Projeto Cuidágua visa articular e mobilizar pessoas e instituições para o cuidado com as águas

manancial

Rio Indaiá recebe o Cuidágua – Uma equipe multidisciplinar da Associação Socioambientalista Somos Ubatuba (ASSU-Ubatuba) prepara-se para descer o Rio Indaiá e o Ribeirão Capim Melado, a fim de conhecer as comunidades locais e convidá-las a participar do projeto Cuidágua, cuidando das Águas de Ubatuba.

Em sua terceira edição, o Cuidágua começou percorrendo os rios Tavares, Acaraú e Grande, em 2006, quando mais de mil moradores foram sensibilizados sobre a importância do uso racional e da preservação dos recursos hídricos. Em 2007, o projeto chegou às escolas municipais, onde é desenvolvido até hoje. Agora, abrangerá os cinco bairros por onde passam o Rio Indaiá e o Ribeirão Capim Melado, que formam a segunda bacia hidrográfica em densidade populacional de Ubatuba: Perequê-açu, Barra Seca, Taquaral, Casanga e Sumidouro.

Embora grande parte da mata no entorno desses bairros ainda esteja preservada, o mapa de uso e ocupação do solo mostra grande concentração urbana próxima à orla marítima, o que concorre para que esta seja a terceira maior área desmatada do município de Ubatuba. A foz do rio Indaiá apresenta índices elevados de contaminação, devido ao despejo de esgoto doméstico e ao uso de defensivos e fertilizantes químicos nas áreas agrícolas ribeirinhas.

A ausência de maiores informações sobre a bacia levou a equipe da ASSU-Ubatuba a iniciar o projeto com um diagnóstico socioambiental da região, cuja conclusão está prevista para o final do mês de agosto.

Além do levantamento dos dados preexistentes, a ASSU-Ubatuba fará expedições documentais pelos bairros, para medir a importância que a população atribui aos recursos hídricos e resgatar lembranças do Indaiá e do Capim Melado cheios de vida, quando se podia pescar e nadar por toda a sua extensão, sem riscos à saúde.

O resgate dos rios como personagens principais da história de vida das comunidades será o início de um trabalho de sensibilização e capacitação da população para o cuidado e a gestão compartilhada das águas, estimulando a ação comunitária para a melhoria da qualidade de vida.

Para esta segunda fase do projeto, estão previstos cursos e oficinas de saneamento ambiental e agroecologia, além de mutirões de limpeza e plantio de mudas, entre outras ações ambientais.

O Cuidágua Indaiá é uma realização da ASSU-Ubatuba, em parceria com as Secretarias Municipais de Educação, de Meio Ambiente e de Agricultura, Pesca e Abastecimento, da Prefeitura Municipal de Ubatuba; com financiamento do FEHIDRO (Fundo Estadual de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo).

Informe enviado por Regina Teixeira, Comunicação Cuidágua Indaiá
EcoDebate, 22/08/2009

EcoDebate, 24/08/2009

Inclusão na lista de distribuição do Boletim Diário do Portal EcoDebate
Caso queira ser incluído(a) na lista de distribuição de nosso boletim diário, basta utilizar o formulário abaixo. O seu e-mail será incluído e você receberá uma mensagem solicitando que confirme a inscrição.

Participe do grupo Boletim diário EcoDebate
E-mail:
Visitar este grupo

Comentários encerrados.

Top