Justiça do Equador confirma multa de US$ 9,5 bi a Chevron por danos ambientais na Amazônia

 

Um tribunal do Equador confirmou, em segunda instância, a multa de 9,5 bilhões de dólares contra a petroleira americana Chevron, por danos ambientais na Amazônia equatoriana, revelou nesta terça-feira uma fonte judicial. Matéria da France Presse.

A Corte de Justiça da Província de Sucumbíos “ratificou” por completo a sentença emitida em 14 de fevereiro de 2011 contra a Chevron por contaminar o meio ambiente, disse a fonte, que pediu para não ser identificada.

A sentença também determina à Chevron que “peça desculpas públicas às vítimas” ou pague o dobro do valor fixado para a multa.

A população amazônica afetada pela Chevron recorreu da decisão em primeira instância por considerar o valor insuficiente para a reparação ambiental, e o grupo americano fez o mesmo por estimar a sentença “ilegítima e inaplicável”.

Matéria da France Presse, no UOL Notícias.

EcoDebate, 04/01/2012

[ O conteúdo do EcoDebate é “Copyleft”, podendo ser copiado, reproduzido e/ou distribuído, desde que seja dado crédito ao autor, ao Ecodebate e, se for o caso, à fonte primária da informação ]

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta clicar no LINK e preencher o formulário de inscrição. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Alexa

Top