecnologia vem a oportunidade para quem deseja empreender em

Queimadas na Amazônia deixam vestígios no rio Amazonas e em seus afluentes

    Elton Alisson | Agência FAPESP – Além dos rastros de destruição na floresta, as queimadas na Amazônia deixam vestígios no rio Amazonas e em seus afluentes. A queima incompleta da madeira das árvores resulta na produção de um tipo de carbono – conhecido como carbono negro – que chega às águas do Amazonas nas formas de carvão e fuligem e é transportado para o oceano Atlântico como carbono orgânico dissolvido. Um

Top