País não sabe como e quanto suas jazidas de ouro produzem porque legislação desconsidera existência de extração em larga escala

  O Brasil estabelece procedimentos simplificados para a emissão de licenças para garimpos, tendo em vista que a atividade garimpeira é historicamente caracterizada por ser um trabalho de baixo impacto ambiental realizado de forma artesanal por pessoas pobres. No entanto, as leis não definem quem pode ter acesso a essa permissão simplificada. Essa falta de clareza da legislação vem possibilitando que projetos de mineração de escala empresarial deixem de apresentar pesquisa prévia

Estatística contra desastres – Modelagem de suscetibilidade de encostas a escorregamentos

  Episódios de escorregamentos rasos são frequentes em ambientes montanhosos como a Serra do Mar, localizada nas regiões Sul e Sudeste do Brasil. A ocorrência deste tipo de movimento de massa se dá por um conjunto de condições morfológicas, geológicas e climáticas, mas quais deles são mais significativos a esses eventos quase sempre associados a desastres naturais? Para responder à pergunta, a geógrafa Helen Cristina Dias fez um estudo sobre modelagem

EcoDebate: Índice da edição nº 3.267, de 21/08/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Os 6 anos mais quentes do Antropoceno: 2014-2019, artigo de José Eustáquio Diniz Alves O Rio Voador de Fumaça e o Sínodo para a Amazônia, artigo de Roberto Malvezzi (Gogó) Cacarejos no Estado-Espetáculo, artigo de Gaudêncio Torquato Cientistas extraem hidrogênio (H2) do petróleo e betume, produzindo combustível livre de poluição e emissões de CO2 Nota técnica revela que queimadas na Amazônia em 2019 seguem o rastro do desmatamento 3 razões para

Cientistas extraem hidrogênio (H2) do petróleo e betume, produzindo combustível livre de poluição e emissões de CO2

  Cientistas extraem hidrogênio (H2) do petróleo e betume     Os cientistas desenvolveram um método econômico de larga escala para extrair o hidrogênio (H2) das areias betuminosas (betume natural) e dos campos de petróleo. Isso pode ser usado para alimentar veículos movidos a hidrogênio, que já são comercializados em alguns países, bem como para gerar eletricidade; O hidrogênio é considerado um combustível de transporte eficiente, semelhante à gasolina e ao diesel, mas sem

Nota técnica revela que queimadas na Amazônia em 2019 seguem o rastro do desmatamento

  Queimadas na Amazônia   O número de focos de calor registrados na Amazônia já é 60% mais alto do que o registrado nos últimos três anos. O pico tem relação com o desmatamento, e não com uma seca mais forte como poderia se supor, segundo nota técnica sobre a atual temporada de queimadas que o IPAM (Instituto de Pesquisas Ambiental da Amazônia) divulga hoje. Confira a nota técnica na íntegra. De 1º de janeiro

3 razões para fazer um financiamento de energia solar em 2019

    Por: Michelle Martins – agência #movidos Os números da energia solar no Brasil estão batendo recordes a cada ano, só em julho deste ano a quantidade de instalações já superou os sistemas conectados em todo 2018. Agora é o momento da Energia Solar no Brasil e você pode garantir o seu telhado solar aproveitando a chance que o mercado está oferecendo. Confira! #1 Custo para compra e instalação cada vez menor Os brasileiros já

Liminar determina indeferimento de todos os pedidos de mineração em terras indígenas no AM

  MPF aponta que apenas suspender os processos, como tem feito a ANM, coloca em risco direitos das populações indígenas; exploração mineral em terras indígenas não é permitida por lei   Após a Justiça Federal atender o pedido de liminar do Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas, a Agência Nacional de Mineração (ANM) deve indeferir todos os requerimentos de pesquisa mineral ou lavra em territórios indígenas no Amazonas. O pedido de liminar foi

EcoDebate: Índice da edição nº 3.266, de 20/08/2019

  Revista eletrônica EcoDebate, ISSN 2446-9394   Desperdício de alimentos e água, artigo de Roberto Naime Aumento da temperatura do mar e o excesso de pesca afetam os níveis de mercúrio nos peixes Verdades inconvenientes sobre a proposta de Lei Geral do Licenciamento Ambiental, por Luis E. Sánchez, Alberto Fonseca e Marcelo Montaño Em Confresa (MT), 'chuva' de agrotóxicos expulsa agricultores familiares e polui as águas do território indígena Urubu Branco Nas aldeias de Maturacá e Ariabu,

Desperdício de alimentos e água, artigo de Roberto Naime

    Desperdício de alimentos e água [EcoDebate] Desperdício de alimentos é um conceito de definição imprecisa. De modo geral, considera-se desperdício um dos tipos de perda que ocorrem na cadeia produtiva dos alimentos, que vai da produção até o consumo, referindo-se especificamente às perdas deliberadas que ocorrem na comida apta para o consumo, seja por descarte ou pela não utilização. Como muitas vezes pode ser difícil distinguir até que ponto as perdas são

Aumento da temperatura do mar e o excesso de pesca afetam os níveis de mercúrio nos peixes

  Adicionar outro item à lista cada vez maior dos impactos perigosos da mudança climática global: os oceanos aquecidos estão levando a um aumento do metilmercurio neurotóxico prejudicial em pescas populares, incluindo bacalhau, atum rabilho do Atlântico e espadarte, segundo pesquisa liderada pela Harvard. John A. Paulson Escola de Engenharia e Ciências Aplicadas (SEAS) e da Escola de Saúde Pública Harv Chan TH (HSPH). Por Leah Burrows * ** Os pesquisadores desenvolveram um

Em Confresa (MT), ‘chuva’ de agrotóxicos expulsa agricultores familiares e polui as águas do território indígena Urubu Branco

  Por Texto: Julia Dolce | Fotos: José Cícero da Silva “A senhora pode aguentar tudo, resistir à pressão de todo o tipo, mas quero ver aguentar o veneno”, ouviu Valdiva de Oliveira e Silva, hoje com 66 anos, de um funcionário de “Gilbertão”, que queria expulsá-la de seu lote, no assentamento Gleba Novo Horizonte, em Confresa, Mato Grosso. O grileiro Gilberto – preso por grilagem, ameaça e uso de violência em

Nas aldeias de Maturacá e Ariabu, 56% dos ianomâmis apresentaram índice do metal acima do limite estabelecido pela OMS

  Pesquisadora da Escola Politécnica participa de estudo que aponta níveis elevados de mercúrio em crianças e mulheres indígenas Por Julia Neves - EPSJV/Fiocruz São 9,6 milhões de hectares entre os estados de Amazonas e Roraima em uma região rica em minérios. Nela, vivem cerca de 26 mil indígenas ianomâmis que têm sido altamente impactados pela presença de garimpeiros ilegais. Recentemente, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) chamou atenção para os dados preliminares de

Top