Roberto Messias deixa a presidência do Ibama

O presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Roberto Messias Franco, foi exonerado do cargo a pedido. A saída está oficializada na edição de ontem (6) do Diário Oficial da União. Para o lugar de Messias foi nomeado Abelardo Bayma de Azevedo, que chefiava a Diretoria de Planejamento, Administração e Logística do instituto.

Além de Roberto Messias, também deixaram o Ibama o diretor de Uso Sustentável da Biodiversidade e Florestas, José Humberto Chaves, e a diretora de Qualidade Ambiental, Sandra Regina Klosovski.

Messias presidiu o Ibama durante a gestão do ex-ministro do Meio Ambiente Carlos Minc, que deixou a pasta na última quarta-feira (31) para disputar uma vaga de deputado estadual pelo Rio de Janeiro.

Em um ano e dez meses, Messias foi alvo de pressões de ambientalistas e de representantes das áreas econômica e energética do governo, principalmente pelos licenciamentos ambientais.

Entre as licenças assinadas por Messias, estão a autorização para o início das obras da Usina de Jirau, no Rio Madeira, e para a Usina Nuclear Angra 3 e a licença prévia para a polêmica Hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu (PA).

Reportagem de Luana Lourenço, da Agência Brasil, publicada pelo EcoDebate, 07/04/2010

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta utilizar o formulário abaixo. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

O EcoDebate não pratica SPAM e a exigência de confirmação do e-mail de origem visa evitar que seu e-mail seja incluído indevidamente por terceiros.

Participe do grupo Boletim diário EcoDebate
E-mail:
Visitar este grupo

Comentários encerrados.

Top